Jogatina de FDS

O que estamos jogando: Knockout City, Tell me Why, Earth Defense Force e mais!

Sem saber o que jogar no final de semana? Confira os jogos que a equipe do GameBlast jogará neste final de semana.



Olá, queridos leitores! Sejam bem-vindos a nossa Jogatina de FDS. Depois de toda a correria ao longo da semana, nada como dar uma pausa momentânea e relaxar ao aproveitar aquele título pendente em nossa lista. Não importa a plataforma ou gênero, a única regra é curtir esse hobby que tanto amamos da melhor maneira possível. Motivados por isso, pedimos ao nosso time de redatores para compartilhar com vocês os jogos para esse final de semana.

Matheus Senna de Oliveira



Mais tempo para jogar dodgeball

Graças a atualização promovida pela sua produtora, Knockout City (Multi) será um game gratuito até o jogador atingir o nível 25. Ou seja, neste fim de semana poderei curtir um pouco mais das divertidas partidas de queimada que ele oferece. Tal como escrevi na minha análise (que você poderá conferir ao final do dia), ele é bem construído, bonito e bastante acessível. Fico na torcida para que a EA não deixe a bola cair e conceda o devido suporte ao título para que ele consiga se manter relevante e envolvente.




Mário Carvalho



Fim de semana da patroa

Ter uma companheira que divida seus gostos é uma satisfação que poucos casais podem vivenciar. Mesmo não sendo tão assídua quanto eu, minha esposa costuma se aventurar bastante em jogos de terror como o Phasmophobia e em experiências mais narrativas como Detroit: Become Human. Aproveitando as celebrações do mês do orgulho LGBT+, a Microsoft liberou Tell Me Why (Multi) para que jogadores de PC e Xbox usufruam do título de forma gratuita. 

É claro que minha esposa não perdeu tempo e já partiu para desvendar a história dos irmãos Tyler e Alysson. Apesar do início morno, a campanha parece ter engrenado bem no capítulo 2 e despertado cada vez mais o interesse dela em descobrir mais sobre o passado conturbado dos jovens.




Enquanto minha “primeira dama” domina o nosso PC, me resta me contentar com o aparelho celular. Para matar o tempo, resolvi retomar minha conta em Epic Seven (Mobile) que trouxe eventos comemorativos interessantes em função do campeonato mundial da arena, o Epic Fest 2021 e da atualização “RISE!”, que reformula diversos elementos muito criticados pelos fãs como o sistema de progressão de personagens, deixando-os muito mais amigáveis especialmente para os chamados F2P (free to play).

Ivanir Ignacchitti



Mais do mesmo

Neste fim de semana, irei jogar os mesmos jogos do anterior. Trails of Cold Steel IV é muito grande e deve tomar boa parte do meu tempo. Não havia mencionado, mas também estou jogando Kowloon High-School Chronicle no Switch. É um RPG curioso que brinca com a estrutura de ruínas para oferecer uma experiência de aventura bastante experimental.




Por fim, ainda devo aproveitar algumas partidas de Earth Defense Force: World Brothers no Switch. O jogo de ação sobre lutar contra criaturas alienigenas gigantescas tem sido muito divertido e imagino que farei o resto das missões de história neste fim de semana.



GameBlast recomenda

Hora de recapitular as notícias que bombaram em nossa página durante a semana que, por sinal, foi bastante movimentada. Jogadores de PlayStation foram surpreendidos com a notícia de que a sequência de God of War foi adiada para 2022. A medida visa criar um espaçamento maior entre os grandes exclusivos da Sony, já que Horizon Forbidden West já estava previsto para esse ano, além de garantir maior tempo para refinamento técnico do produto final. Não tem jeito, deixem 2021 para a Aloy brilhar!
Análise: Jin Conception (PC/Switch)

Outro notícia que me chamou a atenção foi a chegada da editora Dark Horse no mundo dos jogos através da criação de uma divisão focada no assunto. Os representantes da divisão já estão em contato com diferentes estúdios em busca de parcerias para o desenvolvimento de jogos AAA em múltiplas plataformas. É animador o fato de poder ver franquias queridas como Hellboy, O Máscara e The Umbrella Academy com a chance de ganharem grandes adaptações nos jogos. 
Lançamentos para PC da semana de 24/05 a 30/05

Do lado das análises, começamos com a bravura da simpática ratinha Quill em Moss (PC/PS4) em uma aventura voltada para os dispositivos de realidade virtual. Mesmo com um tempo de conclusão curto, o jogo encanta pelo capricho artístico dos cenários e pelo fato de atuarmos como um coadjuvante na jornada da corajosa ratinha que precisa salvar seu mentor que encontra-se ameaçao por uma antiga magia recém-dispertada.
Calendário de lançamentos para o mês de Junho de 2021

A coragem é uma virtude valorizada e bem-vinda, seja você uma ratinha indefesa em Moss ou uma poderosa semideusa em Aluna: Sentinel of the Shards (Multi). Aqui controlamos a filha meia humana da deidade conhecida como Pachamama, uma das mais importantes na cultura mesoamericana. Dotada de poderes especiais, teremos que recuperar os fragmentos contendo o poder remanescente da deusa antes que as forças das trevas se apoderem deles.
Biomutant (Multi) – guia de localização dos personagens secundários

Pulando para a nova geração, temos a análise de Returnal (PS5), o aguardado roguelike da Sony que mistura elementos metroidvania e shooter bullet hell não só atualiza o gênero muito bem na nova geração, como marca por trazer a clássica experiência desafiadora característica do gênero. No controle de Selene, uma exploradora espacial, desvende os mistérios por trás de um ameaçador planeta conhecido como Atropos e um misterioso loop temporal que parece manter a astronauta presa na mesma linha temporal.
Análise: Astalon: Tears of the Earth (Multi)

A famosa lei de Murphy sempre nos convida a redobrar a atenção com o aviso de que se algo pode dar errado, ele provavelmnte irá acontecer. Ela só é levada excessivamente a sério em Mayhem in Single Valley (PC). Não basta uma criatura esquisita despejar um composto químico que transforma a todos em zumbis na véspera do ingresso protagonista Jack Johnson na faculdade de artes, ele precisa levar a culpa pelo ocorrido enquanto parte em uma aventura repleta de quebra-cabeças na tentativa de resolver a situação e limpar seu nome.
Análise: Wonder Boy: Asha in Monster World (Multi)

A franquia Mass Effect entre na lista de trabalhos de remasterizações ao receber a coletânea que reune a saga do/a comandante Shepard em Mass Effect: Legendary Edition (Multi). O remaster conta com uma melhoria impressionante nos gráficos e na taxa de quadros em comparação aos títulos originais, mas se mantém modesto ao manter algumas mecânicas que envelheceram mal nos dias atuais, além do fato de não contar com traduções para português, o que pode afastar novos fãs em potencial.
Prévia: Ninja Gaiden: Master Collection (Multi)

Mantendo a jornada espacial, que tal embarcarmos com tudo no improvável? Afinal de contas, estamos falando de Mighty Goose (Multi) onde contralamos um destemido ganso espacial caçador de recompensas. Percorra  por fases repletas das criaturas mecanizadas do Void King e impeça seu ardiloso plano de dominar toda a galáxia.

E encerramos aqui mais uma edição do Jogatina de FDS. Agradecemos pela sua presença e nos vemos no próximo sábado. Tenham todos uma excelente e segura semana!

Escreve para o GameBlast sob a licença Creative Commons BY-SA 3.0. Você pode usar e compartilhar este conteúdo desde que credite o autor e veículo original.


Disqus
Facebook
Google