Jogatina de FDS

O que estamos jogando: Infini, Control, Far Cry 3, Celeste, Metal Gear e mais!

Sem saber o que jogar no final de semana? Confira os jogos que a equipe do GameBlast jogará neste final de semana.

Olá, queridos leitores! Sejam bem-vindos a nossa Jogatina de FDS. Depois de toda a correria ao longo da semana, nada como dar uma pausa momentânea e relaxar ao aproveitar aquele título pendente em nossa lista. Não importa a plataforma ou gênero, a única regra é curtir esse hobby que tanto amamos da melhor maneira possível. Motivados por isso, pedimos ao nosso time de redatores para compartilhar com vocês os jogos para esse final de semana.

Matheus Senna de Oliveira

Enquanto novidades não chegam, de volta a biblioteca

Depois de analisar Namco Museum Archives Vol. 1 e Vol. 2, duas coletâneas cheias de diversão e nostalgia, agora vou dar mais uma chance para a minha biblioteca. Shadow of the Colossus (PS4) é um game que sempre me chamou atenção desde os tempos do PS2. Graças a PS Plus, agora terei minha chance para experimentá-lo no PS4. A ideia básica é colocar o jogador para enfrentar vários monstros gigantes e, assim, salvar a vida de uma pessoa amada. Vamos ver se ele será tão bom quanto a sua vasta fama sugere…



Ivanir Ignacchitti



Entre viagens psicodélicas e um mundo pós-apocalíptico

Este fim de semana tenho dois jogos específicos em mãos. O primeiro deles é void tRrLM(); //Void Terrarium (Switch). Nele, o jogador controla um robôzinho e precisa explorar dungeons e criar uma estrutura capaz de sustentar a vida da última humana. É uma combinação de mystery dungeon com simulador que devo conhecer mais a fundo neste fim de semana.



Já o outro jogo é Infini (PC/Switch), um título que é uma verdadeira viagem. Trata-se de um puzzle platformer focado em perspectiva com um estilo bastante único. No entanto, isso também acaba sendo um ponto negativo. Alguns elementos visuais e sonoros são mais “rabiscos esquisitos” e “ruídos que se sobrepõe”, o que faria com que qualquer pessoa questionasse a sua qualidade ao bater o olho pela primeira vez, mas a experiência tem me agradado bastante, especialmente no aspecto de puzzle.



Farley Santos


Explorando um mundo surreal

O meu final de semana será dedicado a Control, o notável último trabalho da Remedy (de Quantum Break). No jogo, acompanhamos Jesse, uma garota que vai até a sede do Departamento de Controle em busca de seu irmão desaparecido. Chegando lá, a situação se complica rapidamente: coisas estranhas e paranormais estão acontecendo pela construção e Jesse acaba se tornando a única capaz de resolver tudo. O título é uma aventura de ação e tiro em terceira pessoa com alguns recursos bem interessantes, como usar poderes de telecinese para lançar objetos nos inimigos ou levitar, o que torna divertido os intensos combates.



O que eu mais estou gostando no jogo é a atmosfera surreal e intrigante: o mundo e história são bem produzidos, e a aventura está repleta de lugares estranhos e cenas instigantes. É impressionante também a variedade de situações e locais presentes no título, ainda mais levando em conta que ele se passa em uma única construção imensa.



Alexandre Galvão


Bem-vindo à selva, novamente!

Olá queridos! Tudo bem com vocês? Pois bem, na semana passada eu estive desfrutando de dois clássicos do passado em Castlevania Requiem: Symphony of the Night & Rondo of Blood (PS4), o que rendeu mais uma platina durante a quarentena – quarentena é modo de falar, mas vocês entenderam o que eu quis dizer. A jogatina foi tão intensa que rendeu um texto que trarei para vocês nesta próxima semana.



Desta vez, como bom aproveitador de pechinchas que sou, peguei Far Cry 3 Classic Edition, a versão remasterizada e completa de Far Cry 3 (Multi), por um precinho que mal pagaria um sanduba com um refri, mas foi tão gostoso quanto. Poder jogá-lo novamente me deixou empolgado para tentar fazer brotar outra platina na minha humilde coleção de troféus. É neste jogo que vou depositar boa parte do meu tempo neste fim de semana. Bem-vindos de volta à selva, amigos!




Tiago Herrmann


Um fim de semana recheado de empatia e esperança!

Neste fim de semana planejo finalizar The Last of Us Part II (PS4), jogo eletrizante que transmite sentimentos poderosos como ódio, tristeza, desolação e principalmente empatia. Aparentemente, estou caminhando para a reta final da narrativa e posso dizer que foi uma das melhores experiências que tive em 2020 até o presente momento. Além disso, planejo escalar novamente uma montanha em Celeste (Multi) e descobrir os fantasmas que lá habitam, sendo estes o medo e a solidão. Não sei vocês, mas este importante e premiado jogo independente me traz esperança.



Hadan F.


Persistindo no modo "Rambo: Programado Para Matar"

Prossigo em minha aventura junto a Metal Gear Solid V: The Phantom Pain (Multi) e embora mantenha os mesmos elogios das semanas anteriores, reconheço que a realização de constantes missões (muitas delas repetidas) já começaram a me cansar.



Até a última semana costumava cumprir religiosamente mesmo as Operações Paralelas, contudo, estou mais interessado em encerrar o enredo de uma vez. Para mim, isso serve como um sinal de alerta para determinados jogos com situações maçantes que resultam no desinteresse do jogador. Concluirei, claro mas já estou me cansando em fazer basicamente as mesmas coisas.


Essa foi a nossa seleção de jogos. Agora queremos saber de você, caro leitor: qual a sua pedida para o final de semana?

GameBlast recomenda

Não deixe de conferir em nossa página a análise de SKYHILL (Multi), jogo que tem tudo para agradar aos fãs de roguelike que combina um alto nível de dificuldade e elementos de RPG. Tivemos a oportunidade de testar Haxity (PC) um jogo de cartas que apresenta combates estratégicos em uma temática cyberpunk.

Alcance os 100% no jogo de luta do careca mais poderoso do mundo com nosso guia de conquistas

E que tal relembrarmos Limbo (Multi), um belo título que encantou muitos jogadores com sua temática sombria e repleta de mistérios que trazemos mais uma vez a vocês através do Blast from the Past. Já que estamos olhando para o passado, preparamos uma prévia de Ghost of Tsushima (PS4) com tudo que podemos esperar do título da Sucker Punch Productions que promete nos levar em uma divertida viagem histórica ao Japão medieval.
BlastCast #199
E encerramos mais uma edição do Jogatina de FDS, agradecemos pela sua presença e nos vemos no próximo sábado. Tenham todos uma excelente e segura semana!

Escreve para o GameBlast sob a licença Creative Commons BY-SA 3.0. Você pode usar e compartilhar este conteúdo desde que credite o autor e veículo original do mesmo.


Disqus
Facebook
Google