Apex Legends (Multi): desenvolvedor é demitido por publicações racistas e sexistas feitas em 2007

Game designer publicou em um blog que mulheres são seres "irracionais" e de "cromossomo idiota".


Daniel Z. Klein, que assumia a função de game designer em Apex Legends, battle royale gratuito da Respawn, foi demitido por conta de comentários de cunho racista e sexista publicados por ele, em um blog, no ano de 2007. Na ocasião, o sujeito se referiu a mulheres como seres "irracionais" e de "cromossomo idiota", além de outros referindo-se aos vizinhos de origem africana, onde o comparou a animais.


A descoberta do conteúdo foi encaminhada para o setor de recursos humanos da EA para apuração e dias depois o profissional foi desligado da empresa. Klein assumiu a autoria das postagens, pediu desculpas e disse que o incansável trabalho para se tornar uma pessoa melhor continua.
O caso é mais um que pega carona no tema, que atualmente é protagonizado pela Activision Blizzard por causa do processo que está sofrendo pela justiça da Califórnia, em que é acusada de comportamentos discriminatórios e de assédio sexual no ambiente de trabalho. As perdas da empresa já contabilizam a queda no valor das ações, a saída do presidente da Blizzard, a perda de patrocinadores nas ligas competitivas de Overwatch e Call of Duty e, mais recentemente, a demissão do diretor de Diablo IV.

Fonte: VG24/7

Tecnólogo em Gestão Ambiental, produtor do BlastCast e sincero até demais. Jogador casual de muitos e hardcore em poucos. Adora jogos que acabam em discórdia e fogo no parquinho. @XelaoHerege


Disqus
Facebook
Google