The Last of Us: Neil Druckmann mantém o silêncio sobre uma terceira parte do jogo

O diretor dos dois primeiros jogos, e co-presidente da Naughty Dog, ainda não pode falar sobre uma possível terceira parte.


Neil Druckmann, co-presidente da Naughty Dog, diretor dos dois primeiros jogos de The Last of Us e produtor e roteirista da série homônima da HBO, deixou claro durante uma entrevista que ainda não tem nada a declarar sobre uma possível terceira parte do premiado jogo.

A entrevista em questão foi cedida ao portal Entertainment Weekly. O diretor esclareceu que não está em condições de divulgar informações sobre um terceiro jogo no momento. Durante a conversa, ao ser questionado sobre o tema, Druckmann simplesmente sorri e diz que não consegue “dizer nada” neste momento, adicionando que “meu diretor de comunicação vai me massacrar”.

Em outras ocasiões o diretor já deixou claro que a possibilidade de uma terceira parte do jogo existe. Em 2020, já as vésperas do lançamento da The Last of Us Parte II, Neil disse que já considera o desenvolvimento de uma sequência, e que "a melhor ideia para algo novo sempre vence".

Após o lançamento da Parte II, o diretor voltou a falar sobre essa possibilidade, e que encontrar histórias novas e interessantes é sempre um desafio. Principalmente quando se trata de algo em que as pessoas já possuem uma grande expectativa.

Atualmente, Druckmann está trabalhando na produção da segunda temporada da série televisiva de The Last of Us. Ainda na entrevista ao Enterteinment Weekly, ele afirmou que as filmagens começarão assim que a greve dos atores e roteiristas de Holyywood chegar ao fim.

The Last of Us Parte I, remake do primeiro jogo que está completando 10 anos em 2023, está disponível para PlayStation 5 e PC.


Fã de Castlevania, Tetris e jogos de tabuleiro. Entusiasta da era 16-bit e joga PlayStation 2 até hoje. Jogador casual de muitos e hardcore em poucos. Nas redes sociais é conhecido como @XelaoHerege