Hideo Kojima fala da importância de desenvolver um jogo com atores reais

Kojima também afirma estar interessado em fazer um filme, após o lançamento de Death Stranding.




Hideo Kojima participou no último final de semana do Tribeca Festival Games em Nova Iorque e revelou alguns detalhes de Death Stranding, priorizando a importância de desenvolver um jogo com atores reais. Kojima revelou que sempre pensou no ator Norman Reedus para ser o protagonista do seu jogo, mas ressaltou que ele, assim como outros atores, terão nomes diferenciados.


Questionado sobre o motivo de Norman aparecer totalmente nu no primeiro trailer do jogo, Kojima falou também da importância de mostrá-los desta forma e, posteriormente, retratá-los com diferentes roupas e penteados. O produtor ainda ressaltou que com atores reais, diferente de personagens criados em computador, o jogador poderá ter uma maior sensação de realismo durante a jogatina.

A partir de uma metáfora, Kojima ainda falou do desenvolvimento de Death Stranding e a interação com o motor gráfico Decima da Guerrilla Games.

"Imaginem que Norman está andando por Nova Iorque. Estamos tentando criar uma experiência com o motor Decima, para que aquilo pareça o mais semelhante possível com a cidade."
Por fim, Kojima advertiu que o jogo não se passa em Nova Iorque, usando o exemplo apenas metaforicamente. Death Stranding ainda não tem data de lançamento anunciada e será lançado no PlayStation 4 e posteriormente no PC.

Fonte: Polygon
Tiago R. Herrmann escreve para o GameBlast sob a licença Creative Commons BY-SA 3.0. Você pode usar e compartilhar este conteúdo desde que credite o autor e veículo original do mesmo.

Comentários

Google+
Disqus
Facebook