Dicas e Truques

Valkyrie Elysium (PS5/PS4) – Guia de finais

Saiba o que você precisa fazer para ativar os quatro finais possíveis do game.


Valkyrie Elysium é um RPG de ação que revive a série Valkyrie Profile após mais de uma década de dormência e traz uma experiência de combate bastante satisfatória, apesar de não brilhar tanto no aspecto narrativo quando comparado comparado às entradas anteriores da franquia.

Apesar de ser uma história que não chega a ter muito destaque, o game traz um ponto interessante que é a possibilidade de realizar múltiplos finais para a aventura. Neste guia você vai saber como ativar cada um dos quatro finais do game, e necessários, para obter todos os troféus do jogo e conquistar a valiosa platina do game. Mas antes vamos dar algumas dicas interessantes.

Dicas importantes

Uma das dicas fundamentais aqui é obter todas as seis armas do jogo e elevar seus níveis de poder ao máximo. Os capítulos finais trarão batalhas mais intensas, principalmente contra os chefes, e ter seu arsenal maximizado ajudará a tirar o máximo proveito de seus inimigos, principalmente na hora de explorar suas fraquezas contra cada uma de suas armas. Conforme a Valquíria avança na história, as gemas exigidas para elevar o nível das armas aparecem com mais facilidade. Se necessário, rejogue algumas missões.
Elevar os níveis das armas também libera todos seus combos.
Realize o máximo possível de missões secundárias. Desse modo, você consequentemente obterá runas para equipar em suas armas, além de conseguir versões poderosas das Artes Divinas que causam dano elemental massivo nos inimigos. A grande maioria das missões secundárias são obtidas ao interagir com feixes de luz nos mapas das fases e com os Einherjar durante os interlúdios em Asgard.

Obtenha a Arte Divina Nibelung Valesti II, a mais poderosa do jogo. A primeira versão é adquirida automaticamente ao completar o capítulo 8. A versão aprimorada da técnica é obtida ao completar a missão secundária Estudos Midgardianos (3) (Midgardian Studies (3)), ao interagir com um orbe na biblioteca de Asgard após a conclusão deste mesmo capítulo. Diferente das outras Artes Divinas, ela não possui uma versão III.
Vale a pena gastar um tempo fazendo as missões secundárias para obter itens, runas e novas Artes Divinas.
Encontre a maior quantidade possível de Ambrosias. Elas são itens que aumentam permanentemente a quantidade máxima de vida (verde), alma (azul) ou barra de artes (laranja). A grande maioria delas é obtida como recompensa das missões, principalmente as secundárias, e em alguns baús encontrados pelo mundo.

Dadas as devidas dicas fundamentais, vamos ao que realmente interessa: como realizar os quatro finais do jogo. Caso você esteja conferindo este guia antes de ter terminado o jogo pelo menos uma vez, vamos dar uma amenizada nos spoilers sobre a história.

Guia de finais

A ordem dos finais não é necessariamente a que deve ser seguida, mas está organizada dessa maneira por fins narrativos e para otimizar a obtenção dos troféus referentes a esta atividade. Todos os finais dependem do que o jogador faz no capítulo 9, o último do jogo. Fique atento para os detalhes para ativar cada um deles.

Final 1 – Não colete todas as Flores Verdejantes, encontre Armand e escolha a primeira opção

Para ativar este final, o jogador precisa interagir com um NPC na área mais ao norte do mapa. Ao checar o mapa, você verá que há um ícone indicando que tem um NPC naquela localização. É Armand, o jovem que conhecemos no início do jogo e que diz estar procurando por alguém.
Armand está identificado com o ícone branco na parte superior do mapa.
Ao conversar com ele é revelada a verdadeira história por trás da origem da Valquíria, o que a faz questionar o verdadeiro propósito de sua jornada para purificar o mundo. Armand então faz uma proposta para ela e o jogador precisa escolher entre duas opções. Escolha a primeira opção.

Desse modo, o capítulo continuará e o jogador será levado até a derradeira batalha contra Fenrir. Após duas etapas de batalha, e um duelo final contra Hilde, Fenrir revela a verdade sobre o que acontecerá com o mundo. Ao retornar para Asgard ela confrontará Odin, que toma o controle dos quatro Einherjar. Então você precisará lutar contra todos eles, um de cada vez. Após derrotá-los, a Valquíria retomará os controle sobre eles e a luta final será contra Odin.

Este final dará a você o troféu ‘A ruína do Pai de Todos’.

Final 2 – Não colete todas as flores verdejantes e não encontre Armand

Neste final, a última batalha será contra Fenrir.
Semelhante ao Final 1, aqui você deve simplesmente ignorar o encontro com Armand e seguir direto para o confronto contra Fenrir. Nesta linha a luta final contra a loba terá uma terceira fase, em que a vilã será mais agressiva e usará mais ataques de área. Abuse de sua fraqueza elemental e use o Nibelung Valesti II quantas vezes puder para finalizar o combate o quanto antes.

Este final dará a você o troféu ‘A ruína da Grande Loba’.

Final 3 – Encontre Armand e escolha a segunda opção

Neste final você não enfrentará nenhum dos chefes finais.
Seguindo o roteiro do Final 1, no momento em que Armand lhe fizer a proposta, escolha a segunda opção. O capítulo será encerrado e você não precisará combater nenhum dos chefes finais. Este final é útil na obtenção do troféu ‘Mão direita do Pai de Todos’, que exige a obtenção de classificação ‘S’ em todas as missões e exclui o trabalho de jogar todo o capítulo 9.

Este final dará a você o troféu ‘Fuga momentânea’.

Final 4 – Colete todas as Flores Verdejantes, encontre Armand e escolha a primeira opção

As Flores Verdejantes podem ser obtidas a partir do capítulo 3.
Siga o roteiro do Final 1, mas obtenha todas as nove Flores Verdejantes do jogo antes de encontrar Armand. Estes colecionáveis são fáceis de rastrear pois são sinalizados no mapa com um ponto brilhante verde, assim como as Flores Ocas que são sinalizadas de azul, e são encontrados a partir do capítulo 3. Um detalhe que precisa ser observado é a última Flor no capítulo 9, a única que sempre volta para a posição original quando a missão começa. Essa mecânica permite que o Final 4 possa ou não ser ativado caso o jogador queira.

Nessa linha, as batalhas finais contra Fenrir e Odin acontecerão como no Final 1, seguido de uma nova batalha única. Ao realizar este final, você obterá o troféu ‘Possibilidades infinitas’ se já tiver concluído os três outros finais. Por isso a recomendação é deixar este por último.

Revisão: Juliana Piombo dos Santos

Fã de Castlevania, Tetris e jogos de tabuleiro. Entusiasta da era 16-bit e joga PlayStation 2 até hoje. Jogador casual de muitos e hardcore em poucos. Nas redes sociais é conhecido como @XelaoHerege
Este texto não representa a opinião do GameBlast. Somos uma comunidade de gamers aberta às visões e experiências de cada autor. Escrevemos sob a licença Creative Commons BY-SA 3.0 - você pode usar e compartilhar este conteúdo desde que credite o autor e veículo original.


Disqus
Facebook
Google