Ubisoft reformulará grupo editorial para buscar mais identidade para as suas franquias

Yves Guillemot, CEO da empresa, quer que franquias da casa sejam mais únicos, evitando que sejam mais do mesmo.

Por conta das baixas vendas de dois de seus últimos lançamentos, Tom Clancy's Ghost Recon: Breakpoint (Multi) e Tom Clancy's The Division 2 (Multi), o grupo editorial da Ubisoft deve passar por uma reformulação para evitar que seus próximos projetos de jogos de mundo aberto não fiquem com o tom de "mais do mesmo".


A decisão partiu do CEO de empresa, Yves Guillemot, que quer mais identidade para as franquias da casa, tirando a impressão de que todos os jogos de mundo aberto da Ubisoft passem a sensação de serem uma espécie de receita de bolo, que possuem a mesma estrutura, mas com roupagems diferentes.

A chefia continuará com Serge Hascoet, o atual chefe de editorial. A mudança será uma adição no número de subordinados, que terão mais autonomia e dependerão menos da liderança de Hascoet, que chefiava muitos projetos individualmente, o que fatalmente ocasionava similaridades nos jogos, permitindo que mais visões individuais sejam consideradas no processo de criação.

A expectativa é de que essas mudanças reforcem e agilizem o desenvolvimento das propriedades intelectuais da Ubisoft e, consequentemente, revertam o atual cenário do portfólio de jogos da desenvolvedora, tornando-os com identidades mais únicas.

Fonte:Polygon

Tecnólogo em Gestão Ambiental, produtor do BlastCast e sincero até demais. Jogador casual de muitos e hardcore em poucos. Adora jogos multiplayer que causam discórdia e fogo no parquinho. @XelaoHerege

Comentários

Google
Disqus
Facebook