Blast Log

Nintendo Direct e o primeiro dia da E3: colocando as mãos nas novidades da feira

Sony e Microsoft trocaram tapas de forma indireta em suas conferências do dia 10 de junho de 2013. Na manhã do dia seguinte, a Nintendo c... (por Rafael Neves em 12/06/2013, via GameBlast)


Sony e Microsoft trocaram tapas de forma indireta em suas conferências do dia 10 de junho de 2013. Na manhã do dia seguinte, a Nintendo colocou no ar seu mais novo Nintendo Direct, substituindo a tradicional apresentação no Nokia Theatre. Será que sobrou espaço para o Wii U em meio ao duelo sanguinário entre PlayStation 4 e Xbox One? Bom, nós acompanhamos o Nintendo Direct e comparecemos ao Los Angeles Convention Center para conferir de perto as novidades do Wii U e experienciar pela primeira vez as novas plataformas da Microsoft e Sony. Venha conferir o que a Equipe GameBlast pôde vasculhar nesse primeiro dia de E3!

Nintendo agitando a manhã

Para vocês aí no Brasil, assistir ao Nintendo Direct às 11:00 pode ter sido tranquilo, mas para nós, aqui em Los Angeles, conferir a apresentação da Big N nos forçou a acordar às 7:00, após um cansativo dia de pré-conferências, e ter paciência para assistir ao vídeo com uma internet lenta. Bom, perdemos alguns trechos e tivemos de assistir muita coisa depois.No final a equipe ficou incerta se o que foi mostrado valeu o esforço para assistir. O que você achou?

Ok, foi emocionante ver o novo Super Mario, Mario Kart, Wind Waker HD, Super Smash Bros., X e Pokémon, mas nós já tínhamos ciência da aparição deles há alguns meses atrás. Mas, e o Metroid inédito? E um Star Fox completamente imprevisível? E uma nova franquia para surpreender a todos? Talvez só o que nos pegou de sopetão foi o novo Donkey Kong Country: Tropical Freeze, não?

A equipe GameBlast enfrenta sufoco para assistir ao Nintendo Direct bem cedo direto do hotel.
Assistir ao Nintendo Direct, tanto a versão americana quanto a japonesa, foi um grande desafio
Pois bem, ficamos com um gostinho de quero mais, mas, ainda assim, logo partimos para o Los Angeles Convention Center, pois os portões da E3 estavam prestes a serem abertos. Felizmente, pudemos conferir um evento VIP da Nintendo, o Wii U Software Showcase. Ele aconteceu no estande da Nintendo antes do pavilhão ser aberto e trouxe não apenas demonstrações de quase todos os novos games do Wii U e 3DS, como também apresentações ao vivo de estrelas como Shigeru Miyamoto, Eiji Aonuma, Masahiro Sakurai, Reggie Fils-Aime e Mario. Sim, Mario! O encanador bigodudo apareceu num telão e entreteu o público ao vivo por alguns minutos. Mario lia os crachás dos visitantes, fazia-lhes perguntas e agitava o público - tudo na carismática voz de Charles Martinet.

Zelda marcou presença em dobro, com A Link Between Worlds (3DS) e Wind Waker HD (Wii U)
Ouvimos as sábias palavras dos diretores de Donkey Kong Country: Tropical Freeze, Bayonetta 2 e outros futuros sucessos do Wii U e ainda pudemos testar suas obras na companhia deles. Sim, isso significa jogar Pikmin 3 ao lado de Miyamoto e Wind Waker HD junto de Aonuma. Foi nessa apresentação fechada que Masahiro Sakurai apresentou a Wii Fit Trainer como lutadora jogável do novo Smash Bros. Também foi lá que demonstraram o primeiro gameplay ao vivo desse aguardado jogo. Mario e Mega Man atracaram-se diante dos espectadores, que assistiram a uma vitória triunfal do robozinho azul da Capcom.

Um duelo lendário que pudemos assistir rodando em tempo real
De repente, as cortinas foram abertas e vimos que aquele salão da Nintendo era meramente o seu estande em meio à um oceano de outros. Ficamos um bom tempo no estande da Nintendo ainda, e pudemos testar não apenas as novas maravilhas para o Wii U, mas também pérolas do 3DS e conteúdos a serem disponibilizados via eShop. As nossas impressões você confere em breve, fique ligado!
Sim, a apresentação exclusiva da Nintendo foi incrível!

Xbox One em mãos

Logo que adentramos a E3, a Equipe Xbox Blast tratou de correr para o estande da Microsoft à procura de uma chance de colocar as mãos no Xbox One. A conferência da Sony deu uma rasteira e tanto no console da Microsoft, então foi nossa tarefa descobrir se ele é realmente incrível ou o próximo lanterninha dessa geração. O primeiro game que fizemos questão de desvendar foi, obviamente, o novo Killer Instinct. Ficamos sabendo que o título não é obra da Rare, mas de outro estúdio, o Double Helix. Ainda assim, as lutas que travamos contra outros visitantes foram ferozes, dinâmicas e sangrentas. Embora só tivéssemos duas opções de lutador (calma, outros estarão disponíveis), foi o bastante para nos apaixonarmos. Infelizmente, não foi essa a chance de empunhar o joystick do novo Xbox, pois a jogatina de Killer Instinct se realizou num controle ao estilo fliperama.

Novo Killer Instinct é uma grata surpresa e um fenomenal jogo de luta
Logo depois, corremos para o que caiu como uma luva em nossa necessidade gamística: uma demonstração do controle do Xbox One. O controle tem quatro motores para vibração, que permite sensações bem realistas que aumentam a imersão do jogador. A ergonomia também impressionou, embora não tenhamos visto nada muito diferente do modelo do Xbox 360. Próximo à essa demonstração estava o novo Kinect. Sua tecnologia de captação de corpos é estonteante. Mudanças na expressão facial, movimento de cada dedo da mão, nada escapava às câmeras do acessório obrigatório do Xbox One.

Participamos também de conferências a respeito de Battlefield 4, Ryse: Son of Rome e Dead Rising 3, ambos jogados em tempo real no kit de desenvolvimento do Xbox One. Forza Motorsport 5 também nos deixou de queixo caído, ainda mais por que pudemos experienciar uma corrida num simulador. O novo Halo esteve longe de aparecer lá no stand da Microsoft, mas ao menos colocamos as mãos num spin-off para Windows Phone. Modesto, o título não impressionou muito.

Engatando o Xbox One

Ei, mas e a Sony?

Bom, o PS4 é outro desejo nosso nessa E3. Queremos muito testar a nova plataforma da Sony e desvendar seus games, mas nosso foco nesse primeiro dia foi o Wii U e o Xbox One. Estamos bem ansiosos pelo PS4, então no próximo Blast Log traremos um pouco do que achamos do aparelho. Mas, como vocês devem se lembrar, o PS3 continuou em alta na conferência da Sony, e nós fomos atrás de um aguardado game para testar: Kingdom Hearts HD 1.5 Remix. Claro que não é o Kingdom Hearts III que queremos tanto jogar, mas foi ótimo passar mais alguns segundos no controle do Sora.

Quietinho aí, PS4, já já vamos testá-lo

Um resumo do primeiro dia de feira

Este primeiro dia de E3 serviu para acompanharmos as novidades de perto e fazer contatos com pessoas de diferentes equipes, sites e empresas. Estandes relacionadas à acessórios como o da Innex e da GameStick também foram conferidos, além de pequenas visitas aos estandes da Square Enix, Warner e também de negócios como o do Uol Boa Compra. Também conhecemos o pessoal da Pure Nintendo, uma galera bem informada e que conta com uma revista de puro visual e completo conteúdo.

Mas as coisas não param por aí. Hoje tem mais feira e vocês não perdem por esperar. Acompanhem nos sites da rede Blast e nas páginas do Facebook as novidades em tempo real. Amanhã fecharemos o evento com um concerto especial da Symphony of the Goddess, no Greek Theatre. Uma atração imperdível para qualquer fã de Zelda e que provavelmente ficará na memória de todos que forem ao show. Até lá esperamos acalmar nossas ânsias gamísticas por mais novidades.

Para entrar no clima do concerto de Zelda, uma foto memorável com Eiji Aonuma tirada dentro do Wii U Software Showcase!


Colaboração: Jaime Ninice
Revisão: José Carlos Alves

Escreve para o GameBlast sob a licença Creative Commons BY-SA 3.0. Você pode usar e compartilhar este conteúdo desde que credite o autor e veículo original.


Disqus
Facebook
Google