Top 10

League of Legends (PC): Jogadores para se ficar de olho no campeonato MSI

Jogadores já famosos mundialmente , ou atletas emergentes, vale a pena ficar de olho nestes competidores presentes no MSI.


League of Legends(PC) promoverá o campeonato de Meio de Temporada, o “MSI” (Mid Season Invitational) na Europa, do dia 03/05 até 20/05, do qual já falamos um pouco aqui no site. A disputa reúne os melhores times dos campeonatos regionais de 14 regiões. Através deste resultado é que criamos expectativas para o Campeonato Mundial.


Nesta lista de jogadores, enquanto alguns são figuras recorrentes no cenário internacional de League, outros por sua vez são atletas emergentes. Há desde uma geração inédita de jogadores, como Titan da Kabum e outros que consecutivamente tentam se consagrar, como Uzi da RNG. Você encontra aqui nomes que merecem uma boa atenção no campeonato.

10. Alexandre "Titan" Lima (CBLOL, Brasil);

O destaque do CBLOL, Atirador da Kabum E-sports, Titan, tem por sua marca registrada, jogadas bastante agressivas e arriscadas, mas ao mesmo tempo contanto com uma porcentagem de sucesso enorme, Titan foi peça central para o desempenho da equipe nesta primeira etapa do CBLOL. 



Titan possui um estilo de jogo que pode ser uma faca de dois gumes numa competição a nível mundial, pois a chance de ser punido por uma falha em sua agressividade é grande. Contudo, jogadas agressivas e imprevisíveis são postas, bem ou mal, como característica do cenário brasileiro de League. E até agora, vimos times brasileiros mudando drasticamente sua maneira de jogar quando chegam a estas competições, mas não vem dado muito certo.

O jogador revelação da Kabum emplacou atuações convincentes principalmente de Tristana, sendo colocada como seu principal campeão na etapa. Realizando jogadas ousadas e diversos Triples, Quadra e Pentakills. Titan conta com um AMA(abates, mortes e assistências) médio de 4.75, tendo uma porcentagem de participação em abates pela equipe de 73.5%.

9. Berkay "Zeitnot" Aşıkuzun (TCL, Turquia);

 Atirador da equipe SuperMassive da Turquia Zeitnot vem como destaque da equipe na etapa. A região da Turquia é principalmente uma grande rival do Brasil. Portanto, vale a pena ficarmos de olho na atuação desse jogador. Apesar de não ter utilizado a última campeã lançada, Kai’sa, a expectativa é de vermos sua atuação com ela no campeonato. 



Zeitnot tem apenas duas derrotas na temporada da TCL, estando invicto em 11 partidas de Ezreal, 4 partidas de Caitlyn e com 3 vitórias e 1 derrota com Kalista. Realizando quatro Quadrakills na temporada.

Zeitnot representa uma das equipes em melhor ascensão das regiões consideradas mais “fracas” da competição. Ele jogará contra o Brasil na fase de grupos, que constitui a primeira fase do campeonato, sendo então o principal rival de Titan. O jogador tem um AMA médio de 8.38. Sua participação em abate é de 74.1%.

8. Hu "SwordArt" Shuo-Chieh (LMS, Taiwan, Hong Kong, Macau);

SwordArt é Suporte da Flash Wolves, bastante conhecido por suas atuações pelo time, principalmente contra adversários coreanos. O jogador mantém um estilo de jogo consistente e atua muito bem na posição, criando jogadas pelo time, é responsável por ser um pilar no qual a equipe se apoia para emplacar suas atuações. 



Espera-se muito da atuação de SwordArt, que apesar de ser um ótimo jogador, não acumula tantos títulos quanto outros jogadores. Porém, a fama de sua equipe contra adversários da LCK, faz crescer as expectativas sobre ele. Os principais campeões de SwordArt são Braum, Taric e Alistar, nesta temporada. Tendo o Braum com incríveis 12 vitórias em 13 partidas. O AMA médio do jogador é de 7.62, e sua participação média em abates para a equipe é de 71,1%. 

7. Yiliang “Doublelift” Peng (LCS, NA);

Doublelift é o Atirador da campeã da LCS NA, Team Liquid. O curioso é que ele foi descoberto para o cenário competitivo como suporte inicialmente, sendo conhecido pela sua atuação nas filas ranqueadas do NA com seu Blitzcrank.

Doublelift foi chamado como substituto para a Counter Logic Gaming ou CLG, mas logo passou para Epik Gaming como suporte titular. Para então atuar pela Curse Gaming como atirador e assumindo a posição desde então.



Seu campeão mais conhecido sem dúvidas é a Vayne. Suas mecânicas com a campeã inspiraram vários atiradores, bem como suas jogadas de Caitlyn. O jogador também é conhecido por ser tóxico às vezes, mas sua marca nos jogos competitivos fica em seus Pentakills. Reconhecido por ser o jogador até então com o maior número de Pentakills competitivamente, chegando na casa dos dois dígitos em 2016. Os principais campeões de Doublelift nesta temporada foram Tristana, Varus e Jhin. Possuindo um AMA médio de 6.50 e uma participação em abates pela equipe de 75%.

Doublelift tem uma história conturbada com a família. Fugiu de casa para ser jogador com 18 anos, e poucos dias antes da Final da LCS seu irmão fora acusado de esfaquear os pais. Mesmo assim, surpreendentemente, Doublelift jogou e se saiu muito bem na final da LCS, mas conta que se sente estranho por ganhar nesta situação. 

6. Martin “Rekkles” Larson (LCS, EU);

O Sueco Rekkles joga pela equipe Fnatic foi campeão da LCS Europa na posição de Atirador. O jogador atua no cenário competitivo desde 2012 e acumula diversos títulos pela Fnatic desde então.



Rekkles é mundialmente conhecido por suas atuações com Jinx, Vayne e Ezreal, bem como Lucian e também a escolha inusitada de Kennen em 2015. A atuação de Rekkles foi brilhante na série contra a G2, que lhe consagrou o título da LCS EU. Com direito a dois Pentakills, um de Tristana e um de Sivir, respectivamente nos jogos 1 e 2 da série. Tal atuação aumentou consideravelmente as expectativas sobre o jogador no campeonato MSI. 

Rekkles atuou com apenas 5 campeões na temporada, sendo considerada uma baixa variedade. Seus 3 principais campeões foram Tristana, Sivir e Xayah. Seu AMA médio são impressionantes 13.54 pontos, tendo uma participação em abates de 81.5%. O jogador é um pilar sólido da equipe e vem muito forte para a competição.

5. Jian "Uzi" Zi-Hao (LPL, China);

A trajetória do Atirador, Chinês, Uzi no cenário competitivo é uma história e tanto. Conhecido por sua grande quantidade de títulos como vice-campeão, incluindo consecutivamente os Campeonatos Mundiais de 2013 e 2014 pela Royal, agora atual RNG “Royal Never Give Up” defendida por ele no MSI.

Uzi se configura como o jogador mais consagrados da região LPL. Além disso no cenário mundial, foi eleito entre os melhores Atiradores de todos nas temporadas 3 e 4. Agora, finalmente com seu primeiro título de etapa, chega ao MSI com muito gás.



A LPL é considerada uma região fortíssima candidata a vitória, logo após a LCK. Sendo as duas regiões, adversários mortais.Tendo a fama de ser um dos melhores jogadores de Vayne do mundo, Uzi acumula 3 Pentakills em sua carreira competitiva com a campeã. Sendo um deles em 2014 contra a Invictis Gaming, trazendo a tona seu nome no cenário e começando a construção mundial de sua fama. 

Os principais campeões de Uzi nesta temporada foram Kog’maw, Varus e Ezreal sendo o Varus o de melhor sucesso, 5 vitórias e 2 derrotas. Seu AMA médio é 5.57 e sua participação em abates pela equipe é de 69.8%. Devemos olhar atentos para um dos maiores nomes do cenário mundial de League

4. Kang "GorillA" Beom-hyeon (LCK, Coréia);

O Suporte da Kingzone Dragonx, campeã da LCK, traz a rota inferior uma grande segurança. GorillA é conhecido por ser um jogador que cria muitas jogadas pelo mapa e seus campeões mais reconhecido nas filas ranqueadas da Coréia por são Thresh e Lulu



O jogador tem um leque de campeões extremamente vasto na posição de suporte, chegando até a utilizar, pela primeira vez em campeonatos de League, Miss Fortune suporte em 2016 no mundial, enfrentando a tricampeã STK. Tais partidas foram incríveis e inusitadas. 

Nesta etapa, os três principais campeões de GorillA foram, Tamh Kench, Braum e Taric. Com impressionante 10 vitórias e apenas 1 derrota de Braum na LCK. Seu AMA médio é de 5.0, tendo uma participação em abates pelo time de 68,1%. A expectativa é ver o que GorillA irá nos apresentar nesta competição, será que veremos mais alguma escolha tão inusitada como Miss Fortune suporte? 

3. Kim "PraY" Jong-in (LCK, Coréia);

A Kingzone Dragonx realmente conta com um elenco fortíssimo e não há como não ficar de olho em cada um de seus jogadores. Pray é Atirador da equipe ao lado do Suporte GorillA na rota inferior.

O jogador possui um estilo de jogo extremamente agressivo. É bastante conhecido pelo seu Draven nas filas ranqueadas da Coréia, até mesmo já teve seu nome de invocador como Prayven, em alusão as suas jogadas com o campeão. 

Pray também é reconhecido como sendo o único jogador coreano a vencer campeonatos da região em três diferentes times, sendo eles a NaJin Black Swords, a ROX Tigers e a Longzhu Gaming (atual Kingzone Dragonx, pois foi vendida para a organização). 



PraY também é bastante conhecido pelas suas ultimates de Ashe, a habilidade global flecha de cristal utilizada pelo jogador era quase teleguiada e favoreceu muito suas atuações. O atirador era o criador de jogadas para o time com a campeã. Contudo, a campeã foi um pouco esquecida por ele nesta temporada da LCK.

Seus três principais campeões foram Ezreal, com 15 partidas, saindo vitorioso em 12 delas, ao lado de Varus e Kalista. Estando invicto com a Kalista em 5 jogos. As estatísticas do jogador lhe conferem um AMA médio de 8.2 e uma participação em abates da equipe de 68.9%. A expectativa é de ver grandes jogadas de PraY no MSI. 

2.  Han "Peanut" Wang-ho (LCK, Coréia); 

Também jogador da Kingzone Dragonx, Peanut se destaca como Caçador da equipe e seu desempenho promete trazer jogadas incríveis ao MSI. Seu estilo agressivo na selva e o carismático sorriso que desponta em cada jogada ganhou o coração dos fãs. Principalmente atuando pela tricampeã mundial, SKT no MSI do ano passado, do qual saiu vitorioso.  



Peanut é famoso mundialmente como um dos melhores, se não o melhor, jogador de Lee Sin do mundo.O jogador tem mecânicas apuradas com o campeão, chegando a dominar campeonatos com essa escolha, como aconteceu em partidas do MSI do ano passado.

Os principais campeões utilizados por Peanut nessa etapa da LCK foram Kha’zix, Olaf e Sejuani. Estando invicto de Olaf em cinco jogos, e tendo perdido apenas uma partida com os outros 2. As estatísticas do jogador foram um AMA médio de 8.49 sendo sua participação em abates do time beirando os 80%. Apesar de não ter utilizado a campeã Kai’sa no campeonato da LCK, pode haver uma ligeira chance de Peanut nos apresentar sua performance com a campeã, resta ficarmos de olho. 

1. Gwak "Bdd" Bo-seong (LCK, Coréia):

A região LCK é mundialmente reconhecida como a região mais forte nos esportes eletrônicos de League of Legends. Tendo saído vitoriosa nos últimos 5 campeonatos mundiais do jogo. O Meio da equipe Kingzone Dragonx, Bdd desempenhou um papel consistente na região e enfrentou oponentes renomados da rota do meio, como o tri-campeão mundial pela STK, Faker.


A equipe Kingzone Dragonx vem de uma campanha arrebatadora: emplacou 3-1 na série contra a Afreeca Freecs na grande final do 1° split (etapa) da LCK 2018 em jogos convincentes, o que a traz com ainda mais relevância para o MSI. O jogador Bdd teve um desempenho que o elegeu como melhor jogador da Fase de Pontos do campeonato;

Os principais campeões utilizados por Bdd na LCK foram: Ryze, Talyah e Azir, estando invicto de Talyah em 8 jogos. Além disso suas estatísticas AMA resultam em uma média de 7.8 na etapa e uma média de participação em abates de 73.3%. 

O que esperar desse MSI:

O MSI irá reunir uma variedade imensa de jogadores de diversas regiões, com estilos diferentes, formas peculiares de se jogar, em busca de seu crescimento e sucesso no cenário internacional de League. Devemos esperar para este campeonato, um confronto inédito das forças adquiridas por cada equipe vencedora nesta última etapa de campeonatos regionais.

Aqui, no MSI se mostrará os jogadores que poderão brilhar ainda mais no Campeonato Mundial de League of Legends, que acontece entre Outubro e Novembro. Esta lista tem como objetivo trazer a tona alguns dos grandes nomes desta competição. 

Revisão: Gilson Peres
Yan Honorato escreve para o GameBlast sob a licença Creative Commons BY-SA 3.0. Você pode usar e compartilhar este conteúdo desde que credite o autor e veículo original do mesmo.

Comentários

Google+
Disqus
Facebook