Conheça Lampião Verde (PC), criativo projeto do estúdio paraibano Narsvera

A maldição da botija se espalha pelo mundo do Sertão Profundo enquanto o Lampião Verde aprende a usar seus novos poderes e junta aliados para enfrentar seus desafios

A Narsvera, estúdio paraibano de desenvolvimento de jogos, anuncia o seu mais novo projeto. Lampião Verde: A Maldição da Botija (PC) promete ressignificar os elementos da cultura nordestina mesclando-os com o universo cheio de ação dos super-heróis e desafiará os jogadores a derrotar fantasmas dos mortos pelo cangaceiro mais conhecido do mundo e outras criaturas do folclore local, amaldiçoadas pela botija.


Na história, ao resgatar uma botija mágica com um anel dentro, Lampião é transportado para o Sertão Profundo, um mundo repleto de ilhas voadoras. A partir daí deixa de ser um velho moribundo e se transforma no Lampião Verde, um super-herói que precisa acertar as contas com seu passado para ser digno dos novos poderes e conta com a ajuda de aliados peculiares para salvar esse mundo fantástico, que está sendo corrompido e amaldiçoado pelo Bando das Visagens Malassombrosas.

Ao longo da aventura, Lampião Verde irá passar por diversos reinos, marcados por ritmos típicos como Maracatu, Forró e Capoeira. Além de servir como trilha sonora original para os ambientes, cada ritmo ensina novas formas de usar os poderes tanto combatendo os monstros corrompidos e fantasmas como para desbloquear o caminho para seguir em frente.

Lampião Verde: A Maldição da Botija é um RPG de plataforma 3D com elementos de roguelike e ritmo. Quando o jogo é carregado, cada ilha e tudo o que há nelas é criado na hora, garantindo uma experiência única a cada partida.

Além do game, Lampião Verde: A Maldição da Botija contará com um projeto transmídia, que contempla a criação de uma revista em quadrinhos contando uma nova aventura do protagonista: Lampião Verde e a Pavoa Devoradora de Mundos; um álbum com a trilha sonora composta e gravada exclusivamente para o jogo e um livro de artes conceituais e finais utilizadas no desenvolvimento do game.

O projeto está atualmente buscando fundos no Kickante, site de financiamento coletivo brasileiro. Interessados em contribuir podem fazê-lo diretamente na página da campanha. Para alcançar sua meta, os desenvolvedores precisam de R$ 30.000,00.

Fonte: Press Release
Lucas Pinheiro Silva é analista de sistemas web por profissão, gamer por vocação. Tem grande interesse em game e level design, o que o levou a escrever para o GameBlast. Em seu Facebook e Twitter também fala de outras coisas, como HQs, música e literatura.

Comentários

Google+
Facebook


Podcast

Ver mais

No Facebook

Ver mais