Dicas e Truques

Marvel’s Midnight Suns (Multi): guia para iniciantes vencerem neste game estratégico e mágico

Um conjunto de dicas úteis para começar a carreira de super-herói e salvar o mundo.


Tal qual conferimos na sua análise, Marvel’s Midnight Suns é uma nova e ousada proposta de videogame focada em tática, cartas e estratégia. Ao utilizar o vasto universo da Casa das Ideias, o jogo conseguiu oferecer uma aventura divertida e interessante, mas também desafiadora e única. Para facilitar a vida dos jogadores, sobretudo dos novatos, esta matéria trará dicas preciosas de como fazer jus ao título de super-herói.

Tutorial perpétuo

Uma das boas qualidades de Marvel’s Midnight Suns é a quantidade de dicas e explicações que ele fornece. A tradução para o português é competente, então vale a pena prestar atenção nelas. A única ressalva é que uma parte considerável dessas informações só aparece quando usamos o seu respectivo recurso pela primeira vez.
 
Em outras palavras, para realmente aprender sobre o game, é preciso experimentar todos os recursos disponíveis ao jogador. Alguns estarão bloqueados até que certos requisitos sejam cumpridos (como comentarei na próxima dica), então é importante completar todas as missões e pedidos para liberá-los o quanto antes.
Uma das poucas coisas que o game não deixa claro é a espécie de rotina na qual ele funciona. A cada dia, só é possível realizar uma determinada ação uma vez e em um certo momento: interagir com os colegas, usar a forja (para obter cartas e itens) e realizar um treinamento; depois de esgotar essas possibilidades, o negócio é aceitar uma missão; por fim, interagir com os colegas e grupos, para finalmente dormir e reiniciar o ciclo.

Explorar é preciso

A chamada Abadia funciona como hub central do game, concentrando de áreas de lazer e máquinas criadoras de itens às missões primárias e secundárias. Ela é construída no clássico estilo Metroid: o jogador precisa avançar na campanha para obter os meios necessários para explorar todos locais e desafios. A cada nova missão principal, é importante revisitar locais conhecidos, pois pode ser que agora eles se tornem acessíveis.
Portanto, é recomendável que o jogador frequentemente explore o território em busca de segredos e recursos, como as diversas luzinhas que garantem essências e créditos. Elas podem ser usadas em muitos processos, incluindo criação de cartas e melhorias das estruturas da Abadia.
 
É importante fazer carinho nos bichos de estimação da Abadia, desbloquear baús, descobrir novos locais, iniciar missões, abrir recompensas dessas missões na forja, etc. Midnight Suns é um jogo relativamente simples, mas com muitos desdobramentos, opções e recursos diferentes para aprender e utilizar. Por isso, não tenha receio de interagir com nada pelo caminho, pois nunca se sabe o que podemos aprender e obter.

Amigos, amigos, negócios inclusos

Uma das mecânicas mais importantes de Midnight Suns é o sistema de amizade. Por meio dele, é possível se aproximar dos outros heróis, e, desse modo, receber preciosos bônus durante as lutas. A melhor forma de subir pontos é prestar atenção nas preferências morais de cada um: por exemplo, Magik tem predileção pelo lado sombrio, enquanto o Doutor Estranho, pelo da luz.
Na realidade, as preferências são razoavelmente óbvias, bastando prestar atenção nos diálogos e na vibe do personagem para ter sucesso. Lembre-se, entretanto, de que as escolhas afetam diretamente o jogador: escolhas sombrias resultam na obtenção de cartas desse gênero para a personagem principal e vice-versa com as luminosas. Particularmente, procuro manter um equilíbrio, visto que os dois lados têm recursos poderosos para usarmos no game.

Atenção ao Superlink

Uma das maneiras mais importantes de entender o que está acontecendo, seja na campanha ou nas amizades, é por meio do Superlink. Ele é uma espécie de rede social dos super-heróis que participam das lutas. Por meio dele, recebemos alguns convites para socializar, além de aprender sobre como estão as relações entre os companheiros.

Escolha seus favoritos

Justamente por terem características por vezes tão distintas, é interessante concentrar esforços amistosos em melhorar alguns heróis com mais dedicação. Reforço que é importante manter todos num nível adequado, pois existem missões que exigirão o uso especifico de alguns deles. Ainda assim, dado tempo limitado, é interessante focar em três ou quatro heróis como os favoritos.
Assim, não somente é possível melhorá-los ainda mais, mas também aprender com competência como utilizar cada um deles e suas sinergias. Por exemplo: é interessante ter um personagem que possa provocar os inimigos e atrair os ataques (Wolverine e Capitão América), mas também é preciso causar dano de forma mais segura, seja roubando a vida dos vilões (Blade) ou atacando com força (Capitã Marvel).

Nível de dificuldade flexível

Marvel’s Midnight Suns é bastante ajustável no que se refere ao nível de dificuldade. São várias opções para escolher, sendo que o próprio jogo vai eventualmente te sugerir mudanças dependendo do seu desempenho nas lutas. Não tenha medo de trocar entre elas, visto que o game pode ser bastante exigente. Uma dificuldade mais alta rende mais recursos, como brilho e pontos de experiência, mas também proporciona mais vida e capacidade de causar dano aos inimigos.

Gerencie o seu baralho

Conforme avançamos na campanha, novas e poderosas cartas são liberadas. Elas podem oferecer efeitos inéditos ou versões melhoradas das já existentes. Inclusive, é possível obter essas melhorias combinando versões iguais dessas cartas. Seja qual for a fonte, utilize esses novos recursos para turbinar o seu baralho, sobretudo trocando as versões mais fracas.

Faça bom uso das suas jogadas

Considerando que Marvel’s Midnight Suns tem seus combates disputados por turnos, é importante fazer o melhor uso possível dele. Inicialmente, cada rodada é composta por três jogadas (de cartas), duas recompras e um movimento. Portanto, é interessante utilizar ataques ágeis em inimigos que podem ser derrotados com apenas um contato, e, assim, não desperdiçar jogadas.
 
O recurso da repulsão também é valioso nesse contexto, pois podemos empurrar inimigos uns contra os outros e até contra buracos mortais. Quanto às recompras, não termine os turnos com cartas inúteis: compre novamente se for vantajoso e deixe as coisas preparadas para a próxima rodada.

Não se esqueça dos inimigos

Além de prestar atenção nas suas cartas e nos seus aliados, é importante também olhar para os inimigos. Eles diversas vezes anunciam suas próximas jogadas e deixam indicados os seus alvos, permitindo uma estratégia preventiva. Outra razão importante são as cartas especiais que estão na posse dos vilões e que são obtidas ao serem derrotadas. Embora elas só possam ser utilizadas durante aquela partida, elas são bastante poderosas.

Utilize o ambiente

Além de usar cartas, o jogador conta com uma opção bastante poderosa: utilizar os recursos disponíveis no cenário, incluindo caixas, barris explosivos e postes. Eles não consomem jogadas, então é uma ótima maneira de causar dano extra. Só não exagere, pois essas ações gastam o nível de heroísmo, que pode ser útil no turno seguinte.

Improvisar, adaptar e superar

Uma última dica: caso você esteja repetindo aquela missão difícil pela enésima vez, mude a sua estratégia pra valer. Confiar na vitória somente pela sorte é muito arriscado; se você não quer baixar o nível de dificuldade, então altere a sua estratégia: comece atacando um inimigo diferente, mude o foco das ações para os objetivos secundários (ou vice-versa).
E esse foi o nosso guia de dicas para Marvel’s Midnight Suns. Faltou alguma dica? Deixe a tua opinião nos comentários.
Revisão: Juliana Paiva Zapparoli

é produtor de conteúdo sobre games desde 2016 e um grande fã da décima arte, embora não tenha muito tempo disponível para ela. Seus games favoritos (que formam uma longa lista) incluem: KH, Borderlands, Guitar Hero, Zelda, Crash, FIFA, CoD, Pokémon, MvC, Yu-Gi-Oh, Resident Evil, Bayonetta, Persona, Burnout e Ratchet & Clank.
Também encontra-se no Twitter @MatheusSO02 e no OpenCritic.
Este texto não representa a opinião do GameBlast. Somos uma comunidade de gamers aberta às visões e experiências de cada autor. Escrevemos sob a licença Creative Commons BY-SA 3.0 - você pode usar e compartilhar este conteúdo desde que credite o autor e veículo original.