Eiyuden Chronicle: Hundred Heroes (Multi) recebe novo trailer durante a TGS 2022, confira

Conheça os personagens Nowa e Seign.


A publicadora 505 Games e a desenvolvedora Rabbit & Bear acabam de apresentar, durante a Tokyo Game Show 2022, um novo trailer do JRPG estratégico em turnos Eiyuden Chronicle: Hundred Heroes. O JRPG oferecerá uma história rica com mais de cem personagens jogáveis e belíssimos cenários em 2.5D HD, com game design de Yoshitaka Murayama. 

O trailer da TGS 2022 começa com a cena que encerrou o vídeo apresentado na Gamescon 2022, um duelo sobre uma ponte ao entardecer. O novo trailer apresenta novas animações de combate, uso de habilidades especiais e apresenta alguns personagens, como o oficial do império Seign e o guarda Nowa.

Segue a descrição do jogo, segundo sua página no Steam:
Nossa história começa em uma esquina de Allraan, um mosaico variado de nações com diversas culturas e valores. Com a força da espada e por meio de objetos mágicos conhecidos como “lentes rúnicas”, a história do território foi moldada por alianças e pela agressividade de humanos, homens-fera, elfos e pessoas do deserto que vivem ali. O Império Galdeano derrotou outras nações e descobriu uma tecnologia que amplifica a magia das lentes rúnicas.

Agora, o Império está vasculhando o continente em busca de um artefato que expandirá ainda mais o seu poder.

É em uma dessas expedições que Seign Kesling, um oficial do Império jovem e talentoso, e Nowa, um garoto de uma vila longínqua, se encontram e se tornam amigos.
 
No entanto, o destino logo os arrastará para a guerra e os forçará a rever tudo o que acreditam ser justo e verdadeiro.
Eiyuden Chronicle: Hundred Heroes será lançado em 2023, ainda sem data definida, para o Nintendo Switch, PS5, Xbox Series, PS4, Xbox One e PC (via Steam, Epic Games Store e GOG). O jogo também estará disponível no sistema de assinaturas Xbox Game Pass.

Fonte: Gematsu



é engenheiro eletrônico e tem uma filha fofinha que tenta morder os controles do papai. Curte jogos de luta, corrida e ação.


Disqus
Facebook
Google