Jogamos

Análise: Super Mombo Quest (Multi) entrega um metroidvania ágil, carismático e extremamente divertido

Acompanhe Mombo, o inusitado herói da profecia que precisa salvar o mundo das mãos do maligno Rei dos Pesadelos.


Os brasileiros da Orube Game Studio acertaram em cheio no desenvolvimento de Super Mombo Quest. Temos um metroidvania cheio de personalidade, com uma curva de dificuldade balanceada e desafios divertidos ao longo dos vários cenários que teremos que explorar. Juntos de Mombo, um carismático monstrinho roxo, temos que deter o Rei dos Pesadelos antes que todo o universo seja dominado por suas trevas.

O ataque do Rei dos Pesadelos

Após um ataque surpresa dos Rei dos Pesadelos, Tomé, Mestre dos Guardiões Ancestrais, decide procurar o lendário herói descrito nas profecias. Em sua busca, ele encontra Mombo, uma estranha e abobalhada criatura roxa que, querendo ou não, é o herói que Tomé tanto procurava. O Rei dos Pesadelos lançou suas trevas em todos os mundos e devemos explorá-los com o objetivo de eliminar os inimigos presentes.




A princípio, Mombo não atrai a confiança dos Guardiões. A bolota roxa não intimida e parece só querer lamber as coisas e pular por aí coletando pequenos cristais voadores. O herói possui, a princípio, alguns comandos básicos de movimentação, como saltos duplos, e consegue derrotar inimigos ao pular em suas cabeças. Ao longo da aventura, é possível desbloquear novas habilidades ao derrotar os quatro chefes que estão sob controle do Rei dos Pesadelos.

Além dessas novas habilidades, adquirimos algumas melhorias com os Guardiões utilizando os cristais roxos que coletamos. Podemos aprimorar as habilidades básicas de Mombo, equipar itens, melhorar a visualização do mapa, entre outros upgrades. Os desenvolvedores foram muito criativos ao desenvolver os Guardiões e expor a personalidade de cada um. Suas falas e interações entre si são extremamente engraçadas e encaixam perfeitamente com a premissa descontraída que é proposta.





Mombo Combo!

É possível ver em Super Mombo Quest uma série de semelhanças com alguns títulos de plataforma já lançados. Consegui sentir um pouco de Super Meat Boy e Celeste na jogabilidade, além do Kirby em relação aos poderes e aparência de Mombo. Mesmo com as similaridades, ele apresenta muita personalidade em seus conceitos, tornando-o único.

O mapa possui uma estrutura semelhante à encontrada em outros jogos do estilo metroidvania, com inúmeras salas interligadas e uma livre navegação entre os mundos. Apesar de ser ligeiramente confuso no início, a estrutura das fases é bem-feita, além de os estágios possuírem um trabalho artístico impecável. Tanto o ambiente quanto os inimigos se integram de uma maneira que deixa cada local único e divertido.




Em cada sala, temos como objetivo coletar uma ou duas moedas douradas, de acordo com o desafio proposto. Há pouca variedade nos objetivos, se resumindo a em coletar todos os cristais roxos do local ou derrotar todos os inimigos em uma sequência de combo, chamada de Mombo Combo, sua principal mecânica. A moeda dourada tem como função desbloquear o acesso aos chefes, que exigem uma quantidade mínima do artefato. Já os cristais são utilizados para comprar as melhorias citadas anteriormente.

Para realizar o Mombo Combo, devemos derrotar todos os inimigos antes que a barra de combo se esvazie. A contagem se inicia ao pularmos no primeiro inimigo e vai diminuindo enquanto não derrotamos outro. A variedade de movimentos de Mombo, principalmente quando desbloqueamos novos poderes, deixa a atividade menos monótona e cria uma diversidade de movimentos muito interessante. Caso não consiga completar os objetivos, você pode repeti-los quantas vezes quiser apenas saindo e entrando novamente na área.




A curva de dificuldade de Super Mombo Quest é perfeita e permite o domínio gradual de todas as mecânicas. Tanto os trechos de plataforma quanto os inimigos apresentam uma evolução de dificuldade que exige total controle das habilidades e o título, mesmo sendo difícil, não frustra o jogador com esse detalhe. O único porém são as batalhas contra os chefes, que não acompanham essa evolução. Com exceção do Rei dos Pesadelos, senti que todos os chefes foram simples e não proporcionaram a dificuldade esperada.

Aliada a isso, está a fluidez na movimentação de Mombo. O monstrinho roxo possui movimentos rápidos e precisos e após o domínio de suas habilidades, tornando o jogo uma atividade extremamente prazerosa de desfrutar. Mesmo morrendo bastante nas fases mais difíceis, a repetição não é exaustiva e é possível elaborar diferentes abordagens para os obstáculos.




Apesar de não ser a melhor qualidade de Super Mombo Quest, a história se fecha de maneira divertida e descontraída. A abordagem utilizada traz um ar cômico e uma leveza que combinam com todos os elementos utilizados na construção daquele universo. Isso o torna uma excelente opção para jogadores de todas as idades que procuram algum jogo para se distrair.




Um excelente título brasileiro

Super Mombo Quest é um dos jogos mais divertidos que joguei este ano. Sua abordagem é leve e convidativa, com personagens carismáticos e mundos bem-construídos. A jogabilidade é fluida e a curva de dificuldade permite seu domínio de maneira natural, além de possuir uma vasta opção de habilidade e itens que customizam a aventura. Com alguns pequenos ajustes, ele seria perfeito, pois é competente em todas as suas abordagens e entrega aos jogadores, do início ao fim, uma aventura inesquecível e descontraída.

Prós

  • A ambientação é incrível, com cenários lindos e personagens carismáticos;
  • A movimentação é fluída e fácil de dominar;
  • A curva de dificuldade é perfeita, permitindo que o jogo seja desafiador e acessível;
  • É possível ter diferentes abordagens para concluir os estágios;
  • Há uma boa variedade de itens e upgrades para o Mombo.

Contras

  • Pouca variedade nos desafios de cada área;
  • Os chefes possuem uma dificuldade desbalanceada em relação ao resto dos desafios.
Super Mombo Combo — PC/Switch/Android/iOS — Nota: 9.0
Versão utilizada para análise: PC
Revisão: Davi Sousa
Análise produzida com cópia digital cedida pela Orube Game Studio


Escreve para o GameBlast sob a licença Creative Commons BY-SA 3.0. Você pode usar e compartilhar este conteúdo desde que credite o autor e veículo original.


Disqus
Facebook
Google