Novo CEO da Amazon reitera compromisso da companhia em desenvolver jogos

Andy Jassy expressou apoio à atual gestão da divisão de jogos da empresa.


Antes mesmo de ser nomeado CEO da Amazon no lugar de Jeff Bezos, Andy Jassy já expressava sua vontade de fomentar o setor de jogos da companhia, reconhecendo as falhas e dificuldades que a divisão tem passado.


Desde a criação da Amazon Game Studios em 2012, o estúdio lançou apenas dois jogos de grande orçamento, gastando bilhões de dólares e recebendo pouco retorno financeiro e baixa aceitação do público. 

Como se não bastasse tudo isso, o estúdio, recentemente, esteve envolto de polêmicas, nas quais comportamentos machistas e preconceituosos foram relatados por internos e ex-funcionários. Admitindo os desafios envolvidos e defendendo que a Amazon é uma empresa "inclusiva", Jassy afirma ver "um futuro brilhante pela frente" no tangente à produção de games. Nesse sentido, em resposta aos últimos acontecimentos, o novo CEO deu uma declaração a Bloomberg:
Alguns negócios decolam no primeiro ano, e outros levam muitos anos. Embora ainda não tenhamos obtido sucesso de forma consistente no AGS, acredito que conseguiremos se persistirmos nisso. Ter sucesso imediato é obviamente menos estressante, mas quando leva mais tempo, geralmente é mais doce. Acredito que esta equipe chegará lá se nos mantivermos focados no que é mais importante.
São esperadas mudanças significativas na gerência da Amazon. Será que finalmente a companhia terá expressividade no cenário dos games?

Fonte: Bloomberg

é estudante de Jornalismo e Direito, atuando como escritor, podcaster e pseudocrítico, seja de cinema ou jogos. Sua paixão pelo mundo dos games começou logo cedo e ele sempre sonhou em viver uma grande aventura como Nathan Drake ou Lara Croft, desbravar o mundo Pokémon como o Red e ter a coragem e a determinação de Ezio Auditore.


Disqus
Facebook
Google