Dicas e Truques

Fairy Tail (Multi) – dicas para se dar bem neste divertido e mágico RPG

Uma lista com conselhos e sugestões para aproveitar o jogo ao máximo.

Depois de muita espera, Fairy Tail (Multi) finalmente chegou para a alegria dos fãs da série e de um bom game de RPG. Apesar de bonito e convidativo, o título tem várias mecânicas e elementos, algumas vezes pouco explicados, que são vitais para facilitar e expandir o avanço na sua história. Nesta matéria especial, vamos conferir algumas dicas para o jogador aproveitar o máximo dessa grande aventura.

Entenda o sistema de batalha

O game funciona de forma semelhante aos RPGs clássicos, mas com algumas diferenças importantes. A equipe do jogador, de até cinco membros, é posicionada em uma linha horizontal, enquanto os inimigos são dispostos em uma grade 3x3. Cada golpe tem informações de dano, tipo, efeitos secundários, custo de magia e área de ataque.
Essa área determina quais pontos da grade 3x3 serão atingidos e com qual intensidade. Logo, é vital utilizar movimentos que afetem o maior número de inimigos possível. Prestar atenção nos tipos de golpes, que podem resultar em fraquezas ou resistências, também é importante, lembrando que o sistema deixa essas oportunidades destacadas na tela.
Ao realizar ataques, combos poderão ser executados ao apertar o comando que aparece na tela. Outro ponto importante é que os personagens têm dois tipos de contador: vida (HP) e magia (MP). Quando um deles zera, o mago é nocauteado na hora. Ou seja, fique de olho em ambos para evitar perder um membro em um momento complicado.

Rotacione os personagens na equipe

Fairy Tail proporciona uma grande liberdade na hora de montar a sua equipe. Conforme a campanha avança, as opções aumentam ainda mais, mas lembre-se de uma coisa importante: mantenha um nível equilibrado entre todos os magos, sobretudo no caso dos protagonistas. Isso se deve ao fato de a aventura seguir a obra original, onde as figurinhas carimbadas são as que enfrentam os maiores desafios.
Logo, nomes como Natsu, Lucy, Erza, Gray e Wendy devem ser priorizados, com Gazeel e Juvia logo em seguida. Missões comuns podem ser feitas com uma variedade maior de magos, mas lembre-se de obter experiência nas batalhas com os citados acima para você estar preparado ao avançar na história.

Suba os ranks de forma uniforme

Ao realizarmos missões e melhorarmos a guilda, recebemos pontos e subimos no ranking de guildas do game. Isso libera os Fairy Points, que são utilizados para evoluir os ranks dos personagens. Eles são bem importantes, pois, embora não melhorem os atributos e golpes dos magos, eles conferem novas roupas, habilidades passivas, mais opções de Magic Chain, entre outras tantas vantagens.
Subir de rank, entretanto, pode exigir bastantes Fairy Points. Logo, procure manter um equilíbrio entre os personagens. Isso vale, sobretudo, para utilizar a poderosa Magic Chain (que veremos mais adiante) de forma mais efetiva, em que é importante ter todos os magos evoluídos de forma semelhante.

Colete tudo que vier pela frente

Ao caminhar pelo mundo de Fairy Tail, o jogador irá passar por pequenos pontos de luz no chão. Eles consistem em itens, que podem ser coletados e, posteriormente, usados de três formas principais: criar novos itens, melhorar as instalações da guilda e cumprir os serviços comunitários. Ou seja, são três razões que tornam essa coleta muito recomendada, pois em algum momento esses recursos serão muito úteis.

Mantenha um equilíbrio entre missões principais e secundárias

Embora seja possível focar somente na história e ignorar boa parte das missões secundárias, é recomendável manter um equilíbrio, como de praxe nos RPGs. Ter personagens fortes e bem equipados é fundamental, sobretudo no nível mais alto de dificuldade. Fairy Tail não é um game difícil, mas é preciso jogar com inteligência.
O próprio game limita certos segmentos da campanha caso o jogador não tenha evoluído o suficiente. Ainda assim, tente ir um pouco além do exigido e ficar mais bem preparado. O nível médio dos inimigos da última área que você liberou é um ótimo indicador de até onde se deve ir para manter os desafios razoáveis.

Fique de olho nas tarefas

Além das missões, Fairy Tail conta com os Community Services. Eles consistem em pessoas que precisam de itens específicos, muitas vezes encontrados pelos mapas. Ao cumprir essas pequenas tarefas, podemos receber recompensas valiosas, em especial materiais para produzir lacrimas poderosos. Eles são equipamentos que melhoram os atributos dos personagens e são vitais para tornar o time ainda mais forte.

Lacrimas são muito úteis

Como introduzido anteriormente, lacrimas são itens que podem ser equipados aos personagens. Eles podem conferir mais ataques, velocidade, MP, entre outros tantos efeitos. Além de poderem ser encontrados no mapa ou após derrotar inimigos, eles também podem ser criados no laboratório da guilda. Fique de olho nos lacrimas específicos para cada personagem, que garantem habilidades ainda maiores.

Melhore as instalações da guilda sempre que possível

Agora que você coletou toda sorte de itens, lembre-se de dar atenção à guilda. Mais especificamente, melhorar e remodelar as instalações como a cozinha (kitchen), o laboratório (laboratory) e o painel de missões (requests board). Cada uma delas proporciona um efeito passivo ou recursos inéditos e valiosos, que ajudam muito no avançar do game.

Tomando como exemplos as instalações citadas anteriormente: a cozinha concede um aumento percentual na vida dos personagens; o laboratório permite a criação de lacrimas, que são cristais que podem ser equipados para melhorar os magos; o painel de missões disponibiliza as tarefas secundárias, vitais para conseguir dinheiro e experiência.
Lembre-se que essas melhorias irão exigir itens específicos, cujas localizações estarão marcadas no mapa principal (que veremos em uma dica mais adiante). Também fique de olho no dinheiro, já que as modificações não são gratuitas.

Guarde a Magic Chain para situações de aperto

Quando executamos golpes, a barra Fairy Gauge é preenchida no canto inferior direito da tela. Ao ser completada, ela permite a utilização da Magic Chain. Esse golpe, que acerta toda a área 3x3 dos inimigos, consiste em um combo poderoso feito por todos os membros do time. Como já explicado antes, ele depende dos ranks dos personagens envolvidos, podendo resultar em ataques devastadores.
Dependendo da sua sorte, um movimento finalizador pode ser disponibilizado ao longo da Magic Chain. Chamado de Extreme Magic, ele causa uma grande quantidade de dano, sendo representado por algumas das mágicas mais poderosas da guilda Fairy Tail, como a Fairy Law ou a Fairy Glitter.

Lembre-se de retornar para áreas prévias

Embora seja interessante tentar fazer o maior número de coisas possível ao visitar um local, fique tranquilo: Fairy Tail permite ao jogador revisitar todas as áreas já conhecidas e que ainda guardam segredos. Assim, fica mais fácil explorar alguns mapas depois que os membros do time estão mais fortes.
Durante algumas batalhas, será possível destruir objetos que bloqueiam caminhos pelos mapas. Para isso, é preciso causar uma determinada quantidade de dano aos inimigos em um único ataque durante uma luta próxima ao objeto. Dado que a primeira vez que o jogador encontrar esses obstáculos ele não terá uma equipe tão forte, voltar depois é uma boa pedida.
A habilidade Link Hunt, liberada a partir do capítulo 7, é um recurso útil para esse ponto, além de fornecer experiência no geral. Ela permite ao jogador iniciar lutas de forma imediata, sendo que o número de inimigos irá depender do nível obtido pela Link Hunt, que por sua vez está atrelada à piscina instalada na guilda (lembra da dica de melhorar as instalações?).

Mapas e fast travels são seus aliados

Fairy Tail tem um sistema generoso de fast travels e mapas. Durante uma missão ou coleta de itens especiais para melhorar as instalações da guilda, os locais de interesse terão marcadores com bastante destaque, tanto no mapa principal, que mostra todas as áreas liberadas até então, quanto nos específicos, que detalham a geografia de cada área.
Logo, fica fácil localizar aquele material para melhorar a guilda ou aquele monstro que deve ser derrotado para completar uma tarefa. Vale lembrar que praticamente todos os mapas contam com fast travels. Ou seja, você não precisa sair correndo por todos os lados para chegar ao local desejado. Abra o mapa e preste atenção se não existe algum ponto de fast travel por perto.

Torne o tempo mais proveitoso

Mesmo contando com uma história extensa e muitos diálogos, Fairy Tail pode ser um jogo mais dinâmico e direto. Todas as conversas, animações e cenas podem ser puladas a qualquer momento. Se o jogador ainda quiser conferir esses segmentos, mas de forma mais sequencial, também é possível tornar a passagem das mensagens automática.
Ainda nesse contexto, as lutas gozam de configurações semelhantes. É possível desativar a animação dos golpes, que podem ser um pouco tediosas quando vistas pela enésima vez. Também é possível tornar os combates automáticos, nos quais as decisões tomadas pela máquina são razoáveis e cumprem o seu papel nos desafios menos críticos.

E aí, leitor? Gostou das dicas para Fairy Tail? Ou ficou faltando alguma? Deixe o seu comentário.

Revisão: Ives Boitano

é redator de matérias sobre games desde julho de 2016 e um grande fã da décima arte, embora não tenha muito tempo disponível para ela. Seus games favoritos (que formam uma longa lista) incluem: Kingdom Hearts, Guitar Hero, Zelda, Crash, FIFA, COD, Pokémon, MvC, Yu-Gi-Oh, Resident Evil, Bayonetta, Persona, Burnout e Ratchet & Clank.


Disqus
Facebook
Google