EVO Online é cancelado

Evento deixará de acontecer após o envolvimento de um de seus organizadores com casos de pedofilia e assédio sexual.

A edição de 2020 do Evolution Championship Series, o famoso EVO, está oficialmente cancelado. O maior evento de jogos de luta do ano sofreu um duro golpe após a descoberta de que Joey "The Wizard" Cuellar, CEO da organização, estava envolvido em casos de assédio sexual e pedofilia. Assim que a situação veio à tona, a página oficial do EVO no Twitter emitiu o seguinte comunicado:

"Nós estamos cientes das acusações que foram feitas contra Joey Cuellar. O comportamento nestas acusações vai diretamente contra a missão do EVO de construir um ambiente seguro e acolhedor para todos os nossos jogadores e participantes. Nós levamos esta responsabilidade a sério. Adequadamente, Joey foi afastado da administração enquanto uma é conduzida uma investigação.

Por favor, dirijam suas perguntas para evoinquires@gmail.com"
Após a divulgação dos fatos e o pronunciamento da organização, Cuellar veio a público também via Twitter e não negou as acusações. Apenas pediu desculpa pelo seu comportamento no passado, dizendo que era uma pessoa jovem e inconsequente.

Devido o teor das revelações, a organização do EVO decidiu cancelar o evento deste ano, que seria feito totalmente online e se iniciaria no próximo final de semana (4 e 5 de julho). Além dos torneios de Mortal Kombat 11 (Multi), Killer Instinct (PC/XBO), Them's Fightin' Herds (PC) e Skullgirls 2nd Encore (Multi), algumas produtoras já haviam dado pistas que faria anúncios entre as batalhas, como a SNK sobre o aguardado The King of Fighters XV. O comunicado oficial de cancelamento foi o seguinte:
"Após as últimas 24 horas, em resposta às sérias alegações que vieram à público pelo Twitter, nós tomamos a primeira de uma série de decisões importantes a respeito do futuro da nossa companhia. De imediato, Joey Cuellar não estará mais envolvido com o EVO em nenhuma esfera. Agora nós estamos trabalhando em sua separação completa da companhia e liberamos ele de todas suas responsabilidades.

Daqui para frente, Tony Cannon atuará como CEO; nesta posição, ele terá um papel de liderança em priorizar a prestação de contas do EVO, tanto internamente quanto nos nossos eventos.

O progresso não acontece do dia para noite, ou sem a coragem daqueles que opõem contra más condutas e injustiça. Nós estamos chocados e tristes com estes acontecimentos, mas estamos ouvindo e comprometidos em fazer cada mudança que for necessária para tornar o EVO um modelo melhor para a cultura mais forte e segura que nós visamos. Como consequência, nós iremos cancelar o EVO Online e iremos trabalhar para reembolsar todos os jogadores que escolheram adquirir a medalha. Como prometido, nós iremos doar os lucros equivalentes para o Project HOPE."
Fonte: Eventhubs






é pai do próximo Batman, tio de uma princesa e viúva da Sega. Só sabe jogar títulos de luta, se mata frequentemente em FPS e adora uma velharia (que todo mundo agora gosta de chamar de retrô). Ah, ele está esperando até agora pelo Ridge Racer dessa geração também.


Disqus
Facebook
Google