Jogamos

Review: GXT 860 Thura Gaming Keyboard – um teclado bonito e de qualidade da Trust Gaming

O aparelho do tipo semimecânico oferece um ótimo custo-benefício.


Ao adquirir ou montar um computador novo, normalmente o primeiro periférico a ser considerado é o mouse. Afinal, ter um bom rato é essencial para trabalhar e jogar. Por outro lado, ter um teclado de qualidade é igualmente importante, qualquer que seja a tarefa. Nesta análise, vamos conferir um ótimo exemplo de produto da Trust Gaming: o GXT 860 Thura Gaming Keyboard.

Um mercado competitivo

Ter um bom teclado à disposição é vital para quem usa computadores por longos períodos de tempo. Se a finalidade é para jogos eletrônicos, então essa exigência aumenta ainda mais. Afinal, ter um dispositivo adequado ajuda muito a acertar aquele combo durante uma luta ou a selecionar o item correto durante uma batalha puxada.
 
Dentre as muitas opções no mercado, é possível destacar a linha de produtos da Trust Gaming. Ela pertence à empresa holandesa Trust, que fabrica produtos altamente tecnológicos para videogames, casas inteligentes e computadores. O seu segmento Gaming já está disponível no solo brasileiro, com ótimas opções como o mouse GXT 121 Zeebo, que conferimos anteriormente.
 
No portfólio de teclados, temos como destaque o GXT 860 Thura Gaming Keyboard. Sua maior qualidade é a estrutura do tipo semimecânica. Para quem não sabe, a maioria dos dispositivos atuais utiliza uma estrutura do tipo membrana. Apesar de ser mais leve e silenciosa, ela é menos resistente e pode apresentar problemas como o ghosting.
Uma ótima opção para melhorar o desempenho e a diversão nas partidas
Esse fenômeno ocorre quando múltiplas teclas são pressionadas ao mesmo ou em intervalos de tempo muito curtos. Devido a ele, alguns comandos podem ser simplesmente ignorados durante a transmissão de dados do teclado ao computador. Logo, dispositivos voltados para games devem ter recursos para evitar esse tipo de problema.
 
A construção semimecânica do GXT 860, além de oferecer conforto e confiabilidade no manuseio, conta com um sistema anti-ghosting. Outro ponto importante é que o produto tem garantia de 3 anos no Brasil, cortesia da empresa Softronic, parceira da Trust nas terras tupiniquins. Um tempo fora dos padrões, graças à qualidade dos produtos Trust. Confira a ficha técnica do teclado:
  • Teclas semimecânicas: combina o toque suave de um teclado convencional com a aparência e sensação de um teclado mecânico;
  • 9 padrões de luzes com brilho ajustável;
  • Modo de jogo especial para desativar a tecla Windows;
  • Sistema avançado anti-ghosting para até 16 teclas simultâneas;
  • 12 teclas multimídia de acesso direto;
  • Apoio para o pulso removível;
  • Revestido com uma placa de metal trabalhada;
  • Pés em borracha antiderrapante.
Dimensões do teclado: 40 x 452 x 213 mm

Desempenho de qualidade

A performance do GXT 860 Thura é muito boa, estando no meio-termo entre a linha profissional e a iniciante. Graças a sua já comentada estrutura semimecânica, ele é ligeiramente mais barulhento que teclados convencionais de membrana. Por outro lado, ele é mais confortável para teclar justamente por ser parte mecânico, tornando tanto a jogatina quanto a digitação agradáveis e responsivas.
Detalhe da construção das teclas do GXT 860 Thura
Vale lembrar que esse tipo de teclado também é mais resistente que os convencionais. Suas teclas são do tipo flutuante, ficando posicionadas um pouco acima do plano da base. Essa estrutura permite uma digitação mais fácil e proporciona um melhor acesso para limpeza. Ela também dá uma cara mais arrojada ao dispositivo, sobretudo graças ao maior destaque das luzes (que serão abordadas posteriormente).
 
São doze teclas com atalhos para Windows, como controle de som (aumentar, reduzir e desligar/ligar volume), reprodutor de músicas (parar, trocar e reproduzir), configurações e calculadora. Cada um deles pode ser acessado com a ajuda do botão FN, que também pode ser usado para desabilitar a tecla Windows. Afinal, quem nunca interrompeu uma partida ao apertá-la sem querer?
Além do termo de garantia e de um adesivo, o teclado vem com um guia rápido de instruções
Ainda falando das teclas, infelizmente o dispositivo, que é um produto importado, não tem o padrão ABNT. Logo, botões como o “ç” (cê-cedilha) não existem no teclado, além do seu mapeamento ficar errado para teclas como “~” (til) e “?” (ponto de interrogação), caso o usuário não o altere no sistema operacional. Como o público-alvo do produto são os jogadores, isso não chega a ser um problema grave.
O GXT 860 Thura é voltado para jogos eletrônicos
Claro que digitar mensagens ou textos pode se tornar mais difícil em certos momentos, exigindo que o usuário se acostume. Entretanto, vale destacar que o GXT 860 Thura é bastante honesto na sua proposta gamer, deixando clara a sua configuração europeia das teclas. Logo, a escolha é apenas uma questão de perfil, lembrando que ele oferece muitas qualidades e funciona nos principais sistemas operacionais disponíveis.

Bonito e com vários recursos

O teclado conta com luzes de fundo abaixo das teclas que, além de iluminarem o símbolo de cada uma delas, também tornam o dispositivo uma atração à parte. São oito configurações diferentes (mais um padrão estático) para ver as seis cores diferentes brilharem: verde, laranja, vermelho, roxo, azul e ciano. Apesar de não serem intercaláveis, elas são agradáveis e bonitas.
É possível alternar entre vários efeitos interessantes
Além de um botão liga/desliga, é possível utilizar o botão FN para alternar os padrões de brilho, assim como alterar a frequência (ou intensidade) das luzes em conjunto com as teclas Page Up e Page Down. Deixar o GXT 860 Thura brilhando sempre traz uma alegria a qualquer cômodo, sobretudo na escuridão. Infelizmente, o teclado não conta com nenhum software para configuração mais avançada.
 
Por um lado, isso facilita a sua utilização, pois todos os comandos são realizados utilizando o próprio dispositivo. Por outro lado, customizações mais avançadas, como personalizar o esquema de cores e comandos especiais de teclas, não podem ser realizadas, o que limita um pouco o potencial do aparelho. Ainda assim, creio que as opções disponíveis são suficientes e oferecem uma ótima experiência.
O teclado fica muito legal brilhando no escuro
Outros pontos importantes se referem ao acabamento do dispositivo. Sua base é de metal escovado, que é bonita e fácil de limpar. O conector USB 2.0 é robusto, o cabo tem 1,70 metro de comprimento e dois pezinhos na parte inferior podem ser usados para inclinar o teclado. Temos luzes para indicar o acionamento das teclas Caps, Scroll e Num Lock, além do modo Gamer (tecla Windows desativada).
 
O teclado também conta com um apoio removível para os pulsos. Ele utiliza dois pares de clipes plásticos para ser encaixado na estrutura principal e conta com uma superfície antiaderente. Para terminar, temos o símbolo da linha GXT localizado logo acima das teclas direcionais.

O apoio aumenta ainda mais o conforto ao se utilizar o teclado

Uma ótima opção para qualquer jogatina

Seja você um amante de jogos de tiro, luta, aventura ou estratégia, o GXT 860 Thura Gaming Keyboard é feito para você. Seu estilo simples oferece uma construção robusta e confortável de utilizar. O teclado traz vários pontos positivos, como belos padrões das luzes coloridas, apoio para os pulsos e sistema anti-ghosting. Mesmo que o padrão de teclas europeu seja prejudicial em certos momentos, o dispositivo ainda é um produto muito recomendável para todos os jogadores.
Mais um produto de qualidade da Trust Gaming

Prós

  • Desempenho de qualidade, com teclagem responsiva e agradável;
  • Acabamento simples, robusto e bonito;
  • Ótimo custo-benefício;
  • Várias opções para as luzes de fundo;
  • Apoio para os pulsos removível e confortável.

Contras

  • Não há software para configuração mais avançada do teclado;
  • Layout das teclas não segue padrão ABNT.
GXT 860 Thura Gaming Keyboard – Nota: 8.0
Análise produzida com dispositivo cedido pela Trust Gaming
Revisão: Ives Boitano

é redator do site GameBlast desde maio de 2018 e um grande fã da décima arte, embora não tenha muito tempo disponível para ela. Seus games favoritos (que formam uma longa lista) incluem: Kingdom Hearts, Guitar Hero, Zelda, Crash, FIFA, COD, Pokémon, MvC, Yu-Gi-Oh, Resident Evil, Bayonetta, Persona, Burnout e Ratchet & Clank.


Disqus
Facebook
Google