Ghost of Tsushima (PS4): State of Play mostra detalhes das mecânicas do jogo

Durante a apresentação foram mostradas características gerais do jogo, além de outros recursos como o modo foto e formas diferentes de se jogar.


Ambientado na era feudal japonesa, Ghost of Tsushima será o lançamento de julho para os fãs de playstation e entusiastas da cultura oriental. Com um visual impactante  e uma gameplay diferente, mais detalhes do game foi mostrado na State of Play nesta quinta-feira (14).


A apresentação deu bastante destaque ao mundo aberto do game. Mostrando que será possível explora-lo de diferentes formas e com a utilização de cavalo. Segundo falado no vídeo, a exploração é a essência do design do mundo aberto do jogo desde o planejamento do projeto. Para a navegação foi mostrado um mapa que, além de pontos como vila, apresenta marcas de locais inexplorados no melhor estilo The Witcher 3.



Outro ponto abordado foi a forma de combate mais estratégica e realista que poderá ser utilizada de forma mais furtiva ou confronto direto. Não são necessários muitos golpes para matar o oponente, porém é preciso saber quando atacar, defender e tirar vantagem da quebra de defesa. A forma de batalha se assemelha bastante com a de Sekiro Shadows Die Twice, porém com inimigos pautados na realidade. 



Também foram apresentados recursos que possibilitam mudanças de vestuário do personagem e outras experiencias dentro do game. Entre os recursos está o modo foto, com uma incrível manipulação de partículas e aplicação de filtros, e a escolha de linha de vozes em japonês. De forma mais impactante do que o modo foto, será possível alterar o visual completo do game, assim, transformando a gamplay no que se assemelharia aos clássicos filmes de samurai. 



Confira o vídeo ompleto:



Ghost of Tsushima será lançado em 17 de julho de 2020 para a plataforma Playstation 4.


Escreve para o GameBlast sob a licença Creative Commons BY-SA 3.0. Você pode usar e compartilhar este conteúdo desde que credite o autor e veículo original do mesmo.


Disqus
Facebook
Google