Capcom registra lucros recordes pelo terceiro ano seguido

Graças a Resident Evil 2: Remake (Multi), Monster Hunter World (Multi) e Devil May Cry 5 (Multi).

Através de seu relatório anual de resultados financeiros, a Capcom revelou que pelo terceiro ano seguido registrou lucros recordes, apesar de uma queda significativa nas vendas gerais. Segundo o relatório, até o dia 31 de março de 2020, a empresa registrou uma receita 18,4% menor que a do ano anterior e ficou com 81,6 bilhões de ienes (cerca de 776 milhões de dólares), enquanto o lucro líquido aumentou 27,1% em 15,95 bilhões de ienes (cerca de 150 milhões de dólares).

A empresa diz que seu resultado foi impulsionado por Monster Hunter World, que superou a marca de 15 milhões de unidades vendidas, além de sua expansão, Monster Hunter World: Iceborne, que vendeu mais de 5 milhões de cópias. Resident Evil 2: Remake e Devil May Cry 5 também foram os títulos responsáveis pelo lucro da empresa, e as vendas digitais também ajudaram nesse quesito. Embora a Capcom tenha observado que suas operações de fliperama possam sofrer com a atual pandemia de COVID-19, a empresa diz que isso não deve afetar seu negócio principal de jogos eletrônicos, dado que ele foi direcionado a distribuição de mídias digitais.

Por fim, a Capcom prevê mais um ano recorde para aquele que se encerra em 31 de março de 2021, com vendas líquidas em 4% para 85 bilhões de ienes (cerca de 798 milhões de dólares) e com lucros líquidos crescendo 13% para 18 bilhões de ienes (cerca de 169 milhões de dólares).


é apreciador de games com conceito artístico minimalista e narrativas de significado profundo. Rayman, Ratchet & Clank, Crash Bandicoot, Celeste e The Last Campfire compõem sua longa lista de jogos favoritos.


Disqus
Facebook
Google