Dicas e Truques

Resident Evil 2 (Multi) e um Guia de Sobrevivência para visitantes de Raccoon City

Separamos 12 dicas básicas, mas essenciais para a sobrevivência no apocalipse zumbi.


Resident Evil 2 (Multi) chegou e já está amedrontando muita gente. Para ajudar aqueles que estão prestes a iniciar o game, trazemos aqui um guia básico de sobrevivência, com pequenas dicas essenciais para facilitar ao menos um pouco a jornada de Leon e Claire.


1 - Atire na cabeça e fuja!

Estratégia máxima para enfrentar os zumbis do game. Munição é um recurso escasso, e dificilmente os zumbis morrem com poucos tiros. Priorize tiros na cabeça para fazê-los cambalear e saia correndo. Aproveite seus movimentos lentos para fugir e buscar um local seguro.



2 - Dia de pernas.

Essa não é a ficha C da academia. A ideia aqui, além de fazer uma piada ruim, é dizer que arrancar as pernas dos zumbis com a faca é uma ótima opção para deixá-los ainda mais lentos e com capacidades limitadas. Apenas tome cuidado com a durabilidade da lâmina.



4 - Zumbis são finitos em certos locais.

Algumas localidades de Resident Evil 2 possuem número finito de zumbis. Isso significa que novos inimigos não irão ressurgir do nada. Considere eliminar ao menos uma parte dos comedores de carne caso perceba que irá retornar à uma determinada área mais vezes.

5 - Esteja sempre pronto para contra-atacar!

RE2 oferece a chance de escapar de ataques inimigos caso o jogador tenha itens de suporte no inventário, como facas e granadas. Basta apertar L1/LB para contra-atacar zumbis e até mesmo Lickers e alguns chefes para evitar o dano e abrir uma janela de fuga. No caso da faca, lembre-se que é necessário derrotar inimigo empalado para recuperá-la. E um último aviso: contra-ataques funcionam apenas contra investidas frontais.

6 - Não subestime as ervas azuis!

Embora não sejam muito úteis sozinhas, ervas azuis, quando combinadas com ervas verdes e vermelhas, concedem um bônus de resistência física e contra envenenamento. Não dispense as folhas azuladas quando aparecerem para você. Guarde-as e faça bom uso de sua combinação com outras plantas. Será importante para áreas perigosas, como o esgoto.



7 - Fuja dos Lickers (Carnífices)!

Aqui não há muito o que dizer. Embora não enxerguem, os Lickers (chamados aqui de Carnífices) conseguem localizar suas presas graças à sua audição aguçada. Tente se mover de forma lenta e calma próximo à Lickers distraídos mas, caso não dê certo, a melhor alternativa é fugir, já que exigem grande quantia de munição para morrerem.

8 - Dê valor aos mapas!

Os mapas das áreas de RE2 não servem apenas para localização. Eles registram áreas visitadas, finalizadas e inexploradas totalmente. Regiões azuis indicam que a área não possui mais nenhum ponto de interesse; regiões vermelhas podem conter itens a serem coletados e segredos a serem resolvidos, indicando que ainda há ações a serem realizadas ali. Além disso, todos os itens encontrados por você ficarão marcados no mapa. Volte para pegá-los quando tiver espaço livre no inventário.


9 - Descarte itens desnecessários!

Manejar o espaço do inventário é essencial para a sobrevivência. Lembre-se de descartar itens-chave que já cumpriram seu propósito dentro do jogo. Todos os itens que não possuem mais serventia, como chaves e cartões de acesso, ficam marcados no inventário com um V em vermelho, informando que é seguro descartá-los.


11 - Não gaste munição com o Tyrant!

Mr. X apareceu? Apenas fuja. Enquanto perseguidor, ele não é tão amedrontador quanto parece. Ele não irá lhe alcançar se continuar em movimento. Mas esqueça combates diretos. É desperdício de recursos preciosos. Priorize a fuga, sempre.


12 - Economize ao menos duas opções de cura total para a batalha final. Conselho de amigo!

A batalha final da Primeira Jornada é incrivelmente desafiadora. Minha recomendação pessoal é que possuam bastante munição e ao menos dois itens para cura completa de saúde. Embora possa parecer uma dica óbvia, a verdade é que a luta final parece desbalanceada se comparada com os outros chefes do jogo.


Escreve para o GameBlast sob a licença Creative Commons BY-SA 3.0. Você pode usar e compartilhar este conteúdo desde que credite o autor e veículo original do mesmo.

Comentários

Google
Disqus
Facebook