Future Blast

Crash Team Racing Nitro-Fueled (Multi): o que esperar de um relançamento do game original?

Grande sucesso do PlayStation, vamos refletir sobre as possibilidades de seu retorno para as novas gerações.

O mundo dos videogames vem recebendo vários “relançamentos” de jogos antigos nos últimos tempos. O mais novo membro desta lista é Crash Team Racing (PS), que receberá um reboot em junho do ano que vem com versões para todos os consoles da última geração. Mas o que podemos esperar de Crash Team Racing Nitro-Fueled (Multi)? Vamos discutir sobre isso em mais um Future Blast.

Onde tudo começou

Em 1996, Crash Bandicoot foi lançado para o PlayStation como um novo jogo 3D do tipo plataforma. O game contou com personagens carismáticos, gráficos bonitos e coloridos, boa jogabilidade e mecânicas de jogo divertidas e originais. Assim, o primeiro game do marsupial foi um grande sucesso de crítica e (principalmente) público.
Surgia um dos personagens mais icônicos dos videogames
A sequência, chamada Crash Bandicoot 2: Cortex Strikes Back (PS) foi lançada no ano seguinte e conseguiu um sucesso ainda maior que o jogo predecessor. Isso motivou a produção de dois novos jogos: Crash Bandicoot: Warped (PS) e Crash Team Racing (PS). Enquanto Warped é considerado o melhor da primeira trilogia do marsupial, Team Racing é um spinoff de corrida que ainda hoje é tido como um dos melhores jogos de kart já produzidos.

Também conhecido como CTR, Crash Team Racing tem gráficos coloridos, belas texturas, todo o carisma do universo Bandicoot, excelente jogabilidade e muita diversão, principalmente no modo multiplayer, onde até quatro jogadores podiam curtir as corridas na mesma tela. O jogo tem modo de batalha, vários personagens e pistas, além de muito conteúdo e recordes para serem obtidos.
Mais um excelente clássico do PlayStation
Apesar de muitos considerarem CTR um “clone de Mario Kart”, seu sucesso e qualidades são inegáveis. Claro que um jogador atento pode notar vários elementos inspirados no jogo de corrida do encanador bigodudo e também em Diddy Kong Racing (N64). Mas mesmo que o game não tenha revolucionado o gênero, ele fez tudo de forma quase perfeita.
Até hoje Team Racing apresenta gráficos competentes
Sem entrar no fator “gosto pessoal”, apenas alguns poucos games de kart foram mais bem avaliados que Crash Team Racing. Ou seja, excluindo títulos excelentes como Mario Kart 8 Deluxe (Switch) e Mario Kart DS, CTR é uma referência no segmento. Isto, inclusive, motivou alguns outros lançamentos de jogos de corrida da turma do Crash ao longo dos anos.

Jogos como Crash Nitro Kart (Multi) e Crash Tag Team Racing (Multi), lançados respectivamente em 2003 e 2005, obtiveram uma boa recepção, mas ainda longe do seu predecessor. O primeiro teve forte influência de CTR, mas sem o mesmo brilho ou maiores inovações. Já o segundo contou com uma nova mecânica de fusão entre dois carros e combate com armas malucas, perdendo, entretanto, o enfoque nas corridas em si. Ou seja, os fãs ainda estão na espera de um game digno de Team Racing.

Os bons exemplos: N. Sane e Reignited Trilogy

E será que Nitro-Fueled fará jus a esta expectativa? Embora só o futuro vá mostrar com certeza, temos alguns bons indicativos de que o potencial dele é grande. E certamente o maior destes é o último título do marsupial mais famoso dos games. Crash Bandicoot N. Sane Trilogy foi lançado em junho de 2017 de forma exclusiva para o PS4, e um ano depois para Xbox One, Switch e PC.
N. Sane Trilogy trouxe novamente Crash Bandicoot para os holofotes
O game trouxe os três primeiros títulos de Crash do PlayStation totalmente recriados com gráficos e sons compatíveis com os padrões atuais de qualidade. Apesar da adição de novos elementos, como poder jogar com a Coco Bandicoot (irmã do Crash) e algumas fases extras, o grande sucesso do título se deve a fidelidade da produção às mecânicas, ao layout  e à diversão encontrados nos originais. Como a fórmula já se mostrou vencedora, esperemos que ela seja usada novamente em CTR.

Spyro Reignited Trilogy (PS4/XONE) é outra boa indicação de que Nitro-Fueled pode ser um sucesso. O game do dragão Spyro seguiu a onda do sucesso de N. Sane Trilogy e teve seus três títulos originários do PlayStation refeitos do zero. Utilizando visuais e efeitos modernos em conjunto com boa parte da jogabilidade e elementos presentes nos originais, temos em Reignited um excelente game, tanto para antigos fãs quanto para os estreantes na série.
Reignited é outro bom exemplo de como relançar jogos antigos

O que sabemos até agora

Uma das principais fontes de informação que temos sobre Nitro-Fueled é o trailer exibido na última edição do The Game Awards. Com várias tomadas do jogo mostrando os personagens e pistas de CTR em alta qualidade, o vídeo certamente deixou a comunidade gamer com um gostinho de quero mais.

O game será produzido pela empresa Beenox, que inclusive já tem experiência com outro jogo de kart: Skylanders: SuperChargers Racing (3DS/Wii), lançado em 2015. O game foi lançado para Wii e 3DS como um port do segmento de corrida do game “completo”, chamado Skylanders: SuperCharges (Multi). A medida foi tomada devido ao hardware limitado dos consoles da Nintendo e, mesmo assim, o título teve boas avaliações.

As grandes semelhanças com as estruturas, designs e mecânicas originais de CTR que o trailer apresenta são bastante animadoras. Os visuais são bonitos e bem acabados, ampliando a boa qualidade vista no jogo original. Também vimos que todas as pistas e personagens clássicos estarão disponíveis, assim como os nitros e armas como os mísseis e caixas explosivas. Um ponto ainda não conhecido, entretanto, são os diferenciais da versão especial do game.
Mesmo conceito, mas com tecnologia de ponta
Chamada de Crash Team Racing Nitro-Fueled - Nitrous Oxide Edition, ela traz como principal atrativo o personagem Nitrous Oxide, vilão de CTR que não era selecionável no jogo de PS (embora fosse possível através do acessório Game Shark). Nesta versão especial, o alienígena estará desbloqueado desde o início, enquanto na convencional isso só acontecerá após completar-se uma série de desafios. Além do personagem, algumas skins e karts diferentes estarão disponível na versão Nitrous Oxide Edition. Entretanto, espera-se que novos atrativos sejam divulgados, porque com um preço 50% mais caro ela não parece valer o investimento.
As imagens que temos de Nitro-Fueled são bastante animadoras
O trailer também deixa bem clara a presença de funcionalidades online. Então, prepare-se para aquela disputa com amigos e para conquistar novos recordes em leaderboards competitivas. As cenas com a tela dividida também garantem a presença de modos multiplayer split screen. Novos karts e pistas que não estavam no CTR original também darão as caras em Nitro-Fueled. No trailer, é possível ver Crash dirigindo um kart azul que é oriundo de Crash Nitro Kart. Isso sugere que estes novos elementos, entre outros ainda não divulgados, possam vir de outros jogos da franquia.
Saído diretamente de Nitro Kart para Nitro-Fueled
Falando em Nitro Kart, vale lembrar que Skyro foi um personagem bônus da versão deste jogo para Game Boy Advanced. Quem sabe Crash e Spyro não aparecem juntos novamente? Para quem não sabe, os títulos Crash Bandicoot Purple: Ripto’s Rampage (GBA) e Spyro Orange: The Cortex Conspiracy (GBA) colocaram os dois lado-a-lado para enfrentar uma parceria maligna de Dr. Neo Cortex e Ripto.

Também já foi confirmado que a trilha original de Crash Team Racing será recriada em alta qualidade. Isso é uma ótima notícia, visto que as músicas divertidas eram perfeitas para embalar as corridas emocionantes. Fica aqui o registro que talvez possamos ter um sistema semelhante a Reignited, que permite trocar a trilha sonora “moderna” pela original, dando ao jogador o gostinho de jogar com uma dose extra de nostalgia.

Expectativa de mais um grande sucesso

Olhando para os últimos lançamentos baseados em títulos antigos, principalmente N. Sane e Reignited Trilogy, podemos esperar mais um grande sucesso em Crash Team Racing Nitro-Fueled. Para muitos o CTR original é até hoje um dos melhores jogos de kart já lançados, com jogabilidade praticamente perfeita, gráficos competentes, toneladas de conteúdo e muita diversão. Logo, se este reboot do game conseguir manter os pontos fortes, e uni-los com a qualidade das produções modernas, teremos certamente um novo favorito da comunidade gamer.
Pronto para acelerar novamente com a turma de Crash Bandicoot?
Será que este vai ser mais um reboot de sucesso? Você era fã do clássico Crash Team Racing? Deixe seu comentário.

Revisão: Link Beoulve

é redator do site GameBlast desde maio de 2018 e um grande fã da décima arte, embora não tenha muito tempo disponível para ela. Seus games favoritos (que formam uma longa lista) incluem: Kingdom Hearts, Guitar Hero, Zelda, Crash, FIFA, COD, Pokémon, MvC, Yu-Gi-Oh, Resident Evil, Bayonetta, Persona, Burnout e Ratchet & Clank.

Comentários

Google
Disqus
Facebook