Análise DLC

Shadow of the Tomb Raider: The Forge (Multi) é bom, mas passa rápido

Primeira aventura extra de Lara Croft é bacana, mas talvez não dure tanto quanto gostaríamos.

The Forge é a primeira de sete tumbas adicionais que fazem parte do passe de temporada de Shadow of the Tomb Raider. Essas novas aventuras não terão impacto direto na trama principal, mas prometem explorar histórias paralelas com os personagens secundários do game. Embora o jogo base já possua bastante o que explorar, sempre é bom encarar novos desafios.


Essa primeira Tumba nos é apresentada através de uma missão secundária que fala sobre o passado de Abigaile Ortiz, a moça que nos recebe no vilarejo de Kuwak Yaku. Após cumprir alguns objetivos para localizar a entrada do local, vamos direto para a exploração em si.

The Forge traz alguns elementos não vistos no jogo e como o nome entrega, fará o jogador usar fogo e explosões controladas para avançar pelo mapa. Como nas outras tumbas, não há inimigos para derrotar, apenas o desafio da exploração, algo que Shadow of the Tomb Raider faz muito bem.


No geral não é um DLC muito difícil. O puzzle final exige um pouco mais de observação mas nada fora da curva para quem está acostumado com o jogo. Sinceramente também esperava que a tumba fosse um pouco mais extensa, explorando mais as novas mecânicas, mas quando percebi, já tinha terminado.

Contribui para essa sensação que ao chegar no final do caminho, Lara é teleportada para a porta de saída automaticamente, ao contrário das tumbas principais as quais é preciso fazer todo o caminho de volta.


Uma vez terminada na campanha, The Forge pode ser jogado diretamente pelo menu principal, no qual também temos acesso à porção multiplayer do DLC. Com rankings de pontuação e de melhor tempo, é possível jogar novamente a tumba em busca desses objetivos. Além de jogar apenas pela exploração, sem nenhuma contagem para te atrapalhar.

Mas o que surpreende mesmo é o modo cooperativo, que permite dois jogadores jogarem juntos a tumba. Existe a opção de convidar um amigo ou procurar alguém on-line, infelizmente não consegui nenhuma das duas opções, o que não me deixa aprofundar mais nesse tópico, mas certamente é uma experiência interessante. Vale mencionar que não há opção de coop local.

Fechando o conteúdo, também estão inclusos no DLC uma nova técnica (Granadeiro), o traje de combate Brocken e a arma Umbrage 3-80.


Em resumo, The Forge é um conteúdo que traz o bom gameplay de Shadow of the Tomb Raider de volta com algumas pequenas e interessantes variações. Ao meu ver, seu único problema seja a curta duração, exceto se você for uma pessoa que goste de desafios buscando uma maior pontuação ou um tempo mais baixo. Talvez faça mais sentido considerado todo o conteúdo extra que está por vir. Ainda assim, um belo começo para o passe de temporada.

Revisão: Diogo Mendes
Análise produzida com cópia digital cedida pela Square Enix

Flávio Augusto Priori é formado em design de jogos e tenta ganhar a vida com esse negócio chamado video game. Para ele Metal Gear é a melhor série já feita e ainda acredita na volta da SEGA. Escrevia para o saudoso Minha Tia Joga LoL e hoje pode ser achado no Facebook e no Twitter.

Comentários

Google+
Disqus
Facebook