Blast Test

Monster Hunter World (Multi) — um breve aquecimento para o que está por vir

Game chega às prateleiras no dia 26 de janeiro do próximo ano.


Monster Hunter World (Multi) está há pouco mais de um mês de seu lançamento, e para que os fãs pudessem experimentar um gostinho do que o game completo trará, a Capcom lançou uma versão de testes beta exclusivamente no PS4 no último dia 09 e com fechamento nesta terça-feira (12).


A beta de MHW deu a chance de os jogadores embarcarem em três caçadas distintas, sendo duas em um mesmo cenário. É possível ver de cara como um hardware mais potente faz bem à franquia, que chega aos consoles de mesa e PC com visuais maravilhosos, ricos em detalhes, com um senso de escala que nos transporta para o seu mundo de maneira grandiosa; fauna e flora dão vida a esse mundo, enriquecendo ainda mais a experiência. As missões disponíveis nos permitem caçar um Great Jagras, um Barroth ou um Anjanath. Cada um deles possui um nível de dificuldade específico, padrões de comportamento e ataques únicos e diversificados. O Anjanath foi o mais difícil de se derrotar para mim, mas o Barroth foi o mais interessante. Ele possui uma carapaça extremamente resistente que precisa ser ultrapassada para que danos maiores sejam causados. Essa batalha mostra bem como o combate de Monster Hunter não se resume em apertar apenas um botão. É preciso estratégia e saber como e quando atacar.

Adicionando mais uma camada de desafio, as batalhas podem sofrer interferência de outros monstros que habitam a região. Meu time chegou a ser esmagado ao ter de enfrentar um Anjanath na presença de um Great Jagras. Mas o cenário não vai apenas contra o jogador. A presença de um segundo monstro fez com que ambos travassem uma batalha entre si, dando uma janela de oportunidade preciosa para eu e meus companheiros atacarmos com tudo. Armadilhas e oportunidades de locomoção, como pontos para ganchos, também estão espalhadas pelo cenário, dando maior variedade de ações de ataque ou mesmo de fuga.



Temos ao menos uma arma disponível para cada tipo de arma que estará presente na versão completa de MHW. Há armas menores e rápidas, como as machadinhas duplas Jyura Hatchets e o conjunto de espada e escudo Iron Bang, até armas pesadas e de dano maciço, como a espada gigante Jawblade. Cada tipo de arma oferece ataques próprios, incluindo habilidades especiais que podem ser de ataque ou suporte. Como o game oferece multiplayer para até quatro jogadores, ter um time balanceado poderá fazer toda a diferença em uma caçada. Além das armas principais, temos armaduras, capacetes e equipamentos especiais que modificam os bônus e características do personagem. Capas de furtividade, defesa e que facilitam montar nos monstros oferecem benefícios para se tentar diferentes aproximações na hora de enfrentar os monstros.

Os cenários agora não possuem mais telas de carregamento entre suas áreas, o que torna a exploração e busca pelos monstros mais fluidas. É possível encontrar pistas como pegadas e excrementos deixados pelos monstros, e os Scoutflies, vaga-lumes que nos acompanham, irão nos indicar onde o monstro que estamos caçando está. Facilita um pouco o processo de busca, mas como as missões possuem tempo limite para serem completadas, é um recurso que pode ser visto com bons olhos.



A versão beta de Monster Hunter World trouxe pouco conteúdo. Ainda há muito o que experimentarmos, como o sistema de criação de itens e coleta de recursos. A personalização de nosso caçador e nosso Palico ainda é mínima, mas há a promessa de ser rica no game completo. Os combates são orgânicos e divertidos, com desafios que são influenciados pelas características dos equipamentos usados pelo caçador e pelas circunstâncias do cenário em que as batalhas são travadas. Mesmo com pouco conteúdo, foi possível perceber a riqueza do mundo de Monster Hunter World, o que torna este um dos títulos mais promissores do início de 2018.
Francisco Camilo é ex-viciado em platinas na família PlayStation e sonha em ser escritor no futuro. Divide suas jogatinas entre jogos de todos os tipos e partidas de Battlefield e Call of Duty.

Comentários

Google+
Disqus
Facebook