Dicas e Truques

The Witcher 3: Wild Hunt (Multi) — confira dez dicas para iniciantes

Especialmente para você, que começou a jogar agora e tá meio perdido.


Dito por muitos como um dos jogos mais esperados de 2015, The Witcher 3: Wild Hunt (Multi) está deixando muitas pessoas impressionadas, mas também perdidas. Tendo em vista seus sistemas um pouco complexos, listamos aqui dez dicas que podem facilitar a sua vida e deixar a sua jornada um pouco mais tranquila. Lá vai:

1 - Trocando de sinais rapidamente

Todos sabemos que abrir o menu radial no meio de uma batalha pode ser chato e tirar seu foco, mas não tema! Há uma maneira mais simples e rápida de mudar seu sinal sem abrir o menu: segurando L2 + direcional direito ou esquerdo. Prontinho, agora você pode usar os sinais de maneira bem mais rápida e sem perder o foco.

2 - Crie itens no ferreiro sempre que possível

A melhor maneira de conseguir boas armas e armaduras logo no início do jogo, é criando nos ferreiros. Quando você encontrar novos planos enquanto explora, sempre passe por algum dos ferreiros (que também vendem planos) e veja se não há algo novo para construir, há muitas armaduras e armas de nível baixo que podem te ajudar por vários níveis durante a aventura. É importante lembrar que se você não possuir todos os materiais para criar o item desejado, basta ver se não é possível consegui-lo desmontando algum dos seus itens (peles, armas e armaduras velhas, jóias e outros) ou comprando no próprio ferreiro.

Vale lembrar também que mercadores podem vender mapas de tesouro, que abrem uma missão relacionada. Geralmente, ao fim delas, é possível adquirir planos de equipamentos bem poderosos.

3 - Inventário lotando muito rápido? Saiba como aumentá-lo

Seu cavalo serve pra muito mais coisa que apenas galopar por aí. É possível colocar equipamentos nele que concedem bônus, tais como troféus de caçada, bolsas e selas. As bolsas, que podem ser adquiridas logo no segundo mapa (Novigrad/Velen), aumentam a quantidade total de peso que Geralt pode carregar, ou seja, muito mais espaço para pegar itens.

Local da bolsa que concede +100 de peso. Clique para ampliar.
Se mesmo assim seu inventário estiver lotando muito rápido, use a opção de desmontar itens nos ferreiros. Fique esperto principalmente nas peles (urso, cavalo, cervo, etc) e armas e armaduras. Não precisa se preocupar muito com os itens de alquimia, eles mal ocupam espaço.


4 - Conseguindo mais cartas de Gwent

Gwent é um minigame de cartas muito legal que pode te viciar bem fácil. Para os caçadores de troféus de plantão, há uma missão e um troféu em que é necessário coletar todas as cartas de Gwent. Para deixar as coisas mais fáceis, desafie sempre todos os herbalistas, vendedores de itens, taverneiros e forjadores que encontrar em seu caminho, pois depois de vencê-los, você ganhará uma carta nova e talvez até rara. É bom também comprar sempre todas as cartas de Gwent disponíveis nos taverneiros, além de serem baratas (de 20 a 50 coroas), algumas delas só podem ser adquiridas por eles.

Há também todo um conjunto de missões bem interessantes envolvendo Gwent, que dão como recompensas cartas de heróis e líderes, que podem te ajudar a vencer o torneio de Gwent de Passiflora.

5 - Medite sempre

Além de ser útil para ajustar o horário e poder caçar inimigos diferentes, meditar também recupera todas as suas poções e bombas, dado que você tenha algum álcool forte ou pó, para criar as poções e bombas. Meditar nas dificuldades Fácil e Normal também recupera a totalmente sua vitalidade.


6 - Um sinal para cada momento

Sinais são efetivos em várias situações, principalmente naquelas em que há muitos inimigos. Saiba as melhores situações para usá-los:
  • Quen: anula um dano qualquer enquanto o escudo estiver ativo, com a melhoria certa pode até curar vitalidade ao receber um ataque e ao quebrar, atordoar inimigos.
  • Igni: Use sempre que possível contra vários inimigos, e se algum deles pegar fogo, use uma bomba sonho de dragão para explodir no contato. Em níveis mais altos, esse sinal diminui a defesa de inimigos permanentemente. Também pode ser usada para explodir gases naturais.
  • Axii: Você sabia que esse sinal além de paralisar inimigos, pode fazer também com que você os mate em apenas um golpe? Pois sim, e é especialmente efetivo contra harpias e humanos. Em níveis mais altos pode transformar por certo tempo, um inimigo em aliado, além de ajudar na persuasão em diálogos.
  • Yrden: Extremamente efetivo contra assombrações (Wraiths). Em níveis mais altos também é possível usá-lo para destruir projéteis.
  • Aard: Use para tirar o balanço de inimigos e atordoá-los. Bem útil quando quiser derrubar bandidos de cavalos.

7 - Leia os livros e notas que encontrar!

Geralmente os livros encontrados pelo mapas e bibliotecas podem possuir pedaços de informações sobre monstros, missões e da história geral do continente. Informações encontradas nesses tomos podem até ir para o seu bestiário. Para ajudar na imersão, é sempre bom saber um pouco mais.


8 - Conheça a fraqueza de seus alvos

Principalmente na dificuldade Marcha da Morte, inimigos podem dar um trabalho maior do que o esperado. Para facilitar, leia o glossário e veja a fraqueza de seus inimigos antes de enfrentá-los, preparação é crucial! Use óleos, bombas e os sinais que forem mais efetivos contra sua caça.

9 - Lide com as consequências

Por mais ambíguas que possam ser as escolhas que se apresentam ao jogador, trate de lembrar que nem sempre todos estão falando a verdade e que nem sempre existirá uma escolha em que tudo termine bem para todos. Igual a vida, tome cuidado com suas ações, pois elas podem gerar consequências inimagináveis. Faça suas escolhas, e não olhe para trás.

10 - Explore bastante durante a aventura


Geralmente os locais formados por interrogações ("?" no mapa) possuem ninhos de monstros, locais de poder, itens raros e podem até desbloquear missões novas. Ninhos de monstros dão itens importantes para alquimia, locais de poder dão um ponto de habilidade permanente (além de bônus temporário na intensidade de algum sinal) e tesouros protegidos podem conter itens e planos raros. Explore e garanta suas recompensas!



Espero que essa matéria tenha ajudado vocês à apreciar ainda mais o imenso e interessante mundo de The Witcher 3: Wild Hunt. E vocês, o que estão achando do jogo? Muito complexo? Muito difícil? Muito grande? Nos diga nos comentários.

Confira também dez dicas para veteranos.
Revisão: Farley Santos
Pedro Gusmão aprecia bons jogos independente de plataforma e gênero, mas tem um apreço especial por RPGs e jogos de estratégia. Aficionado por temas fantásticos, adora passar seu tempo livre escrevendo e enfrentando seres mitológicos em videogames.

Comentários

Google+
Disqus
Facebook