Irrational Games, desenvolvedora de BioShock, está encerrando suas atividades

Em uma mensagem emotiva no site oficial da Irrational Games, Ken Levine, co-fundador do estúdio, soltou a notícia inesperada: após 17 ano... (por Unknown em 18/02/2014, via GameBlast)

Em uma mensagem emotiva no site oficial da Irrational Games, Ken Levine, co-fundador do estúdio, soltou a notícia inesperada: após 17 anos de trabalho e títulos aclamados como System Shock 2, SWAT 4 e, pelo que são mais reconhecidos atualmente, BioShock e BioShock Infinite, a equipe do estúdio será reduzida a um pequeno grupo de 15 pessoas, que formarão um novo time de desenvolvimento dentro da Take-Two Interactive.


O lançamento de Burial at Sea Ep. 2, o último DLC de BioShock Infinite, está agendado para o final de março, e depois disso o mais provável é que não veremos mais nenhum jogo sob a marca da Irrational. Isso não necessariamente quer dizer que a série, que já rendeu mais de meio bilhão de dólares, estará acabada, já que BioShock 2 foi desenvolvido pela 2K Marin e Digital Extremes, mas deixa o seu futuro bastante incerto.
Graças à paixão da Irrational e da 2K no desenvolvimento de jogos, e aos fãs que acreditaram nisso, BioShock rendeu mais de meio bilhão de dólares e garantiu um espaço icônico no mundo dos jogos. Eu estou passando as rédeas da nossa criação, o universo de BioShock, à 2K, assim nossa nova marca poderá se dedicar exclusivamente à narrativa rejogável. Se tivermos sorte, nós criaremos algo 50% tão memorável quanto BioShock. - Ken Levine
Além dos agradecimentos, aos funcionários que deixarão a empresa, Levine diz que terão um período de acesso aos estúdios para se despedirem e organizarem seus portfólios, além de oferecer dias de entrevistas para outras empresas interessadas em contratações. O plano original para a nova equipe seria recomeçar do zero como uma startup, mas a Take-Two convenceu o desenvolvedor a continuar seu trabalho dentro da empresa.
O que vem a seguir?
Em tempo nós anunciaremos novo esforço com um novo objetivo: fazer jogos orientados a narrativa para jogadores dedicados que sejam altamente rejogáveis. Para colher o mais diretamente possível relacionamento com nossos fãs, nós iremos nos focar exclusivamente em conteúdo entregue digitalmente. - Ken Levine

Escreve para o GameBlast sob a licença Creative Commons BY-SA 3.0. Você pode usar e compartilhar este conteúdo desde que credite o autor e veículo original do mesmo.

Comentários

Google
Disqus
Facebook