Jogamos

Análise: Ratchet & Clank: Em Uma Outra Dimensão (PS5) é uma divertida experiência que faz ótimo uso do DualSense

O novo exclusivo do PS5 dá um gostinho do potencial do console com uma jogabilidade surpreendente.


Ratchet & Clank retornam para mais uma aventura de tirar o fôlego, desta vez com um título exclusivo do PS5 para mostrar um pouco do grande potencial do console e do DualSense. Confira, nesta análise, por que Em Uma Outra Dimensão é um dos melhores títulos do novo PlayStation até agora.

Uma aventura interdimensional

Ratchet & Clank: Em Uma Outra Dimensão tem início em uma celebração à dupla de heróis, por manterem a galáxia livre de ameaças. Clank dá de presente a Ratchet o Dimensionador, uma tecnologia que permite viajar entre dimensões para que o lombax possa encontrar outros de sua raça. Porém, o Dr. Nefarious aparece, rouba o Dimensionador de Clank e o utiliza para viajar para uma dimensão onde ele sempre vencerá.


Já na outra dimensão conhecemos Rivet, uma lombax que faz parte de uma resistência para derrotar o Imperador Nefarious, uma versão ditatorial do vilão que tem toda a galáxia em suas mãos. Ratchet e Rivet devem unir forças e juntar aliados para derrotar a dupla de Nefarious, viajar entre diversos planetas para consertar o Dimensionador e garantir que ambas as realidades voltem à paz e à normalidade.

O jogo apresenta um enredo divertido e cativante, mas com poucos momentos que surpreendem. A adição da nova lombax, algo que não é novidade na franquia, é muito bem-vinda e as personalidades dos dois protagonistas se completam muito bem, garantindo momentos divertidos ao longo de suas interações.


Durante a campanha podemos coletar diversos colecionáveis e itens de missões secundárias que contam mais sobre a história da nova dimensão e da raça lombax, o que dá grande abertura para uma possível continuação ou um spin-off. O título, infelizmente, é um tanto quanto curto e pode ser concluído em 10 horas, e a platina (bem tranquila de fazer), conquistada em até 15 horas.

Ao finalizar o jogo, o modo desafio, que funciona como um “Novo Jogo+”, é liberado. Falando nisso, a dificuldade apresentada é bastante baixa. Costumo jogar qualquer jogo no nível normal e, neste caso, foi bastante tranquilo progredir pelas hordas de inimigos.



O poder do PS5 em batalhas frenéticas

Em Uma Outra Dimensão segue a mesma receita de seu antecessor: exploramos diversos cenários atrás de coletáveis e recursos, e adquirimos diversas armas, dos mais variados tipos, para enfrentar o exército de Nefarious, entre outras ameaças. As armas devem ser adquiridas com parafusos coletados em caixas e derrotando inimigos e melhoradas utilizando Cristais de Raritânio. Mas uma das maiores mudanças na jogabilidade está na utilização dos recursos do DualSense, principalmente dos gatilhos adaptáveis.

Cada arma faz um uso diferente dos gatilhos: o Carrasco, um tipo de shotgun, possui dois canos e o nível de pressionamento do gatilho determina se o disparo sai de um ou de ambos os canos para que você controle quanto de dano precisa causar e, assim, economizar munição; já o Reator de Vácuo ativa um escudo quando o gatilho é pressionado pela metade e atira o mesmo escudo contra oponentes quando pressionado até o final. Algumas armas, conquistadas mais ao final do jogo, são velhas conhecidas dos fãs da franquia.


Além de cada arma utilizar os gatilhos adaptáveis de forma única e impressionante, os sensores hápticos do DualSense fazem com que você sinta cada coisa que acontece nos cenários e com os protagonistas, como uma nave passando sob sua cabeça, por exemplo. Esses dois fatores juntos garantem um gameplay bastante dinâmico e divertido.

O Ratchet e a Rivet também podem executar ataques físicos com a chave e o martelo, respectivamente, além de realizar esquivas e utilizar botas magnéticas em determinados momentos, mas cuja mira para pular entre as plataformas metálicas não funciona tão bem. Clank também tem seus momentos de jogabilidade, focados em resolução de quebra-cabeças, mas que raramente acontecem.


A variedade de inimigos começa muito boa, mas torna-se repetitiva a partir da metade do gameplay. Os chefões, em sua grande maioria, são do mesmo tipo de inimigo (entre máquinas do Nefarious ou membros dos piratas-robôs) e, por vezes, até se repetem.

Entre os itens colecionáveis, além dos que agregam mais detalhes ao enredo do jogo, temos os parafusos dourados, que adicionam efeitos cosméticos a ataques e armas de ataque físico, e as peças de armaduras, divididas em capacete, torso e botas, que são conquistadas ao finalizar Bolhas Dimensionais, desafios de plataforma e agilidade entre dimensões. Algo de que se pode sentir falta em alguns momentos é uma viagem rápida para a nave de Ratchet/Rivet, sendo necessário, muitas vezes, ter que correr todo o cenário de volta, o que gasta um bom tempo de gameplay.


Além do tempo de carregamento absurdamente rápido (menos de 15 segundos), Em Uma Outra Dimensão mostra o poder do SSD do PS5 por meio das fendas dimensionais que nos levam a outros cenários completamente diferentes de forma instantânea, coisa que no PS4 sempre geraria uma tela de loading e quebraria a incrível imersão criada pelo jogo. Tais fendas podem ser usadas para se locomover pelo cenário de forma mais rápida e desviar de inimigos, ou podem ser do tipo Bolha Dimensional, que nos leva a outro ambiente para coletar peças de armaduras para nossos heróis.

A qualidade gráfica do título, com a ajuda do ray-tracing, é inquestionável. Este foi o primeiro jogo que tive a oportunidade de conferir no meu recém adquirido console e fiquei muito impressionado com cada detalhe perceptível nos personagens e nos ambientes, o que é facilmente comparável, como muitos já disseram, às animações da Pixar.

Vale a pena jogar Em Uma Outra Dimensão?

Este é, de longe, um dos mais belos títulos que já joguei. Apesar da história básica, da curta duração da campanha e do preço praticado no Brasil, Ratchet & Clank: Em Uma Outra Dimensão garante uma experiência extremamente divertida e dinâmica enquanto faz um excelente uso dos recursos do DualSense e do SSD do PS5.

Prós

  • História cativante;
  • Jogabilidade divertida e dinâmica;
  • Faz ótimo uso dos recursos do PS5;
  • Gráficos impressionantes;
  • Platina tranquila e legal de conquistar.

Contras

  • Curta duração;
  • Pouca variedade de inimigos a partir da metade do jogo.
Ratchet & Clank: Em Uma Outra Dimensão – PS5 – Nota: 9.5

Revisão: Ives Boitano
Análise produzida com cópia digital cedida pela Sony Interactive Entertainment

Escreve para o GameBlast sob a licença Creative Commons BY-SA 3.0. Você pode usar e compartilhar este conteúdo desde que credite o autor e veículo original.


Disqus
Facebook
Google