Future Blast

FIFA 20 (Multi): o que esperar da nova versão do game de futebol

Vamos explorar um pouco sobre a próxima versão do popular título esportivo.

Dentro da indústria dos games, existe um determinado gênero de títulos que tem sempre lançamento anual garantido. Eles são os jogos esportivos, onde o destaque vai para os de futebol. A bola da vez é FIFA 20 (Multi), que chegará em breve prometendo trazer mudanças interessantes em suas mecânicas, conforme vamos conferir neste Future Blast. Então coloque suas chuteiras, vista seu uniforme e se prepare para entrar em campo.

Sabe de quem?

No país do futebol, é apenas natural que games sobre o esporte tenham muito sucesso. A primeira explosão foi com o tradicional International Super Star Soccer (Multi), desenvolvido pela Konami para consoles como Super Nintendo, PlayStation e Nintendo 64. Com o passar do tempo, a empresa japonesa lançou uma nova franquia no mesmo gênero.
A paixão pelo futebol virtual começou há algum tempo...
Conhecida inicialmente por Winning Eleven, os jogos começaram a chegar por aqui com o nome de Pro Evolution Soccer, a partir de 2008. Com gráficos e jogabilidade excelentes, a franquia dominou a quinta e sexta gerações de videogames, sobretudo devido aos patchs feitos por jogadores (alguém aí falou em Bomba Patch?).

Mas a franquia PES viu surgir uma concorrente de peso com as sétima e atual oitava gerações: a série FIFA, produzida pela empresa Electronic Arts. Presente no mercado há mais tempo que a maior concorrente, ela ganhou mais popularidade graças à qualidades como jogabilidade mais leve e o famigerado modo conhecido como FUT ou Ultimate Team.

A série da EA terá um novo título com o lançamento de FIFA 20 (Multi) em 27 de setembro de 2019, com versões para PS4, Xbox One, PC e Switch. E num cenário onde o novo PES 2020 (Multi) promete trazer várias novidades significativas, o novo FIFA terá bastante trabalho para conseguir se destacar neste competitivo mercado.
Capas das versões Standard (esquerda) e Champions
E quais são as novidades que teremos no FIFA 20? Jogadores que acompanharam os últimos títulos da série puderam observar que, ao invés de apresentar uma revolução a cada novo jogo, a EA buscou expandir e refinar as características dos games ao longo dos anos. Assim, quem estava habituado ao FIFA 18 (Multi) pôde curtir FIFA 19 (Multi) sem grandes problemas, por exemplo.

Curto tempo de produção e manutenção da base de jogadores são, certamente, as duas principais razões para que a EA (e a Konami) siga essa prática. Logo, não devemos esperar inovações grandiosas na mais nova versão do FIFA, embora tenhamos um novo modo inspirado em um antigo game (mais sobre isso na sequência).

Olha o que ele fez! Olha o que ele fez!

O game irá melhorar o sistema de cobranças de falta e pênalti. Através de uma espécie de mira e comandos específicos, o jogador poderá cobrar as bolas paradas de forma mais simplificada. Assim, a escolha entre uma bola com curva ou um chute reto e forte irá ser fácil para cada situação.

A versão atual do game FIFA apresentava certa discrepância em confrontos 1x1, onde o atacante tem mais vantagem sobre o defensor. E se considerarmos jogadores habilidosos, com alta capacidade de drible, a diferença é ainda mais gritante. Movimentos plásticos e que podiam ser executados em sequência tornavam ingrata a tarefa de marcar.

FIFA 20 trará um sistema de disputa 1x1 mais equilibrado. Será possível realizar movimentos até o último segundo, de forma que tanto a defesa quanto o ataque possam ler a jogada e atuar no instante correto. Os sistemas defensivos também receberão melhorias.

 O posicionamento dos jogadores será melhorado, com distribuição e movimentação ao longo do campo mais naturais. E falando em natural, a bola, grande estrela do futebol, recebeu um tratamento especial para ser mais realista. Chutes, domínios e conduções prometem ser mais fidedignas com a nova física programada para a gorduchinha.
 
Várias outras modificações serão apresentadas em FIFA 20, incluindo: “juízes permeáveis”, que não poderão tocar na bola ou jogadores; novos tipos de passes por cobertura; interceptações para os goleiros em cruzamentos; melhorias nas finalizações a gol, entre outras.

Quanto ao modo campanha, sabemos que a história do jogador Alex Hunter, protagonista do chamado The Journey, não estará no título deste ano visto que ela terminou no FIFA 19. Especula-se que o novo modo história estará integrado no Volta Football, que iremos conferir a seguir.

É teste pra cardíaco, amigo!

Uma das mais importantes novidades que teremos em FIFA 20 será o modo Volta Football. Nele, teremos uma mistura de futebol de rua com showbol, onde os dribles serão mais importantes do que os gols. Os jogos poderão ser disputados em times de 3x3, 4x4 e 5x5. Também haverá uma opção para partidas de futsal profissional.

E se você achou esse modo de jogo familiar, basta lembrar que a Electronic Arts já teve uma franquia voltada somente para esse tipo de “esporte”. Os game FIFA Street trouxeram muitos dribles e movimentos espetaculares com os melhores jogadores do mundo. O último título chegou em 2012, deixando vários fãs esperando por um novo game.
É importante frisar que o Volta será bem completo, trazendo uma história própria, ligas, campeonatos online e, claro, opção para partidas locais.
O Volta Football terá várias inovações em relação aos games originais, com destaque para a presença de jogadoras. Considerando que as seleções femininas já estavam presentes desde o FIFA 16 (Multi), essa providência é bastante natural. Outro destaque é que o modo terá uma grande quantidade de customizações.
Destaque feminino no novo "modo Fifa Street"
Vestimentas como camisetas, suéteres, shorts e tênis poderão ser liberados e personalizados. Os personagens também terão aparência customizável, com itens obtidos ao longo do jogo. Além disso, o Volta Football terá vários tipos diferentes de arenas e quadras, com ou sem a presença de paredes, em locais como Londres e Tóquio.
O Volta Football promete ser o grande destaque do novo FIFA

Pode isso, Arnaldo?

Mas se o FIFA 20 trará várias novidades, também já temos a confirmação de algumas baixas significativas. E elas são resultado direto do seu concorrente: PES 2020 trará contratos especiais com quatro grandes clubes do futebol mundial. Através deles, o título terá materiais exclusivos.

Manchester United, Barcelona, Bayern de Munique e Juventus terão estádios, uniformes e jogadores em destaque. E o clube italiano será ainda mais significativo, visto que a equipe do Cristiano Ronaldo será exclusiva do PES. Ou seja, FIFA 20 terá uma versão genérica do time, chamada Piemonte Calcio.

A própria EA praticou algo semelhante anteriormente, quando, por exemplo, um contrato de exclusividade obrigou o PES a chamar o Manchester United de Man Red. Na versão atual, o FIFA tem contrato de exclusividade com o Liverpool, atual campeão da Champions League, que não terá um time oficial no jogo concorrente.
O clube de (da esquerda para direita) Salah, Alisson, Firmino e Mané é exclusivo do FIFA
Muitos jogadores, sobretudo aqueles identificados com os clubes em questão, criticam essas políticas por parte das produtoras. Tudo porque, no fim das contas, cada jogo deveria se destacar pela qualidade da sua produção, evitando essa disputa por licenciamentos. Seja como for, se você é um fã da Juventus, terá que se contentar apenas com a semelhança dos jogadores, pois brasão e camisetas serão genéricos.

É do Brasil!!!

A polêmica das licenças exclusivas se estende aos clubes brasileiros, sendo que nesse ponto o FIFA 20 parece significativamente inferior. O jogo da Konami trará times como Corinthians, Flamengo, Palmeiras, São Paulo e Vasco, sem contar em todos os times série B. Alguns clubes, como Sport e Atlético-MG, serão exclusivos.
Parece que mais uma vez o PES dará mais destaque que o FIFA ao Brasileirão
Como ainda temos tempo até o lançamento do game da EA, é possível que tenhamos alguma surpresa. Mas se considerarmos o comportamento prévio da empresa e o grande volume de acordos do PES, que inclusive tem uma parceria direta com a CBF, as chances são pequenas. Quanto a seleção brasileira, ainda teremos que aguardar novas informações.

Admito que, como torcedor do Grêmio e espectador do futebol brasileiro, seria muito interessante poder jogar um Brasileirão ou uma Copa do Brasil com equipes fidedignas. Isso sem falar nas copas Libertadores da América e Sul Americana. Infelizmente, creio que o FIFA, mais uma vez, não será um bom lugar para ter essa experiência local.

Bem, amigos, promessa de mais um grande clássico...

Lançamento garantido a cada ano, os jogos FIFA fazem muito sucesso no mercado, e o Brasil não é uma exceção. FIFA 20 promete se destacar dos últimos lançamentos, trazendo mecânicas mais refinadas e formas ainda mais fluídas de se jogar. Apesar da questão do licenciamento poder privar o jogo de algumas equipes, sobretudo as brasileiras, o modo Volta Football tem tudo para trazer ainda mais emoção ao game.
Agora é esperar para ver o que FIFA 20 reserva para os jogadores

Revisão: Mariana Mussi S. Infanti 

é redator do site GameBlast desde maio de 2018 e um grande fã da décima arte, embora não tenha muito tempo disponível para ela. Seus games favoritos (que formam uma longa lista) incluem: Kingdom Hearts, Guitar Hero, Zelda, Crash, FIFA, COD, Pokémon, MvC, Yu-Gi-Oh, Resident Evil, Bayonetta, Persona, Burnout e Ratchet & Clank.

Comentários

Google
Disqus
Facebook