Análise DLC

Tekken 7 (Multi): Negan é uma aposta arriscada, mas bastante válida

Personagem chega para mostrar que seu bastão é páreo não só para zumbis, mas também para demônios, robôs, ursos e a família Mishima.

A Bandai Namco pegou muitas pessoas desprevenidas. Diante de milhares de pessoas, que assistiam à final do torneio de Tekken 7 (Multi) da EVO 2018, foi exibido o trailer do seu segundo pacote de personagens. Com os anúncios dos veteranos Lei Wulong e Anna Willians, esperava-se que os seis personagens do season pass seriam velhos conhecidos dos fãs. Porém, ninguém esperava o que estava por vir. Relembre o primeiro trailer de todos:

Esse título da franquia já começou surpreendendo muita gente ao inserir Akuma, da série Street Fighter, no elenco inicial. Logo vieram os não menos inesperados Geese Howard (Fatal Fury/The King of Fighters) e Noctis Lucis Caelum (Final Fantasy XV - Multi) na primeira leva de lutadores extras. Colocar Negan, um personagem de uma produção de origem estadunidense, em um jogo de origem japonesa pode ter parecido um tiro no escuro, mas que acabou acertando um alvo.

Nota da redação: o season pass 2 como um todo não será avaliado, pois os outros personagens já são conhecidos pelo público cativo do jogo. Iremos nos ater apenas ao lutador inédito.

Ponto de encontro improvável

Para a maioria das parcerias desse tipo, as franquias geralmente tem algum ponto em comum. O próprio Akuma apareceu em Tekken após um acordo entre Bandai Namco e Capcom, que resultaria em dois jogos de luta, com personagens de ambas as séries, feitos cada um por uma desenvolvedora.

Partindo desse princípio, Tekken e a série televisiva The Walking Dead teriam o que em comum? Absolutamente nada. O único ponto em que as duas sagas têm em comum vem lá do início dos anos 2000, em outro tipo de mídia, com a editora Image Comics.

No ano de 2001, eles foram responsáveis por produzir a HQ Tekken Forever, com história baseada em Tekken Tag Tournament (PS2). Nem é preciso dizer que foi um fiasco. Entretanto, dois anos depois viria a aventura que seria um dos maiores sucessos dos quadrinhos e, posteriormente, da televisão. Vale lembrar que trata-se de uma coincidência até o momento. Ainda não se sabe se Bandai Namco e Image Comics realmente firmaram algum tipo de novo acordo para colocar Negan no jogo.

Como se estivesse em casa

A escolha de Negan pode ter sido controversa a primeira vista. Muitos até disseram que ele se encaixaria melhor em um Mortal Kombat, dado seu estilo mais violento. Porém, após algumas partidas, pode-se dizer sim que que ele não só se encaixou muito bem no elenco, mas também que é um dos personagens mais divertidos do jogo.

Seus combos são simples, de fácil execução e tem um visual bacana. Até foram incluídas diversas das suas frases na voz de Jeffrey Dean Morgan, ator que dá vida ao personagem na série e, consequentemente, empresta seu visual como modelo. Talvez o dano elevado que seus ataques causam pode desagradar alguns jogadores, por parecer que ele é desbalanceado.

Um dos pontos negativos é a sua baixa opção de customização. Os lutadores do elenco têm diversas opções de trajes que fazem referência a suas aparições anteriores. Os outros convidados possuem também algumas roupas bacanas de seus jogos de origem, além de um estágio próprio.

Negan por sua vez conta com apenas um artigo próprio, para a parte superior do torso. Também recebeu um estágio inspirado em sua primeira aparição em The Walking Dead, mas parece que esse universo poderia ter sido melhor explorado. Ele pode usar os itens que são comuns a todos os outros, mas mesmo assim seria bacana alguns easter eggs referentes à série.

Uma escolha acertada

Incluir Negan, no final das contas, foi uma boa jogada. Infelizmente, a impressão de que ele ocupou a vaga de outros personagens mais queridos do público existe. Porém, além de ter um estilo diferenciado e bem divertido, seu apelo em um jogo do nível de Tekken pode ser benéfico para ambas as franquias.

Alguns jogadores irão se interessar pela série, ao mesmo tempo que os fãs da produção da AMC com certeza tentarão a sorte em alguns combates usando um dos personagens mais queridos de The Walking Dead.

Negan está disponível no season pass 2 de Tekken 7, que também inclui Lei Wulong, Anna Williams, Craig Marduk, Armor King e Julia Chang.

Prós

  • Jogabilidade tranquila e combos simples;
  • Frases na voz de Jeffrey Dean Morgan;
  • Grande apelo para que os fãs de uma mídia conheçam a outra. 

Contras 

  • Alguns de seus ataques fazem o personagem parecer desbalanceado;
  • Poderia vir como um bônus do season pass em vez de ter ocupado o espaço de um veterano;
  • Poucos itens próprios de customização.
Tekken 7 (season pass 2) — PC/PS4/XBO — Nota: 7.5

Versão utilizada para análise: PS4
Análise feita com cópia digital adquirida pelo próprio redator
Revisão: Diogo Mendes

é pai do próximo Batman, tio de uma princesa e viúva da Sega. Só sabe jogar títulos de luta, se mata frequentemente em FPS e adora uma velharia (que todo mundo agora gosta de chamar de retrô). Ah, ele está esperando até agora pelo Ridge Racer dessa geração também.

Comentários

Google
Disqus
Facebook