Atriz que fará nova Lara Croft nos cinemas diz que jogava Tomb Raider escondida dos pais

Alicia Vikander diz que quando criança precisava manter seu gosto por jogos em segredo, mas ela não se impedia de jogar.


O machismo é algo presente em nossa sociedade, refletido no cotidiano e enfrentado pelas mulheres de todo o mundo, mesmo as que não se dizem exatamente feministas. Alicia Vikander (A Garota Dinamarquesa - 2015), atriz que viverá Lara Croft em um novo filme, revelou que quando criança precisava jogar escondida.

"Eu jogava Tomb Raider na época, apesar dos meus pais dizerem que eu não podia."
O que marca é a causa dessa proibição, Alicia não podia jogar simplesmente pelo fato de ser uma garota e "videogame não é coisa de menina". Apesar disso ter ocorrido há dezenas de anos com a Vikander, bem sabemos que ainda é algo atual, persistente em existir por motivos que não conseguimos compreender.

Convidamos todas as garotas a irem contra este preconceito indo além do que permitem e vivendo sua vida como bem entende. Você não precisa ser mulher para ir contra o machismo, seja sua filha, irmã, amiga ou conhecida, ajude a quebrar mais essa barreira. Até porque não é admissível que uma pessoa seja privada de jogar Tomb Raider.

A nova franquia de filmes Tomb Raider seguirá a mesma linha do reboot nos games, com uma Lara Croft mais humana, contando a origem de uma aventureira sagaz e ao mesmo tempo guerreira, que também enfrenta seus problemas durante a jornada. O filme está sendo produzido pela Warner Bros. com a MGM, não há data de lançamento prevista.

Fonte: Gamesradar

Recomendamos que ouça o nosso BlastCast #70 em que tratamos da presença das mulheres nos games, ficou realmente show!


Escreve para o GameBlast sob a licença Creative Commons BY-SA 3.0. Você pode usar e compartilhar este conteúdo desde que credite o autor e veículo original do mesmo.

Comentários

Google
Disqus
Facebook