Uso da técnica quickscope deve ser mais difícil em Call of Duty: Ghosts (Multi)

Quem aí nunca se arriscou a entrar no meio das guerras de Call of Duty com uma sniper na mão, tentando quickscopes por aí? A técnica é ba... (por Unknown em 11/09/2013, via GameBlast)

Quem aí nunca se arriscou a entrar no meio das guerras de Call of Duty com uma sniper na mão, tentando quickscopes por aí? A técnica é bastante útil e complicada de ser executada. No novo game da franquia, será ainda mais difícil de realizá-la.


Em seu Twitter,  Mark Rubin, produtor executivo da Infinity Ward, desenvolvedora do jogo, explicou que a técnica não foi totalmente retirada do jogo, mas que não será tão fácil quanto antes. Conforme Rubin disse, o quickscope em Call of Duty: Ghosts "não será viável como era antes". Uma das mudanças que afetou o quickscoping foi o aumento do tempo em que o jogador leva para mirar com a sniper.

Ainda segundo o produtor executivo, a classe de sniper em Call of Duty: Ghosts foi totalmente reformulada para adequá-la competitivamente. Além disso, todos os mapas foram feitos pensados em bons lugares para se usar as snipers e também, claro, as outras armas do jogo.

Call of Duty: Ghosts deve ser lançado em novembro deste ano.

Escreve para o GameBlast sob a licença Creative Commons BY-SA 3.0. Você pode usar e compartilhar este conteúdo desde que credite o autor e veículo original do mesmo.


Disqus
Facebook
Google