Jogamos

Análise: Descubra novos mundos, poderes e armas para destruir mais inimigos do que nunca em Torchlight II

Uma continuação mais do que merecida a um jogo interessante que renovou o gênero do RPG, Torchlight II segue adiante com as aventuras de... (por Unknown em 18/05/2013, via GameBlast)



Uma continuação mais do que merecida a um jogo interessante que renovou o gênero do RPG, Torchlight II segue adiante com as aventuras de heróis por uma terra cheia de mistérios e perigos. Mais do que nunca, uma boa estratégia será imprescindível para prosseguir em uma jornada épica contra hordas de monstros e máquinas de destruição corrompidos pelo poder da misteriosa Ember. Hora de escolher suas armas, fortalecer suas magias e carregar seu estoque de poções. porque a aventura promete ser arriscada, mas incrivelmente empolgante.

O poder muda o mundo, mas também o corrompe

Ao final de Torchlight, independente do herói escolhido pelo jogador, a história nos conta que o Alquimista, a Vanquiser e o Destroyer enfrentaram seu maior desafio, depois de atravessar tantas catacumbas, revelar mistérios e esmagar os inimigos mais horríveis e ameaçadores. Eles chegaram à fonte de toda a corrupção que emanava das minas de Torchlight. Derrotando o terrível monstro dragão Ordrak, os bravos heróis libertaram Torchlight do poder destruidor das magias ocultas. Após alguns anos, infelizmente a paz que reinava sobre o vilarejo foi mais uma vez quebrada.

Uma jornada perigosa se reinicia...
Atormentado pelo poder avassalador da Ember e sem poder controlar tanta magia, o Alquimista trai seus amigos, rouba o coração carregado de magia de Ordrak e, dotado de poderes incríveis e completamente corrompido pela sede de poder, ele destrói Torchlight e elimina qualquer resistência. Assim, partindo em busca de mais poder, o herói corrompido começa uma jornada por terras distantes, atraindo monstros e convocando máquinas ferozes para trazer destruição e caos por onde passa.

Para livrar a terra de mais uma ameaça cruel, mais uma vez toda a bravura, força e coragem de um herói se faz necessária. E é assim que Torchlight II se inicia, com uma história promissora mas que falha ao tentar capturar a atenção do jogador. Escolhendo-se um personagem de uma classe distanta, com características únicas e seu animal de estimação que lhe prestará uma grande ajuda durante os combates, a jornada se inicia. Ele ainda contará com a ajuda de diversos aliados que lhe fornecerão equipamentos, poções e conselhos importantes para atravessar os desafios mais arriscados.

Escolha o equipamento e os atributos a melhorar com muita sabedoria!
Dessa vez, o jogo possui um mundo bem maior e mais complexo que seu antecessor. A história se divide em 4 atos, cada um experienciado em uma região diferente e com inimigos, itens e características próprias. Temos logo no começo as Estherian Steppes, uma região montanhosa cheia de perigos por todos os cantos, passando pelos desertos de Mana Wastes, as florestas mal-assombradas de Grunnheim até a escuridão das Broken Mines, no ato final da aventura.

Muitos perigos até na solidão dos desertos

Para combater tantos monstros e aberrações corrompidas pelo poder da magia da Ember, o jogo nos apresenta três novas classes de heróis com atributos, magias e habilidades únicas que podem ser aperfeiçoadas da maneira que o jogador desejar, ao longo da jornada por essas terras perigosas:

  • The Engineer: um feroz lutador, capaz de construir robôs e máquinas para auxiliá-lo no combate. Ele também é um excelente guerreiro que domina o poder da Ember, utilizando-a para aumentar o poder de sua armadura e intensificar sua força de combate para esmagar e destruir uma quantidade bem maior de monstros pelo seu caminho. Aconselhável para os jogadores que são mais fãs de estratégia e gostam de planejar as lutas com a ajuda de alguns aliados mecânicos.


  • The Outlander: ele é um guerreiro ágil, especializado em armas de longo alcance e capaz de utilizar a magia para criar armadilhas e distrair seus inimigos. Com esse herói, o jogador pode equipar uma arma em cada mão, o que possibilita um poder de fogo e destruição muito mais poderoso, letal e rápido. Se você prefere lutar contra seus inimigos de um ponto seguro enquanto dispara magias poderosas contra eles, esse herói é a sua escolha perfeita.



  • The Berserker: um lutador forte e furioso, capaz de usar armas nos seus punhos para potencializar seus ataques e também dotado da habilidade de invocar o espírito de animais para destruir hordas de inimigos ao seu lado, ele realmente é um adversário digno de se temer. Para aqueles que adoram esmagar e pulverizar vários adversários com apenas um golpe mortal, o Berserker certamente não irá decepcionar ninguém.



  • The Embermage: um poderoso criador de magias e mestre no controle dos elementos da natureza, esse habilidoso mago é um ex-soldado imperial que passou anos estudando as propriedades e capacidades da Ember e agora deseja usar todo o seu conhecimento para ajudá-lo no combate. Um tipo de personagem recomendável principalmente a jogadores mais experientes com o gênero do jogo e que desejam uma experiência mais intensa ao batalhar com magias poderosas, mas que podem deixar o herói vulnerável a muitos ataques.

Muitos caminhos, várias possibilidades

Dessa vez, a personalização dos personagens está mais forte do que nunca em Torchlight II. É possível escolher entre o gênero e aparência do herói, o que inclui a seleção da cor da pele, do cabelo e o estilo do personagem, tudo ao gosto do jogador. Além disso, agora temos um número maior de missões secundárias a serem realizadas, principalmente em câmaras, dungeons e catacumbas. Todas elas proporcionando a possibilidade de o personagem obter mais pontos de experiência, itens mágicos ou recompensas únicas.

Nada como uma maga poderosa com seu fiel cão!
Atendendo aos pedidos de muitos jogadores fãs do primeiro título da franquia, a função multiplayer foi adicionada em Torchlight II. Com uma estrutura muito bem polida e trabalhada, a função traz um nível de experiência cooperativa bem interessante para os jogadores que desejam desbravar as terras consumidas pelo poder maligno do Alquimista e seus exércitos monstruosos. Além disso, ainda é possível a adição de mods que alteram a estrutura das batalhas, itens e outras características da aventura.

Torchlight II não traz muitas inovações e, claramente pega carona na de jogabilidade e características de Diablo III. Isso se nota até nos estilos dos atos do jogo, que são muito parecidos com os mundos explorados pelos guerreiros que caçam o capeta e seus demônios. Mesmo assim, as batalhas emocionantes e eletrizantes, os cenários ricos em detalhes e a variedade de missões e tarefas a serem realizadas na jornada dos heróis traz a esse jogo tudo o que de melhor o gênero do RPG tem a oferecer aos seus fãs.

Nunca subestime seus inimigos

Prós

  • Visual bonito e polido
  • Grande variedade de armas e missões
  • Personalização dos personagens

Contras

  • Pouca dificuldade
  • História interessante, mas fraca
Torchlight - PC - Nota: 8.5

Revisão: Leandro Freire
Capa: Felipe Araujo

Escreve para o GameBlast sob a licença Creative Commons BY-SA 3.0. Você pode usar e compartilhar este conteúdo desde que credite o autor e veículo original do mesmo.

Comentários

Google
Disqus
Facebook