[Atualizada] Level-5 Vision 2016: confira as novidades do evento

Com muito conteúdo cross-media, a Level-5 apresentou novidades sobre Lady Laiton, Inazuma Eleven, Yo-kai Watch e outros.

A Level-5 apresentou ontem sua conferência chamada Vision 2016, com o tema Novos Heróis (New Heroes). Focado em projetos transmídia (com animações, jogos e produtos licenciados), o evento trouxe as principais franquias da empresa e algumas outras novidades. Confira o resumo do que foi apresentado e do que podemos esperar da Level-5 para o futuro.

Otome Hero (iOS/Android)

Esse é um RPG free-to-play com batalha em tempo real. O jogador deverá escolher entre 24 matadores e vencer o inimigo antes que as equipes rivais. Além do game, que chegará ao mercado japonês no fim do ano, a franquia também aparecerá nos formatos de mangá e anime.

Ainda não há informações sobre um possível lançamento ocidental.

Lady Layton: The Conspiracy of King Millionaire Ariadne (3DS/iOS/Android)

A próxima entrada da série trará a filha do professor Hershel Layton como protagonista. Usando formas diferentes para resolver os mais variados mistérios, Catriel Layton começa a chamar atenção e receber mais casos.

Lady Laiton chegará ao Japão na primavera de 2017 (no hemisfério norte).

Atualizado: A Level-5 confirmou o lançamento ocidental do jogo, e espera lançá-lo também em 2017.

Yo-Kai Watch (iOS/Android)

O primeiro game da série está chegando as plataformas móveis. A versão trará algumas diferenças notáveis, como maior resolução dos gráficos, interface com uso simplificado e suporte à batalhas online.

Chega ao Japão no fim de 2016.

Fantasy Life 2 (iOS/Android)

O segundo game da série trocará o 3DS pelos smartphones, e terá o início de um beta fechado no dia 29 de julho, no Japão.

Será possível escolher 12 profissões/classes (jobs) diferentes, batalhar individualmente ou cooperativamente e ajudar a construir sua vila.

The Snack World (3DS/iOS/Android)

Outro dos projetos cross-media da Level-5, The Snack World chegará para smartphones em abril de 2017, e para 3DS em julho do mesmo ano. Também está planejada uma série em CG, além da publicação do mangá e a criação de uma linha de brinquedos.

O jogo usará itens reais distribuídos pela empresa Takara Tomy (a mesma que irá comercializar a linha de brinquedos) que trarão chips NFC que serão lidos pelos dispositivos, tanto o 3DS quanto os smartphones, levando o item para o mundo do game.

Atualizado: Uma subsidiária da Level-5 se encarregará dá expansão do jogo para outros continentes, o que indica um lançamento ocidental do game. Contudo, não há um calendário para tal.

Inazuma Eleven Ares

Ainda sem plataforma anunciada, o novo jogo da série mostrará uma realidade paralela seguindo os eventos do fim do primeiro game. A principal novidade é o uso de uma pulseira chamada Eleven Band. O jogador poderá escolher um dos atletas para melhorar os atributos a partir do uso da pulseira.

Uma série de anime também está planejada. Ryouhei Haizaki, Asuto Inamori, e Yuuma Nosaka precisarão vencer um campeonato para que o clube de futebol não seja fechado. Além da animação, que estreará no verão japonês de 2017, também serão veiculados curtas de cinco minutos na internet.

Megaton Musashi

O último dos projetos transmídia é Megaton Musashi. A animação mostrará o planeta Terra no ano de 2118, dominada por uma raça alienígena chamada Dorakuta. Em questão de dias os invasores destruíram o planeta e dizimaram noventa por cento da população humana. Os últimos humanos moram em um abrigo, sem memória (já que foi apagada) dos acontecimentos e dos Dorakuta. Apenas alguns, que pilotam robôs chamados Musashi, conhecem a história e combatem os invasores.

Um jogo de RPG também está nos planos da empresa. Ainda não foram confirmadas as plataformas, mas uma das artes conceituais indica que será lançado para 3DS e tablets.

A animação estreará no verão japonês de 2017.


~

O evento trouxe bastante informação e deixou clara a direção da Level-5 (criar conteúdo cross-media), bem como as plataformas mais utilizadas pela empresa para lançar seus jogos (3DS e smartphones). Reiteramos que nenhum desses anúncios foi confirmado para o mercado ocidental até o momento.

Pedro Vicente é um homem sem qualidades. Para se esquecer das décadas de fracassos de sua vida real, resolveu passar parte do seu dia jogando. Iniciado nos games por Adventures e JRPGs, hoje em dia joga de tudo. Gosta muito de escrever sobre jogos, mas só dá nota 10 para games em que você pode dar Suplex em um trem.

Comentários

Google+
Facebook


Podcast

Ver mais

No Facebook

Ver mais