Hands-on

Resident Evil 0 HD Remaster (Multi) mostra na BGS a origem do terror

A remasterização promete trazer o clássico horror de sobrevivência para a atual geração de consoles.


A grande reclamação dos fãs da franquia Resident Evil é o fato de que a série vem abandonando os conceitos que a tornaram um ícone no gênero de horror de sobrevivência. Cada vez mais, os jogos apostam em tiroteios e explosões, ao invés de desafios para se manter vivo. Entretanto, quem está carente de um bom quebra-cabeça tem motivos para comemorar. Na Brasil Game Show, jogamos Resident Evil 0 HD Remaster e percebemos que o título trará com maestria a origem dos zumbis para a nova geração de consoles. 


O game, que originalmente foi lançado para GameCube, em 2002, recebeu uma bela remasterização. Os personagens e cenários foram totalmente remodelados e, com isso, o nível de detalhes chama atenção. Exemplo são as placas e avisos pendurados pelas paredes, que antes não passavam de borrões e, agora, podem ser lidos a distância pelo jogador sem nenhum problema. Do jogo original são mantidas apenas as CGs, que simplesmente foram ampliadas, mas, não passaram pelo processo de remasterização.

Além da parte visual, outra novidade que Resident Evil 0 HD Remaster traz é o Wesker Mode, que permitirá assumir o controle de Albert Wesker e reviver os eventos que levaram ao incidente na mansão mostrado no primeiro Resident Evil. Além do vilão, os outros dois personagens jogáveis são os mesmos da versão original: A membro dos S.T.A.R.S. Rebecca Chambers e o prisioneiro Billy Coen, sendo possível alternar entre os dois a qualquer momento.
Albert Wesker será personagem jogável
A remasterização mantém o mesmo esquema de gerenciamento de inventário, com a ausência de baús para depósito de itens nas salas de salvamento. Quando não for possível carregar um novo objeto, pode-se abandonar qualquer outro equipamento no chão para liberar espaço no inventário. O material deixado para trás ficará marcado no mapa e o jogador pode voltar a qualquer momento para recuperá-lo. Também é permitido trocar itens entre os dois personagens principais quando eles estão dentro do mesmo ambiente.

Como o original foi lançado somente para GameCube e, mais tarde Wii, muitos que gostam da franquia acabaram não jogando Resident Evil 0. Por isso, mesmo sendo uma remasterização, Resident Evil 0 HD Remaster é uma grande chance para quem ainda não conhece o game e também vale a pena para aqueles que o já experimentaram. Os cenários e personagens remodelados prometem trazer uma nova onda de terror para todos. O título tem previsão de lançamento para 19 de janeiro de 2016 e contará com versões para PlayStation 4, PlayStation 3, Xbox One, Xbox 360 e PC.

Resident Evil 0 HD Remaster ainda estará disponível no pacote Resident Evil Origins Collection, que trará também Resident Evil HD Remaster. A coletânea deve chegar ao mercado, em janeiro de 2016, no formato físico para PlayStation 4 e Xbox One. O pacote estará disponível em formato digital para PC, PlayStation 3, PlayStation 4, Xbox 360 e Xbox One.
Vinicius Veloso é jornalista e obcecado por games (não necessariamente nessa ordem). Seu vício começou com uma primeira dose de Super Mario World e, desde então, não consegue mais ficar muito tempo sem se aventurar em um bom jogo. Está no Facebook ou Twitter.

Comentários

Google+
Facebook


Podcast

Ver mais

No Facebook

Ver mais