Atari VCS: confira informações do console e de seu sistema operacional

Novo console da Atari já está disponível para compra, mas sem controles inclusos.


Com o início das pré-vendas do novo console da Atari, o Atari VCS, foram divulgadas inúmeras informações novas e um vídeo que tem por objetivo explicar um pouco de seu desenvolvimento e objetivos. Existem também cenas que demonstram o sistema operacional baseado em Linux em ação.

Os desenvolvedores relembram a época e importância do Atari 2600 de tornar televisões em algo além do real, alegando que com o Atari VCS, pretendem reimaginar os acertos do primeiro console na nova geração. Com "níveis avançados de flexibilidade e controle" (devido o uso do Linux), o Atari VCS promete "transformar a forma pela qual interagimos com a TV", uma premissa parecida com a do OUYA, console que não teve sucesso em sua tentativa e foi encerrado com poucos anos de vida.

No vídeo, é possível ver também comandos de voz, um pouco do sistema operacional e jogos anteriores da Atari em funcionamento, além da disponibilidade de jogos como Limbo (Multi), Firewatch (Multi), Terraria (Multi), Roblox (Multi) e Minecraft (Multi).


É demonstrado também uma função que integra o serviço de streaming Twitch com o próprio console, tornando possível fácil acesso às transmissões favoritas do usuário. Segundo informações no site do Atari VCS, diversos outros serviços de streaming estarão disponíveis e serão parte do foco do console.


O Atari VCS contará com uma loja digital de jogos, e suporte a modo multiplayer online aos games que tiverem o modo disponível. Foi citado em novas informações do console que uma assinatura será necessária para "serviços avançados" e armazenamento em núvem. Além dos 100 jogos anteriores da Atari que já estarão disponibilizados com console (através do Atari Vault (PC/VCS)), a Atari está desenvolvendo novos títulos modernos, como Tempest 4000 (VCS):


A Atari conta com parcerias no desenvolvimento do Atari VCS, como a AMD, e um grande número de pequenos e médios estúdios. O jogador poderá também utilizar acessórios e periféricos de sua preferência no console, como controles USB e Bluetooth, mouses e teclados, dispositivos de armazenamento externo, webcams, microfones, caixas de som e fones de ouvido que funcionarem com PC.

Como prometido, estão disponíveis para pré-compra a edição de colecionador com frente de madeira e a versão Onyx, pelos preços de 299 e 199 dólares consecutivamente. A edição de colecionador é exclusiva de pré-venda, e segundo a Atari, não poderá ser adquirida no futuro. O pacote de ambas as versões contém somente o console, um cabo HDMI, um cabo de energia e um manual.


Isso quer dizer que nenhuma das duas versões do controle estão inclusas nos pacotes que estão sendo vendidos no momento, e precisam ser comprados separadamente por 29 dólares e 49 dólares cada, ou 59 dólares por ambos.


A Atari reforça que o console ainda está em desenvolvimento e a maioria dos fatores expostos até o momento podem ser modificados no segundo protótipo do Atari VCS. Segundo as novas informações, o novo console utiliza o processador Bristol Ridge A10, GPU Radeon R7, tem 4 GB RAM (DDR4), 32 GB de espaço interno e utiliza arquitetura de pouco uso de energia. A disponibilidade de serviços de chat de voz como Skype e Discord estão confirmados.

Interessados em adquirir o console em pré-venda (com entrega mundial) podem acessar a página da campanha do Indiegogo do projeto, onde outras informações do console podem ser encontradas. Os consoles comprados na pré-venda devem ser entregues, segundo a Atari, na metade de 2019.
Rafael Smeers Moraes escreve para o GameBlast sob a licença Creative Commons BY-SA 3.0. Você pode usar e compartilhar este conteúdo desde que credite o autor e veículo original do mesmo.

Comentários

Google+
Disqus
Facebook