Rumor: Pokémon GO (mobile) receberá 100 novas criaturas em dezembro

Ao analisar o código fonte do app, desenvolvedores encontraram indícios de que a Geração 2 está prestes a ser disponibilizada.


É verdade que a febre de Pokémon GO baixou bastante nos últimos meses, mas isso não significa que a Niantic não está se esforçando para que o jogo continue relevante nos dispositivos móveis. Prova disso é a chegada de Ditto ao título na última semana e os indícios de que 100 novos Pokémon serão liberados na atualização de dezembro.


A Niantic não anunciou nada oficialmente, mas o pessoal do Silph Road fuçou o código fonte do APK da última versão de Pokémon GO para Android e descobriu que a desenvolvedora incluiu dados de 100 novos Pokémon, tanto do tipo normal quanto lendário. A descoberta é o primeiro indício de que a segunda geração dos monstrinhos está chegando à palma das mãos dos aficionados pela série.

O problema mesmo é só que ainda não dá para saber exatamente quais são esses novos Pokémon. Isso porque o código fonte do aplicativo não dá uma pista sequer sobre eles - não há nada sobre seus golpes, poderes, nada. A teoria é que, da forma que está estruturado, o código só precisaria ser "recheado" com tais informações numa atualização para os Pokémon ganharem vida.

E é aí que surge a ideia de que isso pode acontecer no mês de dezembro. Para o site, é mais do que certo que isso acontecerá, restando saber se os bichos serão disponibilizados todos de uma vez ou em ondas, com grupos liberados ao longo das semanas do mês que vem.

Fora isso tudo, também foram encontradas porções de código que indicam que, sim, a Niantic está trabalhando nas batalhas um contra um, troca de Pokémon entre os jogadores e novas maneiras de treinar e evoluir os bichinhos. São recursos que os jogadores pedem há muito tempo, mas que, devido a sua complexidade, ainda não têm uma data certa para aparecerem.

Sergio Oliveira escreve para o GameBlast sob a licença Creative Commons BY-SA 3.0. Você pode usar e compartilhar este conteúdo desde que credite o autor e veículo original do mesmo.

Comentários

Google+
Facebook


Podcast

Ver mais

No Facebook

Ver mais