League of Legends (PC): Grande final mundial definida

Em final entre times coreanos, rivalidade passada ganha um novo capítulo.


Mesmo com o fim do campeonato mundial se aproximando, história é o que não falta. Desde a fase de grupo, acontecimentos incríveis surpreenderam a todos e nas semifinais, novamente, o inesperado deu as caras. SKT e ROX Tigers, ambos da Coreia do Sul, se enfrentaram em uma das partidas. Embora para muitos seja apenas um jogo qualquer, os times têm uma rivalidade enorme, já que a SKT sempre ganha dos Tigers em duelos importantes, muitas vezes, os eliminando de outras competições. No outro lado, a H2K representou a Europa e o resto do ocidente no mundial, encarando a poderosa Samsung, que em 2014 mostrou ao mundo dois poderosos times: Samsung Blue e White (A White foi campeã daquele ano).


20/10 – SK Telecom T1 (Coreia do Sul) vs ROX Tigers (Coreia do Sul)


O começo do confronto foi bem parado, com a primeira luta de verdade acontecendo aos 13 minutos e rendendo dois abates e um dragão infernal para a ROX. Com o decorrer da partida, a ROX acabou conquistando mais três dragões infernais, já os Tigers fizeram um melhor controle de dragon, mesmo perdendo em todos os outros quesitos do jogo. Durante o último dragão infernal, a SKT decide abater o barão, iniciativa que proporcionou uma maior vantagem e pressão sobre os rivais, que acabaram perdendo algumas torres. Com o decorrer do confronto, a ROX também conseguiu um barão que os ajudou a diminuir um pouco a vantagem e ampliar o mapa. Para finalizar, no dragão ancião, Faker acerta uma ultimate de sua Orianna em três oponentes, eliminando Kuro instantaneamente e deixando os outros dois rivais quase mortos. Após esse ataque, o jogo foi decidido e a SKT acabou saindo-se vitoriosa.

Mesmo dando certo e jogando muito bem na primeira partida, o jungler Bengi foi substituído pelo Blank. Surpresas maiores ainda estavam por vir, já que GorillA, o suporte da ROX Tigers, escolheu Miss Fortune. A escolha totalmente inesperada resultou em um o jogo também atípico. A partida começou com muita movimentação, com ganks em todos os lugares para ambos os times e muita, muita ação na bot lane. Ashe e Zyra, de PraY e GorillA, conseguiram uma pressão enorme nessa lane, com mais farm e levando a primeira torre. O confronto foi evoluindo e cada torre levada pela ROX ia abrindo uma vantagem difícil de ser recuperada. Após perder um inibidor, a SKT decide reagir e vai à caminho da base inimiga pelo mid. Entretanto, PraY e GorillA estavam levando o inibidor do top e com uma ultimate sensacional a Ashe consegue parar o teleporte de Duke, que estava do outro lado do mapa. Após esse lance incrível, Smeb chega na base inimiga e os Tigers conseguem empatar a série.
Equipe da SKT


Repetindo novamente a Miss Fortune (não só ela, como quase o time inteiro, com exceção do Kuro que escolheu Viktor), a ROX vinha inspirada para a terceira partida. Novamente abrindo pressão na bot lane, Ashe e Miss Fortune esmagaram os oponentes da SKT e ditaram o ritmo do confronto. Na maioria das jogadas da ROX o combo de ultimates era insano, sempre começando as lutas com as últimas do PraY, que não estava errando quase nada. Após dois barões e com uma vantagem de 11 mil de ouro, o jogo acabou aos 39 minutos com vitória para a ROX.

No quarto duelo, Bengi retorna e, finalmente, a Miss Fortune foi banida. Faker, jogando com Zilean, conseguiu por uma pressão esmagadora no mid, fazendo o jogo girar ao redor dele. Sendo superior em praticamente tudo, a SKT consegue impor um jogo muito dominante e com muita vantagem não deixaram os Tigers responderem. Mesmo sem Duke, que estava splitando (puxando uma lane sozinho), o time bicampeão mundial consegue vencer uma luta e, após o barão, o confronto já estava basicamente acabado em favor da SKT.
ROX Tigers


Renovando o clima da equipe após superar o 2-1 aplicado pela ROX, Bengi foi escolhido novamente para jogar o quinto e último embate. Mesmo com abates sendo trocados constantemente e com todos os dragões ficando para a SKT, o ouro das duas equipes era praticamente igual, já que nenhuma queria dar o passo errado e entregar o último jogo e a vaga na final para os rivais. Porém, aos 22 minutos, a ROX começa um barão escondido que acabou num desastre. Apesar de o barão ter ficado para os Tigers, todos os jogadores da equipe (exceto Kuro) foram abatidos e algumas de suas torres caíram, abrindo a vantagem para a SKT. A partida se estendeu um pouco mais, porém já estava basicamente definida pela SKT. Após um barão e um dragão ancião aos 37 minutos, a ROX acaba perdendo e a SKT continua sua busca pelo tricampeonato.

Dificilmente a SKT comemora, mas, nessa série específica, a festa foi nítida, já que eliminaram seu maior rival.

Resultado: SK Telecom T1 3x2 ROX Tigers
ROX Tigers é eliminada após não conseguir vencer a SKT

21/10 – Samsung Galaxy (Coreia do Sul) vs H2K (Europa)


Antes do primeiro minuto de jogo, o first blood já havia sido pego pela H2K graças a uma “armadilha” que rendeu o abate para o Forgiven. Atrás dos europeus, Ambition, jogando com Nidalee, vai duas vezes seguidas no mid e consegue o abate para seu time em ambas as vezes. No começo do confronto, a troca de kills foi constante até que, aos 19 minutos, a H2K consegue uma ótima luta, perdendo apenas dois jogadores e matando quatro, além de levarem a torre t1 do mid. Mesmo com todas as lutas, o time coreano tinha a vantagem graças a suas torres e ao fato de terem conquistado todos os dragões da partida. CuVee, usando o Ekko, optou por splitar durante grande parte da partida, mas também provou que tem uma ótima visão e conhecimento. Enquanto ele levava a torre t2 do bot, os europeus começaram um barão após conseguirem o abate em Forgiven, então, o coreano utilizou o teleporte, contestou o barão junto com seu time e, com um triple kill em suas mãos e um ace, o jogo foi basicamente definido. O encontro terminou aos 39 minutos após um barão do time da Samsung.

Não sendo com a mesma rapidez da primeira partida, novamente a H2K consegue o first blood com uma linda jogada de Jankos, jogando com Lee Sin, em cima de CuVee, que utilizava Jayce. Tentando novamente ajudar seu time, Jankos se dirige para o mid, mas o Olaf, do Ambition, aparece e, no fim, a Cassiopeia, do Crown, consegue um abate no 2vs2. Semelhante ao primeiro jogo, muitas kills foram sendo trocadas em todos os cantos do mapa, até que CuVee consegue um abate sozinho no Rumble, do Odoamne, levando ainda a torre de brinde. Enquanto alguns jogadores europeus faziam o dragão do oceano, os coreanos realizaram o barão aos 21 minutos, que ajudou a Samsung a levar todas as torres de fora da base da equipe rival. No segundo barão, a equipe coreana buscava o bônus para facilitar o fim de jogo. Quase perdendo a luta e com todos os integrantes da Samsung saindo com menos de 30% da vida, os coreanos novamente tentam o barão após deixarem apenas dois membros da H2K vivos. Depois de conquistar a vantagem do barão, a Samsung consegue ir lentamente levar toda a base inimiga.
Samsung vs H2K


No  terceiro e último jogo, tudo foi diferente já no começo. Mesmo pegando alguns abates no início, aos 10 minutos, o mapa todo já estava dominado pelos coreanos, que lentamente aumentaram sua vantagem com torres e dragões. Aos 21 minutos, a Samsung consegue mandar alguns europeus para a base e, com isso, fazer o barão que deu força para destruir tudo da H2K. Aos 26 minutos, para fechar com chave de ouro, a Samsung ganha da H2K, elimina a Europa e confirma mais uma final coreana.

 Resultado: Samsung Galaxy 3vs0 H2K
Time da Samsung consegue vitória fácil sobre os europeus da H2K.
Ambos os times finalistas, SK Telecom T1 e Samsung Galaxy, já são campeões mundiais. No ano em que a Samsung ganhou o mundial (2014), a SKT não conseguiu se classificar para o campeonato, com a Samsung pegando sua vaga e classificando dois times: Blue e White. A tarefa da atual Samsung é difícil, mas como perderam apenas uma partida no campeonato todo e apresentaram ótimas atuações, não é nada impossível. Já para a SKT, a torcida provavelmente estará ao seu favor já que o time de Faker estará na busca do tricampeonato. Um jogo de alto nível acontecerá na final entre os dois gigantes coreanos. A grande decisão acontecerá no Staples Center, em Los Angeles (EUA), no próximo dia 29 de outubro, às 20h30.

Consulta: LoL eSports BR
Revisão: Vinícius Veloso
Edson Santos escreve para o GameBlast sob a licença Creative Commons BY-SA 3.0. Você pode usar e compartilhar este conteúdo desde que credite o autor e veículo original do mesmo.

Comentários

Google+
Facebook


Podcast

Ver mais

No Facebook

Ver mais