Entrevista

BGS 2016: Jogo de Holy Avenger (PC) promete nos levar de volta para Arton

Jogo baseado em famoso mangá nacional pretende trazer estilo rápido e ação constante para combates em jogo que segue a linha dos beat'em ups clássicos.

A area de jogos independentes dessa Brasil Game Show apresentou diversos projetos interessantes. Mas estaria mentindo se não dissesse que o primeiro que me chamou atenção foi o jogo de Holy Avenger, talvez um dos quadrinhos nacionais de maior sucesso já lançados, publicado originalmente no começo dos anos 2000.




O jogo está sendo criado pela Messier Games & Animations, desenvolvedora aqui de São Paulo. Para falar mais sobre essa empreitada, tive a oportunidade de conversar com Wilson Oliveira, Diretor de Comunicação e Conteúdo, e um dos sócios da Messier. Wilson me explicou que um dos focos da empresa é procurar desenvolver projetos baseados no folclore brasileiro ou mesmo em tópicos baseados na nossa realidade. Somando isso ao gosto em comum dos quatro sócios da Messier por RPG de mesa (Wilson já até foi dono de uma loja de RPG), não foi difícil chegar a decisão de que Holy Avenger seria uma escolha óbvia para um novo projeto.

Decisão tomada, foram um ano de negociações com todas as partes envolvidas para resolver as burocracias legais. Felizmente tudo transcorreu bem, o que abriu caminho para o desenvolvimento em si, que, de acordo com Wilson, já está sendo feito a quatro meses. A previsão de lançamento é em algum momento do primeiro semestre de 2017, para PC e Mac. Versões para consoles não foram descartadas, mas por enquanto não são a prioridade.


Cade o Palada??!!

O lançamento oficial da demonstração ocorreu no dia primeiro de setembro, exclusivo na Brasil Game Show. O jogo segue o estilo beat'em up, como Double Dragon e Streets of Rage, prometendo trazer muita ação. Na demo disponibilizada era possível jogar com quatro personagens, todos bem conhecidos dos fãs de Holy Avenger: Tork, Lisandra, Niele e Sandro. O jogador poderá alternar entre os heróis a qualquer momento da aventura.

A jogabilidade do trecho apresentando ainda era simples, mas quanto a isso, Wilson nos confirmou que a produção do jogo está bem mais avançada do que o apresentado, mas era necessário fechar um conteúdo para mostrar ao público. Eles estão cientes que muito ainda tem que ser lapidado. Ainda assim, visualmente o jogo está muito bonito. Outro detalhe que vale citar é que o jogo trará modo multiplayer local para até quatro jogadores. Um modo online poderá vir no futuro, mas a Messier quer focar no modo presencial, exatamente por ser uma característica dos RPGs de mesa, de juntar os amigos no mesmo lugar, para dividirem uma mesma experiência. Esse é o sentimento que eles querem reproduzir, que seja um jogo para reunir o pessoal.

Sobre a história, o enredo deverá ser o mesmo dos quadrinhos. Inclusive, outros personagens como Arsenal, Paladino, Tarso e Petra por exemplo deverão aparecer no jogo. Perguntei se haveriam dublagens, lembrando que um áudio drama de Holy Avenger chegou a ser lançado em 2003, com participação de grandes dubladores como Márcio Seixas, Guilerme Briggs, Marisa Leal entre outros. Wilson explicou que não teremos dublagens, pois o jogo está sendo desenvolvido para ter um andamento rápido, Haverão cutscenes, de modo que mesmo quem nunca leu nada sobre a série possa apreciar a história, mas sem vozes por enquanto.


Por fim, Holy Avenger também já foi colocado no Steam Greenlight. Conseguindo entrar na loja do Steam, Wilson revelou que a ideia é abrir o acesso antecipado assim que possível, para que o público possa testar e acompanhar o desenvolvimento. E pelo feedback dado pelo pessoal durante a feira, não deve demorar muito para que a produção entre na loja da Valve.

Colaboração: Vinícius Veloso

Flávio Augusto Priori é formado em design de jogos e tenta ganhar a vida com esse negócio chamado video game. Para ele Metal Gear é a melhor série já feita e ainda acredita na volta da SEGA. Escrevia para o saudoso Minha Tia Joga LoL e hoje pode ser achado no Facebook e no Twitter.

Comentários

Google+
Facebook


Podcast

Ver mais

No Facebook

Ver mais