Detalhes de Resident Evil 7 (Multi) são revelados por ESRB

Ethan, protagonista do novo game de terror, buscará sua mulher desaparecida em uma mansão abandonada.



O ESRB, órgão regulador internacional de conteúdo de videogames, publicou sua avaliação do próximo Resident Evil em seu site — aparentemente, de forma acidental, visto que o texto já foi removido do sítio. Isso não impediu que algumas fontes salvassem o material antes de seu desaparecimento,conforme relata o Polygon.

Segundo nossa fonte, o protagonista de Resident Evil 7 biohazard se chama Ethan, que vai a uma mansão abandonada para procurar sua esposa desaparecida. A informação corrobora a fala feminina presente no último trailer do jogo, apresentado na Gamescom, em que o nome é citado.


Acerca do combate no game, a organização é bem assertiva quanto ao excesso de violência gráfica empregado, o que levou o game a ser indicado a maiores de 17 anos:
De uma perspectiva em primeira pessoa, jogadores exploram o ambiente e usam pistolas, espingardas, lança-chamas, explosivos e serras elétricas para matar criaturas mutantes. O combate é acompanhado por tiroteio realista, gritos de dor e efeitos exagerados de derramamento de sangue. Conforme os jogadores progridem na história, as cutscenes retratam momentos de gore e intensos atos de violência: o braço de um personagem é desmembrado por uma serra elétrica; A perna de um homem é arrancada na altura do joelho por uma pá; O rosto de um personagem é empalado por uma pá. Algumas áreas mostram corpos mutilados com vísceras e órgãos expostos. As palavras “f*da-se” e “m*rda” são escutadas no diálogo.
Apesar de ter deletado o texto de seu site, a ESRB confirmou ao Polygon que as informações contidas no mesmo são verdadeiras.

Resident Evil 7 biohazard será lançado no dia 24 de janeiro para PC, Xbox One e PS4.

Fontes: Polygon; Gematsu
Luiz Roveran é mestrando em música pela UNICAMP. Busca em sua produção promover a interdisciplinaridade entre os games e outras mídias, como o cinema e a literatura. É um dos fundadores do Pulo Duplo, toca com o Co-Op Players e é ostensivamente são-paulino.

Comentários

Google+
Facebook


Podcast

Ver mais

No Facebook

Ver mais