Game para smartphones promete pagar prêmios em dinheiro

SuperFranc vai entregar R$ 10 mil para o ganhador desta primeira etapa e já está disponível gratuitamente na PlayStore e na AppleStore


Não é novidade para ninguém que os joguinhos para smartphones são febre no mundo inteiro. Aqui no País, pesquisa da Game Brasil 2015, apresentada no ano passado durante a Campus Party, apontou que 82% dos jogadores brasileiros preferem os celulares como plataforma de games. De olho nesse público, mas também nas pessoas que não têm por hábito jogar, já que não veem atrativos nos jogos de computador, surge o SuperFranc. A novidade é que esse não é um jogo convencional, a cada nova temporada, premiará quem conseguir a melhor pontuação com dinheiro vivo. E não é pouco. Nessa primeira etapa da competição, por exemplo, que irá durar 100 dias, o prêmio é de R$ 10 mil.

Para participar do jogo, desenvolvido e financiado pela empresa de software World's Hero SA, sediada em Genebra, o usuário deverá apenas baixar o aplicativo – disponível gratuitamente na PlayStore e na AppleStore –, se cadastrar e jogar. “Queremos dar a possibilidade a qualquer um de ganhar, sem que para isso seja precise depender da sorte, mas do seu próprio mérito. Essa é a forma que encontrei de ajudar pessoas que não tiveram a mesma chance que eu tive”, afirma o criador do game, Hans Stuffer, 22 anos, filho de brasileira e do milionário austríaco Peter Stuffer, que desde os 15 vive na Suíça.

O jogo, que deve mudar a cada nova temporada – todas elas gratuitas –, é bastante simples e permite mesmo às pessoas sem grande aptidão em games competir. Nele, o herói – SuperFranc – precisa superar alguns obstáculos e fases para acumular os pontos. “Os jogos são bem fáceis, não precisa dom, basta treinar e jogar para melhorar. Não pode desistir, é igual na vida”, explica Hans.

A Suíça, com seus símbolos e paisagens, está bastante presente no game. Aliás, o SuperFranc é o primeiro super-herói daquele país. Seu nome foi inspirado no Franco Suíço – forte moeda local. Lançado inicialmente aqui no Brasil, o SuperFranc deve viajar também para países como Rússia e Índia, entre outros, porém ainda não há previsão de lançamento.

Para essa primeira temporada, a expectativa do desenvolvedor é de que o SuperFranc seja baixado entre 10 e 50 mil vezes. Ela servirá como teste, para saber o que funciona e não funciona com esse tipo de jogo, assim, mudanças e melhorias podem ser aplicadas constantemente nas próximas fases.

Fonte: Press Release
Gisele Henriques escreve para o GameBlast sob a licença Creative Commons BY-SA 3.0. Você pode usar e compartilhar este conteúdo desde que credite o autor e veículo original do mesmo.

Comentários

Google+
Facebook


Podcast

Ver mais

No Facebook

Ver mais