Forza Motorsport 6: Apex, free-to-play, marca a estreia de Forza no PC

Desenvolvido pela Turn 10, o jogo elevará o visual da série a novos patamares.

Uma das franquias exclusivas dos consoles da Microsoft é Forza Motorsport. Certamente uma das melhores séries de jogos de corrida da atualidade, ela sempre impressionou pela beleza visual e controles precisos. Agora, você não precisa mais de um Xbox para experimentar a franquia: você pode jogar Forza 6 de graça em seu pc!


Quer dizer, mais ou menos. Forza Motorsport 6: Apex não é exatamente o Forza 6. A engine e muitos dos recursos são os mesmos, mas a ideia aqui é conseguir novos fãs e mostrar o poder da ForzaTech em computadores poderosos com DirectX. O jogo tem bastantes carros (63) e traz as marcas registradas da franquia, Drivatar e Forzavista, mas a forma de destravar o conteúdo é diferente. Para habilitar alguns carros, será necessário cumprir certas condições, como vencer determinadas corridas ou ultrapassar 5 carros sem bater.

Outra diferença é o visual, que está ainda melhor. Quem tiver um PC poderoso o suficiente poderá jogar a resoluções de até 4K. Se seu computador é mais modesto, não tema: os desenvolvedores garantem que máquinas mais leves poderão rodar o jogo, apesar de não entrarem em detalhes quanto a configuração mínima necessária.

No total serão 20 configurações de pista distribuídas em seis localidades — Brands Hatch, Circuit de Spa-Francorchamps, Rio de Janeiro, Sebring International Raceway, Top Gear e Yas Marin — incluindo variações de clima e horário do dia. Infelizmente, não será possível convidar seus amigos do console para correr com você.

Forza Motorsport 6: Apex chegará aos PCs exclusivamente através da Windows Store e estará disponível a partir do segundo trimestre desse ano.

 
Fonte: Xbox.com
Lucas Pinheiro Silva é analista de sistemas web por profissão, gamer por vocação. Tem grande interesse em game e level design, o que o levou a escrever para o GameBlast. Em seu Facebook e Twitter também fala de outras coisas, como HQs, música e literatura.

Comentários

Google+
Facebook


Podcast

Ver mais

No Facebook

Ver mais