Versão de Gears of War: Ultimate Edition para PC tem requisitos vazados

Ainda sem uma data de lançamento, o jogo exigirá uma máquina poderosa.

Durante a E3 2015, foi prometido que Gears of War: Ultimate Edition chegaria aos computadores. Quase um ano depois, o remake do clássico de Xbox 360 chegou ao Xbox One e os jogadores de PC continuam chupando o dedo. Ao que tudo indica está para acabar.


Hoje mais cedo o jogo apareceu na Windows 10 Store. A página foi logo retirada do ar, mas o site Windows Central foi rápido no gatilho e conseguiu capturar algumas screenshots. O jogo é basicamente o mesmo que foi lançado em agosto de 2015 no XBO, mas quem adquirir a versão para Windows 10 ganhará 11 personagens bônus no multiplayer e acesso ao Deluxe Weapon Skin Pack.

Mais interessante ainda, a página continha os requisitos mínimos para se rodar o título. Eles são... bem exigentes, para se dizer o mínimo.

Requisitos mínimos:
  • OS: 64 bit Windows 10 – versão 1511
  • Processador: Intel Core i5 @ 2.7Ghz ou AMD FX 6-core
  • Memória: 8 GB RAM (2 GB VRAM)
  • Placa gráfica: Geforce GTX 650 Ti ou Radeon R7 260x
  • Disco Rígido: 60 GB de espaço disponível
  • DirectX 12
Requisitos recomendados para jogar em 1920x1080p:
  • OS: 64 bit Windows 10 - versão 1511
  • Processador: Intel Core i5 @3.5GHz+ ou AMD FX 8-core
  • Memória: 16 GB RAM (4 GB VRAM)
  • Placa gráfica: GeForce GTX 970 ou Radeon R9 290X
  • Disco Rígido: 60 GB de espaço disponível
  • DirectX 12
Requisitos recomendados para jogar em 4K:
  • OS: 64 bit Windows 10 - versão 1511
  • Processador: Intel Core i7 @ 4Ghz ou AMD FX 8-core
  • Memória: 16 GB RAM (6+ GB VRAM)
  • Placa gráfica: Geforce GTX 980 Ti ou Radeon R9 390X
  • Disco Rígido: SSD + 60 GB de espaço disponível
  • DirectX 12
 60 GB de espaço? No mínimo uma GTX 650? Pelo jeito terei que trocar as "engrenagens da guerra" de meu PC.

Lucas Pinheiro Silva é analista de sistemas web por profissão, gamer por vocação. Tem grande interesse em game e level design, o que o levou a escrever para o GameBlast. Em seu Facebook e Twitter também fala de outras coisas, como HQs, música e literatura.

Comentários

Google+
Facebook


Podcast

Ver mais

No Facebook

Ver mais