Jogamos

Análise: Em WWE 2K16 (Multi), a estrela da luta livre é você

A nova temporada da série de wrestling baseada na organização WWE lhe dá a chance de se tornar um Superstar do passado, presente e futuro.


Comecei a gostar de luta livre em meados dos anos 1990, assistindo SuperCatch na já extinta TV Manchete. O programa passava versões editadas de lutas da WWE (na época ainda conhecida como WWF), a mais famosa organização de pro wrestling do mundo. O programa me cativou, e foi o que tornou WWF Raw para SNES uma compra certa, pois este misturava o mundo dos games com as lutas. Com o avanço da geração de consoles, evoluí para o primeiro PlayStation e adquiri WWF War Zone. Infelizmente parei por aí, já que na época ficou difícil acompanhar as transmissões dos eventos no Brasil.
A WWE marca território no mundo dos games faz muito tempo.


Esse cenário mudou faz alguns anos com entrada de mais canais de TV a cabo e com a internet transmitindo conteúdo ao vivo. Como voltei a assistir a eventos de luta livre, meu interesse pela WWE cresceu novamente, então não pude perder a oportunidade de conhecer o primeiro passo de pro wrestling dentro da atual geração. Pronto para explorar as novidades trazidas pela 2K Sports em WWE 2K16?

A cascavel texana

A mais nova edição da franquia utiliza como estrela principal e capa “Stone Cold” Steve Austin, lutador que foi ícone da WWE do final da década de 1990 e início de 2000. Ele ficou marcado por ser uma espécie de anti-herói, desafiando normas dentro e fora dos ringues e contrariando diversas vezes até mesmo o proprietário da WWE, Vince McMahon. Além de marcar sua presença na capa, WWE 2K16 revive a carreira do já aposentado astro no modo 2K Showcase. Austin foi muito importante no final dos anos 1990 para reconsolidar a marca da WWE. Esse período ficou conhecido como Attitude Era e foi responsável por algumas das melhores disputas dentro da organização.
Os combates refazem o histórico da época, inclusive alterando o logo, comentaristas e até mesmo a qualidade da imagem

Dentro do modo 2K Showcase, você é apresentado a vídeos originais de partes dos combates mais importantes da história da competição, misturados com cenas renderizadas dentro do jogo. Depois de algum tempo, você toma controle da ação, e conforme vai cumprindo certos objetivos (como arremessar o oponente para fora do ringue ou executar algum golpe especifico), a luta vai voltar a cenas renderizadas automáticas demonstrando ações que aconteceram de verdade. Isso faz você se sentir parte da história. Não é necessário realizar todos os objetivos para finalizar esses combates, mas, ao fazê-los, você libera conteúdo desbloqueável como roupas, lutadores e arenas que podem ser utilizadas nos outros modos de jogo.
Liberar todos os conteúdos toma bastante tempo

Faça você mesmo

Outro interessante modo de jogo é o MyCareer. Aqui você pode criar um lutador do zero, customizando seu visual, características físicas, golpes, personalidade e até mesmo um vídeo de entrada. Você inicia na liga de desenvolvimento NXT e aos poucos começa a evoluir suas habilidades com pontos que ganha após os combates, para assim tentar alcançar o topo. Esses pontos podem ser gastos para melhorar habilidades atuais ou adquirir coisas diferentes, como executar golpes a partir da terceira corda do ringue. A pontuação adquirida é ainda maior caso você consiga executar um bom show, variando golpes e criando drama de verdade em seus combates. Assim, o jogo o incentiva a não ficar repetindo sempre a mesma estratégia.
É muito legal interagir com toda organização enquanto tenta criar sua carreira dentro da WWE
Você vai se sentir parte dos programas da WWE, pois pode interagir com outros lutadores, invadir a luta de algum rival, dar entrevistas após as lutas e até mesmo interagir com a Autoridade, o grupo que preside a organização de pro wresting. Eventualmente você começa a subir seu nível de lutas, participando de mais programas da WWE, eventos de pay-per-view e brigando por títulos. Também é possível focar em lutas de duplas em vez de individuais e criar amizades fixas com outros membros do elenco.
Entrevistas pós-combate são importantes e ajudam a moldar sua personalidade.


Infelizmente, o modo MyCareer ficou exclusivo ao PS4 e Xbox One, assim como excluiu a possibilidade de criar a carreira vitoriosa de uma lutadora (aqui conhecidas como Divas) dentro da organização. É possível criar Divas utilizando uma ferramenta separada para criação de personagens, mas elas não podem ser usadas aqui de toda maneira.

Monte tudo do seu jeito

Além da criação de personagens, é possível criar títulos, programas de TV e arenas customizadas para suas lutas. O jogo fornece diversas ferramentas detalhadas para tal, assim como é possível reaproveitar conteúdos já prontos como base para suas customizações, que podem ser divididos e encontrados facilmente dentro do jogo via internet. Entretanto, há uma estranha limitação: só é possível baixar 20 conteúdos customizados por dia em seu console. Qual será a razão dessa restrição?

Todas entradas de lutadores são muito bem feitas, fidedignas às originais.
É possível utilizar o conteúdo original do jogo junto com todo seu conteúdo customizado dentro do modo WWE Universe. Aqui, você consegue alocar quem são os atuais campeões dos diversos títulos, assim como quais lutadores fazem parte dos diversos programas da WWE. O jogo possui uma configuração padrão com boa parte do elenco atual da WWE já com seus respectivos títulos, assim como inclui lutadores clássicos já aposentados faz um bom tempo, como The Ultimate Warrior, Andre the Giant e “Macho Man” Randy Savage que podem ser incluídos na rotação dos programas. São 120 lutadores inclusos e ainda é possível adicionar títulos e lutadores customizados que você criou ou baixou para participar dos diversos programas da WWE. Inclusive uma das atrações é a presença do personagem Exterminador do Futuro, do filme homônimo popularizado por Arnold Schwarzenegger. O próprio jogo então cria rivalidades entre os participantes e vai escalando os diversos combates da semana, que você pode ou não tomar parte escolhendo um dos jogadores. É como ser diretor da empresa e lutador ao mesmo tempo.

Mas, se isso tudo pareceu muito complexo, você pode simplesmente escolher um modo de jogo, seu lutador favorito e partir para a pancadaria. É possível escolher diversos tipos de lutas, como individuais, duplas, todos contra todos, assim como situações de evento como lutas com escadas, mesas e cadeiras ou dentro de uma jaula de aço. Se prefere jogar contra pessoas de verdade, o jogo permite até quatro jogadores no mesmo console ou em combates via internet.
Misturar CM Punk, Braun Strowman e Samoa Joe em uma jaula de aço? Sua imaginação e os downloads são o limite para os combates.

Movimentação no ringue

A jogabilidade é complexa inicialmente, por utilizar muitos botões para várias coisas. Mas isso faz sentido, já que você vai ver a execução de diversos tipos de golpes pelos lutadores. Basicamente você utiliza o direcional analógico para andar, segura um dos botões gatilho para correr, utiliza outro botão de gatilho para dar contra-ataques, e alterna os botões principais do controle em socos/chutes, agarrões, arremessos e golpes especiais.

Entretanto, esses golpes podem ser diferentes se você segurar o analógico para alguma direção enquanto aperta o botão para executá-lo. Os golpes também são diferentes dependendo da posição dos oponentes. Alguns são feitos enquanto o alvo está no chão, de costas, no canto ou em cima do poste. Cada lutador possui uma configuração prévia de quais golpes estão alocados de uma enorme lista, que pode ser customizada dentro da opção de editar os personagens.
São tantas opções de golpes que você até pode se perder configurando tudo.


Uma das partes mais legais das lutas é com a execução de Signature Moves, golpes especiais exclusivos de cada lutador e que só podem ser executados algumas vezes, em circunstâncias bem específicas. Eles geram bastante apreço do público ao seu lutador, e, quando essa afeição alcança 150%, você ganha um Finisher. Esse golpe costuma ser um arremesso ou submissão especial, forte o suficiente para que você consiga ganhar o combate após usá-lo – desde que não sofra um contra-ataque durante sua execução.
Cada golpe causa dano em uma parte específica do corpo de seu oponente.

Contra-ataques são executados ao se pressionar no instante correto o botão de gatilho (o R2, no caso do PS4) e evitam o golpe do oponente, podendo até mesmo causar a ele um dano maior do que o que seria recebido. Você possui uma quantidade máxima de contra-ataques (conhecidos como reversals) e precisa esperar a barra se recarregar lentamente caso esta se esgote. Portanto, apesar de serem golpes poderosos, você pode se ver sem a possibilidade de utilizá-los quando mais precisar se não souber executá-los nos momentos certos.

Gigantes do Ringue

A 2K Sports conseguiu criar uma bela experiência com WWE 2K16, revisitando características que não existiam na versão 2015, como o modo MyCareer, e adicionando mais possibilidades de disputas, melhorando assim em muito a experiência dos combates. Contudo, passa-se a impressão de que eles ficaram muito presos ao sistema de reversals, de tão fortes que esses golpes acabam sendo. O sucesso dentro do jogo depende muito de que você aprenda os tempos certos nos quais pode executar os contra-ataques, tornando possível lutar praticamente só com eles.

O jogo possui uma trilha sonora muito bacana, contando com músicas eletrônicas, rock e hip-hop tanto clássicas quanto atuais. Então, espere encontrar desde Billy Idol a Run DMC, passando por nomes mais recentes como Zac Brown Band e Fashawn. Também é possível adicionar os temas dos lutadores à playlist dos menus e tornar seu tempo navegando nas diversas opções ainda mais interessante.
São todas boas opções musicais, encaixando com o tema dos lutadores.


Infelizmente, a produtora não acompanhou essa evolução para os gráficos do jogo. Eles estão bonitos, mas parecem não terem sido feitos para explorar ao máximo as possibilidades do PS4 e XBO. Alguns lutadores ficaram com rostos deformados ou formato corporal um pouco estranho. O jogo também conta com alguns bugs gráficos, como objetos colocados onde não deveriam estar ou nomes trocados para alguns personagens.
Até mesmo o nome dos lutadores pode ser trocado por alguns dos bugs do jogo


Ainda assim, os modos disponíveis para o jogo tornam-no a experiência definitiva de pro wrestling para consoles. WWE 2K16 está disponível desde o final de outubro para PS3, PS4, X360 e XBO e é diversão garantida para levar as lutas dos ringues da TV para a sua sala.
Cada uma das opções desse menu possuí mais umas oito dentro deles. Modos de jogo é o que não faltam aqui.


Prós
  • Várias possibilidades de modos de jogo;
  • Revive combates históricos da carreira de “Stone Cold” Steve Austin;
  • Cria combates dos sonhos misturando lutadores de diferentes gerações.

Contras
  • Limitação do conteúdo de Divas;
  • Gráficos abaixo do potencial dos consoles atuais;
  • Lutas dependentes demais do sistema de reversals.

WWE 2K16 – PS3/PS4/X360/XBO – Nota 8.5
Versão utilizada para análise: PS4


Revisão: Robson Júnior
Capa: Daniel Serezane
Vinicius Eleno é formado em Administração de Empresas pela USP, e mestre em cultura inútil pelas experiências de vida. Desde 1993 gosta de explorar o mundo dos games em seu tempo livre. Pode ser encontrado reclamando da vida no Facebook e Twitter.

Comentários

Google+
Facebook


Podcast

Ver mais

No Facebook

Ver mais