Sam Riveira, produtor de Fifa 16, bate papo com jogadores no estande da Warner Bros. na BGS

Produtor de Fifa 16 exibe toda a sua habilidade no game e tira duvidas dos jogadores

 Sam Riveira subiu ao palco da Warner Bros. na BGS esbanjando simpatia e bom humor. Durante a apresentação Sam disputou uma partida de Fifa contra um convidado da platéia. E utilizando o time América(Mex), mostrou toda a sua habilidade com o controle. Vencendo o convidado, que utilizavá o São Paulo, por 1x0.



Após a partida, Sam iniciou um bate papo com a platéia.  No qual ele falou sobre a dificuldade de aprimorar cada vez mais, uma franquia, que para ele, é o melhor simulador de futebol. Um dos cuidados tomados durante a produção do game foi o nível de complexidade para joga-lo. A equipe de desenvolvimento trabalhou pensando em agradar desde o jogador casual até os profissionais do e-sports.
"Nos queremos que todos possam jogar, e oferecemos todas as ferramentas necessárias para isso. Pode ser que Fifa 16 seja mais complicado em um primeiro momento para quem nunca jogou antes, mas é porque tentamos tornar o game parecido com o futebol de verdade", explicou.
Alguns visitantes reclamaram de algumas falhas encontradas no game. E Sam explicou a importância dos fóruns da Eletronic Arts. Seja para relatar problemas ou para dar sugestões de melhorias. Pois existe uma equipe que trabalha coletando todas as informações passadas pelos jogadores através do fórum.




Quando questionado sobre o maior desafio encontrado durante a produção do game. Sam citou a adição de equipes femininas no game. Como foi algo totalmente inovador para série. Foi difícil atribuir os valores e habilidades de cada jogadora, e principalmente, manter uma coerência, quando comparado com os jogadores do futebol masculino.

A ausência da liga brasileira também foi assunto do bate papo, mas essa era uma questão que estava fora do seu controle, já que ele não participa das negociações de licenciamento das equipes, mas garantiu que a intenção é que franquia tenha o maior número de competições e equipes, para tornar a experiência cada vez mais real.

Após a apresentação,  o produtor ainda posou para fotos e deu autógrafos para os fãs.


Ruan Fernandes conheceu os videogames muito cedo e logo se apaixonou, paixão esta que o levou a montar uma locadora de games, formar-se em Informática na FATEC, desenvolver alguns jogos e escrever para o GameBlast. Atualmente pode ser encontrado no Facebook ou surrando outros Players em partidas online de Mario Kart a Mortal Kombat.

Comentários

Google+
Facebook


Podcast

Ver mais

No Facebook

Ver mais